Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Time argentino "dodói" eu nunca tinha visto. Este Tigre é uma vergonha para o país vizinho

13 de dezembro de 2012 31

Este time do Tigre, além de varzeano, deixa uma novidade, além de um título ao São Paulo: a era dos times argentinos “dodói”. Algo, aliás, impensável, situação que imaginávamos impossível.

Guerreiros, lutadores, bravos, cheio de hombridade e força física e mental descomunal, esta sempre foi a característica dos Hermanos.

Nossos respeitáveis vizinhos, jamais esmoreciam, em hipótese nenhuma se davam por vencidos, lutavam até o fim e as vezes conseguiam feitos que pareciam impossíveis.

Não voltar do vestiário foi ridículo, logo no Morumbi, um estádio top, algo que beira ao ridículo, ainda mais sob acusações de agressões pouco prováveis de serem comprovadas.

Ver o Olé comprar esta farsa dos argentinos é triste. Deveria, o periódico, era cobrar deste time que respeitasse suas origens.

Ora, vamos combinar, o que times brasileiros já sofreram em gramados sul-americanos, é fichinha perto do que houve no jogo. E não é justificar violência, apenas constatação.

Sempre me irritou muito ver brasileiros capengando na Libertadores por falta de ousadia, coragem e por ver o medo no olhar de alguns atletas. Nunca imaginei que veria o mesmo do outro lado. Aconteceu.

Cair sem lutar é o pior exemplo que um desportista pode dar.

Bookmark and Share

Comentários (31)

  • Rey You diz: 13 de dezembro de 2012

    Estava torcendo pra eles só por causa do nome. Mas já vi que tigre no mundo só o Criciúma mesmo. Esse tigre era até azul.

  • Luiz Fernando diz: 13 de dezembro de 2012

    Levaram “um couro” dentro e fora de campo. Metidos a machões, tentaram invadir o vestiário do SP. A atitude dos jogadores do Trigres dentro de campo já comprovou esse tipo de comportamento. Isso ocorreu nas duas partidas. Bateram muito, tentaram intimidar os jogadores do SP a todo instante. Se deram mal. Jogando um futebol ridículo, tivessem voltado, levariam mais dois, ao natural.
    Achei foi pouco!

  • Robison diz: 13 de dezembro de 2012

    Falta aos Argentinos hombridade. Perderam no campo e tentar criar um fato. Fora até a saída do São Paulo para fazer o que? Apertar a mão que não foi. Deram porrada e queriam que não fosse revidado? Seguranças e Comissão técnica do Tigres atacando e batendo em jogador do São Paulo. Tudo foi feito para garantir o futebol. Mas eles não tinham isso para oferecer. SE CAGARON e FUGIRAN depois de duas pelotadas.

  • Francisco diz: 13 de dezembro de 2012

    Que tal a imprensa cumprir o papel investigativo antes de emitir pareceres finais… os policiais e grupo de seguranças do São Paulo são indicios de que algo grave houve… a entrevista de um Oficial da PM Paulista dizendo que ocorreu confronto com os seguranças do SP… tem uma gama de variantes… análise de imprensa é bem diferente de amor de torcedor… rivalidade não condiz com falta de respeito a direitos do rival… enfim

  • José Carlos diz: 13 de dezembro de 2012

    Parabens pelos comentários. Muito bem colocados. Realmente muito triste ver o Olé e outros meios argentinos aceitarem esta farsa sem cabimento. Já passou da hora de acabar estas farsas no futebol. Este Time (Tigre) tem que ficar no minimo 10 anos sem participar de nenhuma competição internacional, continue so participando da serie B da Argentina. Vamos ver que punição irão receber. Abraços.

  • VALMIR MEURER IZIDORIO diz: 13 de dezembro de 2012

    Estou em Buenos Aires a estudos e assisti ao primeiro Jogo do São Paulo e esse tal de “tigre” aqui na Argentina no estádio do Boca e assisti o segundo pela TV. Concordo plenamente com o texto do colunista, pois, foi vergonhoso o que fizeram no Morumbi através de atitudes anti- desportivas que foi aprovado totalmente por toda imprensa Argentina. E o que é pior ainda, criaram um clima de animosidade entre os futebolistas dos dois países. Conversando com Argentinos antes do primeiro jogo, informaram que trata-se de uma time sem expressão e que nunca foi campeão de nada. Analisando-se os dois jogos, foi pouco 2 a 0, pois, o correto seria no mínimo uns 8 a zero nos dois jogos, pela fraca “pelota” apresentada pelo Time Argentino . Vergonhosa a atitude do tigre e a manifestação totalmente parcial e tendenciosa da imprensa Argentina. Porém, não podemos generalizar a situação, pois samos que a Argentina tem grandes clubes de futebol e merece respeito e este que disputou com o São Paulo não tem qualquer relação com a grandeza do futebol portenho.

  • Tigre só o daqui diz: 13 de dezembro de 2012

    TIGRE de verdade só o de Santa Catarina.

    Esse azul aí é uma vergonha até pro nome que usam.

  • Mazinho Alvinegro diz: 13 de dezembro de 2012

    O futebol Sul-Americano está em queda livre e já faz tempo.
    Hoje, o sonho de qualquer perna-de-pau é jogar fora do continente e não interessa, pois até a China serve, imaginem a Europa ocidental (o Eden do futebol).

    Ah!

    Domingo, torcerei com veemência e muita intensidade contra o time do governo (PT).
    Quero que o time do Lula-Lá pros quintos, seja esculachado, humilhado e avacalhado pelo Chelsea … hehehehe!!

  • Francisco diz: 13 de dezembro de 2012

    Quero apenas ver o resultado da investigação… seria surpreendente para alguns.. se fosse o São Paulo punido pelo ato de seus seguranças… se for o mandatário do jogo o responsável pela não realização do segundo tempo…
    O greNAL foi disputado e houve punição, branda, mas houve ao mandante por jogarem rojões na área técnica do INTER.. e a invasão de um vestiário por seguranças do mandante será que não repercute em nada???

  • Everton Lodi diz: 13 de dezembro de 2012

    Porrada nos Argentinos foi POUCA!!! Mereciam apanhar mais!!! Se acham algo coisa MAS NÃO SÂO NADA!!!

  • Carlos Cojeka diz: 13 de dezembro de 2012

    Veja o detalhe: eles, que são acostumados com catimba e provocação, não suportaram o sarrinho que o Lucas fez. A confusão começou aí. Tás compreendendo?
    Coisa horrorosa esse Tigre. Se ainda fosse um Leão…

  • Alan diz: 13 de dezembro de 2012

    Time argentino sempre bate pra caramna, provoca o tempo todo e normalmente tem êxito com alguma expulsão de jogadores brasileiros que “caem” na deles. O mais interessante é que parece que os árbitros só vêem quando os brasileiros revidam, mas nunca (ou pouquíssimas vezes) quando os argentinos batem!
    Quero deixar claro, no entanto, que não estou aprovando qualquer tipo de violência, mas me parece bastante provável que os argentinos provocaram e tiveram o troco (talvez maior do que esperavam) e ficaram “aiaiai, uiuiui”, ou seja, pipocaram, pois na bola já tinha perdido há muito!!!!

  • GJ diz: 13 de dezembro de 2012

    Parcial é o senhor Castiel aí… só podia ser catarina mesmo. Aprovar e defender quem aponta armas para DESPORTISTAS… é no mínimo um ACÉFALO!
    Espero que o Brasil sofra todas as sanções necessárias depois disto. Morumbambi banido das competições internacionais é o mínimo!

  • Juan diz: 13 de dezembro de 2012

    Sr. Castiel. O Tigre é uma exceção. Garanto que se fosse Boca, River ou Independiente a conversa seria outra.

  • PB diz: 13 de dezembro de 2012

    Pelo preconceito e arrogância do senhor GJ, só pode ser gaúcho. Tanto preconceito para falar sobre violência é algo contraditório, afinal, é o preconceito quem gera, muitas vezes, a violência psicológica e física.

  • A CONMEBOL É UMA VÁRZEA – Marcelo diz: 13 de dezembro de 2012

    a Conmebol é um várzea, com em geral são as coisas no 3º mundo, quando os times brasileIROS vão jogar competições sulamericanas lá fora o pau come o tempo todo, é pedra, garrafa atirada no campo, fora o jogo sujo característico dos “hermanos” quando estão perdendo ou jogando mal…

    o que foi provado até agora (foi filmado) é que os gringos é que começaram a confusão e tentaram agredir os jogadores do SP…os seguranças fizeram o seu trabalho

    a historinha da arma apontada tá parcendo a do goleiro rojas (lembram dele?) que simulou ter sido atingido por um foguete e depois ficou provado que foi uma farsa

  • Fabio diz: 13 de dezembro de 2012

    A pergunta que deve ser feita: porque um time de tamanha grandeza e de experiencia em competições internacionais que ganhava de um placar de 2×0 em casa faria de maneira gratuita uma emboscada aos jogadores do Tigre no vestiário?
    Estupides do São Paulo ou uma tentativa catimbada dos argentinos em avançar ao vestiário tricolor, buscando o desfecho que melhor lhes cabiam? “Somos vítimas de violência”, “O futebol brasileiro é uma vergonha”, “Estavam armados”.
    Lamentável o incidente! É evidente que o Tigre não tinha condições físicas e psicológicas para o prosseguimento da partida, mas não foram eles que procuraram isso com tal investida?
    Os seguranças deixariam, complacentemente, os jogadores argentinos invadirem o vestiário tricolor?
    Resultado de tudo isso é um título tão esperado manchado pela falta de profissionalismo argentino, que não soube perder desde o primeiro jogo, e pela violência mutua que poderia ter sido evitada com policiais de prontidão desde o início nos corredores dos vestiários.

  • Rodrigo diz: 13 de dezembro de 2012

    A Argentina de uns anos atrás, economicamente e futebolisticamente era outra com certeza, hj a Argentina está mergulhada num caos financeiro, político que parece estar afetando a índole e a garra antes tão venerada por nós, hj o país é uma caricatura de outrora.

  • arcisio diz: 13 de dezembro de 2012

    eu gostaria mesmo que o sr.gj fosse um pouco menos preconceituoso com os catarinenses, nao sei de onde ele e natural so que e de uma falta de inteligencia de todo tamanho vai aprender a ter um pouco de cultura seu ignorante (arogante) e olha que nao suo sao paulino seu imbecil……

  • arcisio diz: 13 de dezembro de 2012

    ha, e nao duvidem se alguem for perguntar a esse tal de Gj e bem capaz que ele nem saiba quantos lados tem uma bola….kkkkkkkkkkk

  • Luiz diz: 13 de dezembro de 2012

    Procuram briga o jogo todo, depois levaram uns tapas e disseram: “não queremos mais brincar”.

    E essa Conmebol é uma piada. A Fifa deveria tomar uma atitude no futebol desses países atrasados.

  • Ricardo Negão diz: 13 de dezembro de 2012

    Tudo lamentável!!! Em primeiro lugar não deixar um time de futebol fazer o aquecimento no campo de jogo antes do próprio jogo é de uma várzea lastimável por parte do S. Paulo. Depois, polícia agredir jogador de futebol, sendo este “a estrela do espetáculo” é algo próprio de povo Subdesenvolvido. Que feio para um país que sediará a próxima Copa do Mundo. O Tigres foi errado, sim foi, mas, como foi dito no post que argentino é guerreiro e tudo mais, algo grave realmente ocorreu. Esse fato vai acirrar muito o ânimo dos argentinos nos próximos enfrentamentos, e os times brasileiros vão “pagar o pato” pelo SPFC. Ah e alguns “machinhos” que postam bobagem aqui, duvido que devam ir a um jogo na Argentina, aí sim quero ver se honram o saco que possuem!!!

  • Ricardo Negão diz: 13 de dezembro de 2012

    PB!!! Queres dizer que todo gaúcho é arrogante??? Conhece o Rio Grande do Sul??? Tens prova disso??? Respeita que serás respeitado caríssimo. Quer vir com papo de moralista por aqui e em seguida ofende um povo!!! Vira gente cara e dobre essa tua língua de trapo e engole antes de vir falar mal de gaúcho. Essa tu merce ler: CATARINA IGNORANTE E INSIGNIFICANTE!!!

  • Ronaldo diz: 13 de dezembro de 2012

    Olha, temos que parar com essa mania de julgar as pessoas sem saber o que aconteceu.

    O Tigre entrou em campo pra catimbar? Tudo leva a crer que sim.

    Mas nada disso justificaria a segurança do Sao Paulo agredir os jogadores do Tigre. SEGURANÇA NAO PODE AGREDIR NINGUEM. Só que não temos como saber o que realmente aconteceu.

    Se houve confronto físico com os seguranças e os jogadores ou comissão técnica temeram por suas vidas, fizeram MUITO BEM em não voltar a campo.

    Eu admiro a atitude de nao voltar a campo zelando pela integridade física dos atletas. O que eles fizeram em campo (bateram muito) só aconteceu por causa de um juiz muito fraco e banana que acabou com o espetáculo.

    Me impressiona a inversão de valores de algumas pessoas da imprensa. Jamais podemos ser condescendente com a violência, e um time grande como o Sao Paulo nao tem espaço pra isso.

    Se for comprovado que a integridade física dos jogadores do Tigre foi posta em risco pelo Sao Paulo, o Sao Paulo tem que ser punido, inclusive com a perda do título.

    Como não houve nenhuma prova (indícios não são provas!), nao podemos acusar ninguem, nem Tigre nem Sao Paulo.

  • Ricardo B. diz: 13 de dezembro de 2012

    Discordo de você, Castiel. O Coronel da Policia que estava no Morumbi afirmou que os seguranças do São Paulo bateram nos jogadores do Tigre. Já viu segurança privada bater em jogador? O São Paulo é que foi covarde.

  • Heloísa Pires diz: 13 de dezembro de 2012

    O ÔNIBUS DO TIGRE JÁ CHEGOU AO ESTÁDIO LEVANDO PEDRADAS POR TODOS OS LADOS. NA VÉSPERA, NÃO PUDERAM FAZER O CONHECIMENTO DO CAMPO PORQUE O SÃO PAULO ALEGOU QUE O GRAMADO ESTAVA RUIM. MINUTOS ANTES DO JOGO NÃO ERA POSSÍVEL OS JOGADORES FAZER AQUECIMENTO NO CAMPO. TIVERAM QUE PULAR UM ALAMBRADO PARA PODER CHEGAREM NO CAMPO. E OS CARAS QUEREM QUE OS JOGADORES DO TIGRE TENHAM SANGUE DE BARATA!…DEPOIS, SÃO VIOLENTADOS NO VESTIÁRIO. AH!…VÃO SE CATAR!

  • alex jec diz: 13 de dezembro de 2012

    castiel não tem santo nessa história esse time é varzeano e bateu um monte eu concordo contigo, mas os seguranças do são paulo não podiam partir pra briga com eles por mais que eles tenham feito ‘m’ e tentado invadir o vestiário dos bambis os seguranças tinham que apasiguar a situação e evitado o conflito se não conseguiram e partiram pra briga com os argentinos mostram que são despreparados pra função e se usaram arma é pior ainda teriam que ser indiciados .

  • ZEMA diz: 13 de dezembro de 2012

    NÃO SOU SÃO PAULINO, MAS O QUE ESTES ARGENTINOS FIZERAM LÁ E AQUI NO BRASIL, TINHA QUE APANHAR MUITO MAIS. ESSE NEGÓCIO DE SER VALENTE NA CASA DOS OUTROS, NÃO RESPEITAR NINGUÉM, QUERER BATER EM TODO MUNDO TEM QUE ACABAR, E SÓ VAI ACABAR O DIA EM QUE ELES APREENDEREM QUE AQUI NO BRASIL NÃO É A CASA DA MÃE JOANA. TINHA QUE TER MAIS SEGURANÇAS PARA METER O CACETE NELES. DEPOIS QUE FIZERAM A PALHAÇADA, COLOCARAM O GALHO DENTRO, FICARAM CHORANDO, FOI POUCO, MUITO POUCO MESMO.

  • Mike diz: 14 de dezembro de 2012

    Acho que muita gente não sabe para que serve um segurança ne, eles tem que tentar acalmar os animos mas não podem ficar apanhando e não fazer nada, jogadores do Tigres tentaram invadir o vestiario do SPFC (que por sinal é bem longe do deles) e os seguranças tiveram que intervir. Lembrando que Segurança em campo de futebol não porta arma de fogo (o maior erro do Tigres foi falar isso) só policial, com isso ja foi quebrado um dos argumentos deles. O SPFC geralmente não deixa o outro time aquecer no gramado (aconteceu isso no brasileiro). Não acho que o SPFC seja tão inocente assim tambem, mas falta muita coisa no futebol brasileiro, porque não temos cameras nos corredores que levam para o vestiario ? Com elas teriamos mais segurança e se viesse a ocorrer um fato deste teriamos videos para comprovar os fatos, mas isso so vai mudar quando algum desportista for muito agredido (ou morto) no caminho para o vestiario.

  • Marcelo diz: 14 de dezembro de 2012

    Ricardo Negão é mais um daqueles gaúchos que queria ser argentino, com certeza tem posters do Maradona na casa dele
    huehauehuaheaa

    no mais, seguranças e policiais não devem agredir ninguém, mas isso não significa que eles têm que assistir os atletas argentinos partir pra ignorância e não fazerem nada….falar sentado na frente do pc é fácil ,quero ver é na hora do calor dos fatos um baita dum marmanjo gringo querer vir dar na tua cara, cuspir e te empurrar e tu não fazer nada…. tem que baixar a borracha mesmo

  • ZE ALVINEGRO diz: 15 de dezembro de 2012

    Sr GJ voce é mais um PSEUDOARGENTINO como muitos que nunca sairam de seu estado e portanto não conhecem outros povos outros estados deste imenso pais , o que aconteceu no morunba não foi nada perto do que sempre conteceu quando jogamos com nossos vizinhos , que deveriam jogar ruby ou lutar MMA ao invés de jogar futebol , mas isto foi muito bom para a cronica e para os admiradores que defendem o futebolzinho do vizinho , que parecem mulher de vagabundo apanham igual a boi na canga e continuam gostando aceitando e defendendo o safado , procure valorizar nosso futebol que é admirado no mundo inteiro , futebol da arte da genialidade e não da apelação da intimidação da rudeza o tempo dos gladiadores dos trogloditas já passou .

Envie seu Comentário