Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

A hipótese Renê Simões, solução para o Criciúma que funcionaria como Geninho para o Avaí ou Argel para o Figueirense

28 de agosto de 2014 6

Observo e imagino o desespero e Argel Fucks e de Geninho para as próximas rodadas. Penso e imagino o drama para o restante dos campeonatos em que têm seus times envolvidos.

Estes dois técnicos são um presente que Figueirense e Avaí ganharam nessa temporada. Digo isso por ver o drama do Criciúma atrás de um treinador, justamente por não ter acertado a mão nesse quesito no início da temporada.

E me preocupei no início por ver o Tigre procurando soluções em medalhões pouco interessados no clube. Quando poderia e deveria apostar em tiros certeiros. Para não dizer que este blogueiro se omite, um dos nomes que ninguém falou em público ainda, mas sei que está na pauta por lá é o de Renê Simões. Então, este eu acho que, dos listados até agora, seria uma boa aposta. E se não for ele, um nome desta estirpe, que tenha tradição em bons trabalhos de recuperação, honestidade no discurso e conhecimento tático e técnicos comprovados.

Justamente os casos de Argel e Geninho, que são presentes para os clubes da Capital porque Argel e Geninho trabalham com inteligência, experiência e conhecimento, mesmo que num limite absolutamente constrangedor de recursos humanos.

Apresentam para os jogos soluções honestas e que extraem dos times o máximo em motivação e consistência com o que têm na mão.

Também são treinadores que acreditam em projetos, mesmo que humildes. Ao ver Renato e Roth desprezarem o projeto do Tigre, percebi que a sabedoria está justamente em acreditar no futebol, não no dinheiro que ele pode lhe proporcionar.

Uma pena que neste momento do campeonato começam as lesões, começam as negociações. Argel perdeu Luan e Rivaldo (clique aqui e confira), Geninho perdeu Cléber Santana. Argel terá que achar solução para um meio de onde poucos vêem como resolver. Geninho, por sua vez, já lida com carência de reposição desde a largada (clique aqui e veja como o Avaí se prepara).

Espero que os torcedores sigam compreensivos com estes treinadores. Em meio à vergonha que vemos no mercado brasileiro, com técnicos obsoletos e supervalorizados, estes dois treinadores dão exemplo. Basta ver a ótima situação do Avaí na Série B (clique aqui e confira) e a grande recuperação do Figueirense na Série A (clique aqui e veja a tabela).

Geninho e Argel são claros nas entrevistas, respeitam imprensa e torcedores, pois dizem a verdade. A partir daí, são respeitados por todos também.

Estão à frente num tempo em que todos têm acesso à informação. Evoluíram no quesito diálogo com o público. São transparentes, verdadeiros. E, junto a isso, entendem de futebol.

Parabéns a estes dois treinadores.

Bookmark and Share

Comentários (6)

  • Paulo Pedroso diz: 28 de agosto de 2014

    A diretoria realmente não entende nada…quando técnico experiente foi algo que salvou alguém? O Celso Roth é muito experiente e deixou o Coritiba na zona de rebaixamento e assim temos mais mil exemplos, como, Joel, Renato, Jorginho, todos fizeram trabalhos horríveis e são experientes na Série A. Porque não investir em treinadores novos e mais baratos, que buscam afirmação??? A nova geração precisa mostrar que é capaz, Ney Franco, Marquinhos Santos, Roger Machado, Doriva, etc…é só dar oportunidade e aproveitar o menor valor de mercado desses treinadores. Simples. Mas quem é do markentig, parece que não entende isso. Triste pelo nosso Tigre.

  • garrasdetigre diz: 28 de agosto de 2014

    A solução está dentro de casa. Não vem um salvador de fora. É só ter coragem!

  • Seo Zé diz: 28 de agosto de 2014

    Tem o caso da Chapecoense, ninguém quis, e ninguém gosta de trabalhar em cidade pequena. Criciúma ninguém quer também, vai ficar três meses e será demitido, é o castigo por fazer tantas trocas.
    Mas técnico deve saber motivar o grupo e ter coragem, pedir para jogador uma postura técnica em campo, nenhum sabe fazer.
    Então vamos no grito.

  • joao carlos diz: 28 de agosto de 2014

    Qualquer um que venha, vem apenas pra sacramentar o rebaixamento, pois o time é fraco e os poucos bons jogadores, tão na base do reumatismo!

    Saudações Alvinegras…

  • MAURINO BASTOS diz: 28 de agosto de 2014

    Tem um ditado que diz: GANHA MAIS QUEM PERDE! Essa frase serve para os Criciumenses aplicarem na negativa recebida por esses medalhões decadentes. Há males que vem para o bem!! Quem sabe, com essa vitória hoje, com o Silvio, não seja uma solução caseira que estão precisando e não estão enxergando? Basta os jogadores apoiarem. Porque pra mim, o insucesso de muitos treinadores passa por eles, jogadores. A resposta está na vitória de hoje. Quando quiseram jogar, jogaram e ganharam.

  • Eliakim – JEC diz: 2 de setembro de 2014

    Pelo amor de Deus…levem o Hemerson Maria!!!!

    Barato, novo, ficou uns 4 ou 5 jogos fora do G4 série B, Vice Catarinense 2014…olha promissor!!
    kkkk…estão demorando!

    #tiremmariadaqui

    kkkk…um abraço Castiel

Envie seu Comentário