Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

JEC lidera média de público entre catarinenses, seguido de Avaí e Chapecoense. Figueira é o pior da Série A

03 de agosto de 2015 28

A última rodada da Série A do Brasileiro contou com o recorde de público da competição até aqui. Foram números expressivos para o Flamengo, para o Corinthians, para o Palmeiras, para o Atlético-MG e para o Fluminense. Vários fatores, desde estreia de Ronaldinho Gaúcho, incluindo o ótimo horário de 11h. Os números são da Footstats (clique aqui e confira).

Aí fiquei curioso e fui investigar os catarinenses.

E, mesmo com a campanha ruim, o JEC dá de relho.
Os catarinenses

O Joinville é o 16º em média de público na Série A com 8.328 pagantes por jogo Apesar da má campanha, seu maior público foi de 15.731 e o menor foi quando jogou em estádio fechado.

Respectivamente 17º e 19º nas médias, Avaí e Chapecoense têm potencial para melhorar. O Leão conta com 7.997 de média, com maior público d e 11.868 e menor de 4.919. Já o Verdão, teve média de de 7.614, com maior público de 13.916 e menor de 4.349

Figueira precisa mudar
O Alvinegro é a pior média de público dentre os catarinenses e da Série A. Com 7.152 de média, o melhor público foi de 11.004 e o menor de 3.891. Como faz uma competição de bom nível, a diretoria precisa encontrar uma solução para o baixo comparecimento.
Média dos 10 melhores:
1 Palmeiras – 33.890
2 Corinthians – 27.17336
3 Flamengo 31.009
4 Atlético-MG – 27.020
5 Fluminense – 18.957
6 Grêmio – 20.941
7 São Paulo – 22.162
8 Internacional – 19.794
9 – Cruzeiro – 14.317
10 – Sport – 20.521

Veja o print screen da página do Footstats com tds os números.

Média de público do Brasileiro

Média de público do Brasileiro

Bookmark and Share

Comentários (28)

  • Tricolor do norte diz: 3 de agosto de 2015

    O jec sempre ‘teve a maior torcida de SC
    Até antes quando estava sem série ,disputavamos
    A copa sc com 6 mil de média público
    A torcida do jec é sem dúvida o trem pagador da FcF

  • Lucas diz: 3 de agosto de 2015

    A diretoria da Chapecoense transformou o time em sociedade. Prefere 6 mil sócios, quando poderia ter 15 mil torcedores. Tinha mais torcida quando jogava o Índio e o Janga.

  • big diz: 3 de agosto de 2015

    Comentar a rodada nada!? kkkk bvai eterna piada.

  • Hélio diz: 3 de agosto de 2015

    Castiel, vamos ser sinceros, a vocação esportiva de Floripa não é o futebol. Corridas de rua, bikes, surfe, skate, trilhas entre outros, cada vez com maior número de participantes e o futebol caindo. Não engana mais ninguém, só a mídia ainda não descobriu.

  • Gustavo diz: 3 de agosto de 2015

    Castiel, importante deixar claro que alem de todas as adversidades que o Joinville teve este ano, esta sendo computado um publico ZERO em virtude da punição dos portões fechados no jogo contra o Palmeiras, pelo menos foi o que entendi. Serial legal voce informar o calculo real, excluindo este jogo, já que não era permitido público, ficaria mais fidedigno e tornaria ainda mais nítida a grandeza desta torcida.

  • JULIANO diz: 3 de agosto de 2015

    não vou negar que realmente a torcida do Figueira tem deixado a desejar, na verdade a imprensa ficou mal acostumada, pois sempre estávamos na frente de todas as estatísticas quando o assunto era público ! mas também não podemos deixar de analisar a tabela do campeonato. (quem jogou em casa com quem), alguns times levam mais públicos do que outros. Joinville jogou em casa com Corinthians, Flamengo e Inter; Avaí jogou em casa com Flamengo, Figueirense e Gremio, Chapecoense com São Paulo, Vasco e Gremio e o Figueirense, com Vasco e Inter. tirem suas conclusões.

  • cezar diz: 3 de agosto de 2015

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, e a rodada? Jesus amado tem gente ai em cima dizendo que não vai ao estadio por que não tem times grandes para assistir, eu vou ver o JEC, isso me basta.

  • david diz: 3 de agosto de 2015

    Para nós alvinegros série já deixou de ser novidade faz tempo…. Deixa os cocoirmões curtirem a série A, até pq ele não tem dna de série e portanto a vida deles nessa divisão é bem curtinha.

  • Mario L. Nascimento diz: 3 de agosto de 2015

    Castiel,

    vai aqui uma correção. O número trazido pelo Footstats considerou o público de apenas 7 jogos do JEC como se tivessem sido 8. O público do jogo contra o Avaí não está na conta. Se você verificar no site srgoool.com.br há também uma diferença no Avaí.

    Números, de acordo com o srgoool:

    Joinville:
    Público total = 77.871. Média = 9.734

    Avaí:
    Público total = 65.165. Média = 8.146

    Chapecoense:
    Público total = 60.915. Média = 7.614

    Figueirense:
    Público total = 57.223. Média = 7.153

    Fazendo a média dos 7 jogos que fez com público, a média do JEC seria de 11.124. Mostra que a média real é ainda mais alta. Ou seja, a surra de relho é ainda maior.

    Se não fosse a confusão no jogo contra a Ponte na série B/2014 (que provocou o jogo com portões fechados contra o Palmeiras), pode-se estimar que o público da reestreia na Série A fosse no mínimo igual ao do jogo contra o Flamengo (15.728) e a média seria de 11.700.

    Isso só confirma o que já havia acontecido em 2011. O Figueirense disputava vaga na Libertadores e o JEC a série C. A média de público do tricolor foi de apenas 200 pagantes a menos do que o do time do Estreito. Enfrentando os mesmo adversários a diferença aparece ainda mais claramente.

  • toninho figueira diz: 3 de agosto de 2015

    Alguém se ilude com esse presidente que não o respeito da torcida do Figuerense?
    Ninguém acredita nesse senhor.

  • luiz carlos diz: 3 de agosto de 2015

    A questão de publico em Joinville e independente do time que joga com o JEC. O torcedor apoia. Se foxe fosse fazer a media em função da capacidade do estadio, o JEC esta em 4 lugar no Brasil neste ano. veja o link abaixo.
    http://app.globoesporte.globo.com/futebol/publico-no-brasil/

  • rogério cardozo diz: 3 de agosto de 2015

    16° rodada teoricamente nada esta decidido , a chapecoense esta bem porque ganhou mais em casa e se todos fizerem isso escapam .

  • Rafael diz: 4 de agosto de 2015

    O Joinville há alguns anos atrás jogava contra ABC, Oeste, Icasa, Ceará… Sem contar quando jogou a série C e a D e sempre liderou a média de público. Dizer que só porque jogou contra Corinthians e Flamengo está com a média alta não faz sentido. Pelo menos para o Joinville não faz sentido. E vale lembrar que teve um jogo com portões fechados.

  • Lucas diz: 4 de agosto de 2015

    Tbem neh ?? acabou o bolshoi, nada para fazer num domingo a tarde, ingresso a 5 pila, jogou com um timinho de terceira,a vitoria era certa, tem mais é que lotar o estadio da prefeitura mesmo. A torcida do guindaste tem varios motivos para ir ao estadio.
    E a media de publico do campeonato catarinense entre Bvai e Figueira Castiel ??? estou louco para saber como terminou, vc gosta de fazer media com os azuis calcinhas.
    FIGUEIRA BI CAMPEAO CATARINENSE.

  • Alísio Pinto diz: 4 de agosto de 2015

    Quem deve se preocupar com os estádios cheios são as diretorias, a preocupação dos torcedores nesse sentido penso se fazer desnecessário, mas fazer o que se tem torcedores que só fica feliz com o estádios cheios, se isso fosse importante e ganhasse jogos, os times do norte e nordeste estariam sempre na primeira divisão e seriam sempre campeões. Se querem estádios cheios, façam times vencedores, não esses times meia boca que só servem para os empresários e alguns diretores se forrarem financeiramente nessas transações escusas. Portanto se querem estádios abarrotados de torcedores, façam times com qualidades e formem bons elencos.

  • Telmo diz: 4 de agosto de 2015

    Eu sou torcedor do Figueirense e não vou ao estadio por causa do preço do ingresso. Se estudante tem direito de pagar meia entrada valor de 30 Reais porque eu não posso pagar esse valor também mesmo sem estudar.

  • Chico Itapema diz: 4 de agosto de 2015

    Tem muito haver com o tipo de estádio, tem ainda estádios do tempo do epa, meu… ninguém gosta de assistir jogos em estádio com alambrado.

  • Nilton Augusto Ferreira diz: 4 de agosto de 2015

    Pessoal, por favor, sejam coerentes e analisem os fatos.
    Se juntarmos a média de Avai e Figueirense, temos 15.149 por jogo, ou seja, quase o dobro do Joinville…
    A população da Grande Florianópolis (Florianópolis, São José, Palhoça, Biguaçu e Santo Amaro) temos quase 1.000.000 de Habitantes, ou seja, quase o dobro da cidade de Joinville.
    Por isso não é maior cidade em tamanho, mas a maior região do estado em importância turística, política e econômica.

  • Marco diz: 4 de agosto de 2015

    A direção do Figueira tem de fazer urgente uma análise sobre a ausência da sua grande torcida, outrora conhecida como trem pagador.

  • A MAIOR E MAIS FIEL DE SCC diz: 4 de agosto de 2015

    Castiel,

    Sobre honra coragem e decência,

    você não pode nem publicar matéria de público se você ainda está devendo matéria de 2014, quando você deu que joinville teve maior média de público do catarinense e quando o Figueirense FC na última rodada, segundo jogo da final ultrapassou e ficou em primeiro em média…

    Esse ano o Bvai perdeu em publico no final do campeonato e também a rede bvaiana sul não colocou essas estátiscas FINAIS!!! Enquanto o Figueirense for maior de SC e sempre será, vocês jamais vão ganhar ibope, tem que focar em fazer matéria para puxar para os menores. É ruim mesmo, Figueirense sempre dominando de ponta a ponta, SC tem dono!!!

    A maior e mais Fiel de SC!!
    17

    1991/1921

  • Paulo Pinheiro diz: 5 de agosto de 2015

    Estou com o Gustavo. Contar um público de jogo zero na hora de estabelecer uma média é, no mínimo, equivocado.

  • Rapheal diz: 5 de agosto de 2015

    Joinville mais uma vez mostrando por que é o MAIOR TIME DE SC. Sua torcida é apaixonada e contagiante, mesmo com a equipe em ultimo lugar. Chapecoense ainda dá para melhorar seu publico. Avai e Figueirense já estão no limite, pois suas torcidas são inexpressivas, principalmente pelo fato de estarem em cidade pequena.

  • Raphael diz: 5 de agosto de 2015

    E corroborando com o que o colega Hélio disse lá em cima: a vocação de Florianópolis é para esportes como surfe, skate, triatlon, etc…. futebol dificilmente será o primeiro esporte dessa cidade. Apesar da imprensa tentar empurrar isso “goela abaixo” do estado de SC, mas não adianta.

  • Marco diz: 5 de agosto de 2015

    JULIANO… Vasco e Inter tem mais torcida do que vcs em Floripa camarada. Vc é que deve tirar sua conclusão… Aceite ou apenas lamente!

  • EDNILSON diz: 6 de agosto de 2015

    JULIANO, VC PEDIU PARA TIRARMOS NOSSAS CONCLUSÕES E TIREI A MINHA :
    - AQUI EM JOINVILLE, NÓS VAMOS AO ESTÁDIO PARA VER O JEC JOGAR, INDEPENDENTE NÃO O ADVERSÁRIO, MAS POR AI A COISA É DIFERENTE….. É VCS REALMENTE NÃO SABER TORCER, TIMES DE VCS TA FEIO DE TORCEDORES HEIM… JEC MAIOR DO ESTADOS, MAIOR TORCIDA.NÚMEROS NÃO SE DISCUTE.

  • Valendio diz: 8 de agosto de 2015

    Só lembrando que ha uma outra estatística no site do GE referente a relação público presente no estádio e população da cidade. E neste ranking a Chapecoense é líder absoluta, seguida pelo Santos que está na segunda posição, De acordo com a reportagem, a Chapecoense leva 1 em cada 31 habitantes da cidade ao Estádio. O Santos que vem em segundo leva 47.

  • Pinguim diz: 10 de agosto de 2015

    Final 2014 todas as series
    1 – Cruzeiro – 29.678 (Série A)
    2 – Corinthians – 28.960 (A)
    3 – São Paulo – 28.544 (A)
    4 – Flamengo – 26.411 (A)
    5 – Inter – 22.318 (A)
    6 – Grêmio – 21.028 (A)
    7 – Palmeiras – 19.755 (A)
    8 – Fortaleza – 18.812 (C)
    9 – Fluminense – 18.490 (A)
    10 – Sport – 18.220 (A)
    11 – Paysandu – 15.856 (C)
    12 – Vasco – 14.232 (B)
    13 – Atlético-MG – 14.132 (A)
    14 – Santa Cruz – 13.373 (B)
    15 – Sampaio Corrêa – 13.220 (B)
    16 – Bahia – 12.579 (A)
    17 – Coritiba – 12.329 (A)
    18 – Atlético-PR – 12.238 (A)
    19 – Botafogo – 11.362 (A)
    20 – Ceará – 11.257 (B)
    21 – Vitória – 10.267 (A)
    22 – Chapecoense – 10.021 (A)
    23 – Joinville – 9.990 (B)
    24 – Santos – 9.243 (A)
    25 – Criciúma – 9.089 (A)
    26 – Figueirense – 8.378 (A)
    27 – Salgueiro-PE – 7.811 (C)
    28 – Central-PE – 7.676 (D)
    29 – Goiás – 6.942 (A)
    30 – Moto Club-MA – 6.696 (D)
    31 – Remo – 6.495 (D)
    32 – Náutico – 6.248 (B)
    33 – Ponte Preta – 6.200 (B)
    34 – Porto-PE – 6.072 (D)
    35 – Botafogo-PB – 5.964 (C)
    36 – CRB-AL – 5.648 (C)
    37 – América-RN – 5.520 (B)
    38 – Londrina – 5.064 (D)
    39 – Avaí – 5.057 (B)
    40 – Anapolina-GO – 5.048 (D)

  • Rodrigo diz: 14 de agosto de 2015

    E qual é a novidade??? Figueira desde 2012 esta mediocre em publicos… no final da serie A caiu colocando 2, 3 mil pessoas..

    em 2013 teve media menor com acesso do que o Avaí que nem subiu.. hahahah

    3 anos seguidos com media pior que o Avaí na copa do brasil, media pior que o Avaí em 2015 na copa do brasil, no campeonato estadual onde foi campeao e o avai disputou hexagonal

    e obviamente media menor que o avaí em condicoes iguais na serie A.. se antes eram o trem pagador, hoje sao o trem sumido.. disparado a pior torcida de SC

    fora o estadio que nao lota sem visitantes ha mais de 20 anos

    torcida podre, só fez sua obrigaçao no inicio dos anos 2000 pq era o unico na serie A enquanto o avai era um time falido na serie B, a hora q as coisas igualaram a partir de 2009 a verdade passou a aparecer, nao só no estadio como nas ruas, pesquisas, etc

Envie seu Comentário