Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Renato Gaúcho e Roth rejeitam o Criciúma. Ainda bem, melhor para o Tigre, que nem deveria tê-los procurado

27 de agosto de 2014 12

Renato Gaúcho, através de seu empresário (clique aqui e leia) disse um sonoro não ao Criciúma.

O mesmo aconteceu com Celso Roth, que não aceitou sequer ouvir a proposta do Tigre (veja a informação clicando aqui).

Vejam como está este mercado de técnicos brasileiros. Inflacionado, uns caras se achando a última bolacha do pacote, ganhando fortunas e até recusando trabalho na elite do futebol brasileiro.

A culpa é dos próprios clubes, que se submetem a este clubinho para lá de ultrapassado e em parte determinante pela pouca evolução tática e técnica do futebol brasileiro.

Um clubinho para lá de ultrapassado.

Bookmark and Share

Comentários (12)

  • alvinegro diz: 27 de agosto de 2014

    mas Castiel a maioria dos treinadores tão desempregados inclusive os “bons”, e logo logo vai acabar esses altos salários pra um cara ficar gritando do lado do gramado, é muita estrela pra pouca constalação. 20 ou 30 mil por mes já é um ótimo salário pra treinador. Mas no caso do Criciuma é falta de senso do ridiculo, não adianta anunciar Leão, Renato, Mourinho porque no final eles vão trazer é o zé pombinha mesmo ou qualquer outro bolerão

  • TIGRE CARVOEIRO diz: 27 de agosto de 2014

    Ainda bem que não fechou com esses técnicos experts em rebaixamento!! Seria melhor fechar o clube e só reabrir no ano que vem

  • mario diz: 27 de agosto de 2014

    Castiel o dia em que os dirigentes de clubes se unirem para acabar com esta FARRA que é o salário de treinadores no Brasil, nosso futebol vai melhorar muito. Deveriam fazer assim: estabelecer um teto para treinadores da série A que deveria ser de R$ 200 mil reais. Para a série B teto de R$ 100 mil reais. Mas isto deveria ser seguido por todos os clubes brasileiros. Hoje tem treinador ganhando a bagatela de R$ 1 milhão de reais por mês. Alguns diriam, assim o fulano e o beltrano não vão querer dirigir os clubes. Ótimo então que procurem emprego na Europa e DUVIDO que seriam contratados. Não existe mercado para treinadores brasileiros na Europa e alguém sabe dizer porque ?? Porque eles não se reciclam e já se acostumaram a ficar rodando pelos clubes brasileiros e levando a grana destes clubes falidos. A um tempo o Flamengo pagava o salário de 4 treinadores ao mesmo tempo, porque demitia e não tinha dinheiro para pagar as rescisões e desta forma ia pagando os salários até o fim dos contratos. ë mole ou queres mais.

  • Paulo diz: 27 de agosto de 2014

    Que é que vai querer entrar em barco furado.
    Vai acabar vindo um Zé qualquer!
    KKKKKKKKKKKK tigrada………

  • wellington silva diz: 27 de agosto de 2014

    Treinador se encontra em qualquer lugar,agora técnico muito difícil! Depois em uma copa a seleção leva 7 aí querem saber o por
    quê!

  • Edu diz: 27 de agosto de 2014

    O Criciúma montou um elenco típico de times que caem. Pega um bando de medalhões em fase acentuada de declínio técnico e acha que montou um bom time.

    É difícil algum treinador dar jeito num elenco com Cortez , Souza , C.Santana, P.Beier ,Fabio Ferreira e outros.

    Junto com o Vitória , são os dois times que estão condenados ao rebaixamento

  • Eduardo Bastos diz: 27 de agosto de 2014

    Os 3 times de SC na Série A, foram bastante prejudicados pelos seus dirigentes do futebol. A Chapecoense que demorou para demitir o Dal Pozzo, o Figueirense com a gestão desastrada do Rodrigo Pastana e o Criciúma com o dueto Cláudio Gomes e o Guto Silva já saído em junho, em cuja conta estão mais de 40 jogadores, inclusive ex jogadores em atividade (rsrsrsrsrs!) e 4 treinadores. O treinador para encarar gestores de futebol incompetentes e jogadores cheios de malandragem, tem que ter um perfil forte, que não se sinta “empregado” do clube, e aí vejo 3 treinadores marrudos: Muricy, Argel e finalmente Leão. Qualquer outro ” professô” é jogar para cair para a Série B, pois o problema do Tigre é Diretor de Futebol e vestiário!No fim o Antenor Angeloni terá que agir como empresário e presidente de uma instituição com tradição no futebol brasileiro….afinal de contas foi Campeão Brasileiro!

  • MAURINO BASTOS diz: 27 de agosto de 2014

    Concordo plenamente com o comentário do Sr. Mário. E incluo nesse acordo, o salário dos jogadores. Tem muito jogadorzinho ganhando horrores para fazer corpo mole e intriga dentro dos planteis. Mas sabe quando isso vai acontecer ? N U N C A. Por que? Porque os verdadeiros culpados dessa barbárie no futebol chama-se PRESIDENTES DE CLUBES, principalmente do eixo RIO/SÃOPAULO. E são esses os maiores velhacos do futebol brasileiro. Não pagam nem promessa.
    Quanto ao técnico para o Criciuma, embora ache que, pra mim, TÁ RUIM MAS TÁ ÓTIMO, espero que consiga um treinador de personalidade para lidar com esses cobras mandadas, principalmente dentro do Depto. de Futebol. Só devem deixar de ser ZECA PIMENTEIRA e não ficar encima dos treinadores dos times da capital. Quem sabe o Pingo, Ovelha, etc.. kkkk

  • Marcelo diz: 28 de agosto de 2014

    Concordo com você, o tigre nem deveria ter procurado por esses dois, se é pra ouvir não que seja de um técnico como o Tite por exemplo, cara vencedor e que esta em alta.
    agora ouvir não do Renato Gaúcho, que nao ganhou nada, ou do Roth que é o maior simbolo de atraso tático e técnico que nos temos, ai é dureza..
    Isso mostra mais uma vez a incompetência da diretoria, estão completamente perdidos, veja bem, ir atrás do Roth que foi demitido por fazer uma campanha tao pífia quanto a do Criciúma, onde já se viu. Isso sem falar na falta de critério, afinal de contas mandaram o Argel embora no começo do ano, porque ele nao tinha o “perfil” que o clube desejava, agora os caras vão de Roth a Renato Gaúcho??????????? putz….
    Coerência e profissionalismo tem passado longe dos portões do majestoso…

  • Nielsen diz: 28 de agosto de 2014

    Renato foi campeão pelo Fluminense da Copa do Brasil, foi a final da Libertadores, no campeonato brasileiro de 2013 (ano passado) levou a Grêmio ao segundo lugar com classificação direta para a Libertadores. Acho que ele um ótimo técnico, ele só não ficou no Fluminense por conta da briga política entre o presidente e o patrocinador. Sabe lidar bem com os jogadores é um líder.

  • Marcelo diz: 28 de agosto de 2014

    Foi campeão enfrentando o (figueirense não conta), chegou a final da libertadores com um timaço que ele já pegou pronto, e quando a coisa apertou mesmo ele foi derrotado em pleno maraca lotado. Se ele é tao bom assim, me diz algum time com pouco dinheiro ou pouca estrutura onde ele tenha feito um trabalho respeitável?????? Se ele é tao bom assim me diga porque ele nunca termina uma temporada empregado?????? se ele é tao bom porque esta tanto tempo desempregado, já que vários clubes “grandes” trocaram de técnico e ninguém se quer lembrou dele????????
    Com todo respeito é um baita enganador………

  • Pinguim diz: 28 de agosto de 2014

    Abel Ribeiro tá de bom tamanho, mas acho que ele tbem diz NÃO.

Envie seu Comentário