Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Maria, trabalho sério e de formiguinha no JEC. Ah, e fantasma Eutrópio rondando Scarpelli

15 de fevereiro de 2016 8
Hemerson Maria, no JEC

Hemerson Maria, de volta ao JEC. Foto: Rodrigo Philipps

Começou a dança dos técnicos no Catarinense, algo que está na cultura do futebol brasileiro. Infelizmente, diga-se de passagem.

Vejamos, por exemplo, a situação de Hudson Coutinho. Técnico estudioso, taticamente capaz de montar bons times, mas que não vai se segurar no Figueira se, por exemplo, seu time não vencer o Inter, de Lages.

Vejam, não é uma informação que estou dando. É uma possibilidade estatística, diante da cultura de nosso futebol. Não há técnico que resista à pressão de uma torcida como a do Figueira se o time, depois de perder um clássico em casa, de estrear sem convencer diante do Brusque, de não vencer o Guarani e de não vencer o JEC quando jogou melhor.

Concordam? Não há como resistir. Ainda mais com o fantasma Vinícius Eutrópio, recém demitido da PP, rondando o Scarpelli.

É uma tendência. Os clubes tem pouca gordura, preferem apostar em nomes já conhecidos. Foi assim o Cambura com o Piccinin, por exemplo.

E foi assim o JEC com o Hemerson Maria. Ótimo treinador, mas que sofre porque não joga para a torcida. Aliás, como Hudson.

Maria é formiguinha, trabalhador, conhecedor, humilde. Gosto muito do seu trabalho. Mas tem torcedor que não aceita time fechado, time cauteloso e é este futebol (que chamamos no Brasil de futebol de resultado) que Hemerson vai impor.

Gosto também do trabalho do Hudson. O que o homem pode fazer com o que tem em mãos? Sem uma opção de meio-campo? Mas o mundo do futebol é cruel. Terá que vencer o Inter a qualquer custo. Do contrário, Eutrópio será a bola da vez.

Bookmark and Share

Comentários (8)

  • William diz: 15 de fevereiro de 2016

    Tudo bem, o Jec é pequeno sempre vai ter essas encrencas.
    Mas o Figueira!!!! é da elite, anos na frente dos demais, hihihihihi nem precisa de técnico, só botar o time no campo e vai atropelando todos kkkkkkkk
    Só faltou dizer que virou uma porcaria, agora.
    Verdade isso!!!!!! bem feito para uns peixeiros, seu time está igual a outros, tudo baixo clero kkkkkkkk

  • cezar diz: 15 de fevereiro de 2016

    Maria de novo, a unica vantagem é que com o peixeiro não perdemos mais, é só empate de agora em diante.

  • josé m. cardoso diz: 15 de fevereiro de 2016

    FALTOU PERSONALIDADE PARA HUDSON, QUANDO ASSUMIU O COMANDO TÉCNICO DO
    FIGUEIRENSE. ELE SABIA QUE NÃO PODERIA CONTAR COM C.A. E O ESTRANGEIRO E MES
    MO ASSIM , NÃO EXIGIU A CONTRATAÇÃO DE UM ARMADOR COM MEDO DE PERDER O CARGO DE AUXILIAR, SÓ QUE ELE SE ESQUECE, CASO ELE QUEIRA SER UM TÉCNICO DE
    VERDADE TEM QUE SE IMPOR, CASO CONTRÁRIO ACONTECE O QUE VAI ACONTECER
    AGORA. CONTRATARÃO UM NOVO TÉCNICO E MEIO ARMADOR E O HUDSON VOLTA
    PARA SEU CARGUINHO DE “QUEBRA GALHO”.

  • Marco diz: 15 de fevereiro de 2016

    Que culpa tem o técnico se não dispõe de um meia como o Assis, Sauer, Diego Jardel, Élvis e outros que ganham menos de 30 mil por mês. E não adianta alegar que o eternamente machucado vá resolver, pois ele não é eficiente, basta ver as estatísticas: participa de poucos jogos, faz poucos gols, dá poucas assistências. Só é bom no alterocopismo.

  • Dion Carvoeiro diz: 15 de fevereiro de 2016

    Olha o Tigre botando o terror na praia do cagão …
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Não aguentaram perder mais uma pro Tigre, kkkk

  • Eduardo Bastos diz: 15 de fevereiro de 2016

    Vinícius Eutrópio!!!!!! Ideal para o Figueira, pois logo perde o emprego na Ponte Preta onde faz campanha brilhante: 5 jogos, sendo 4 derrotas e um empate! Porque o Figueira não contrata um treinador ao invés destes eternos auxiliares técnicos e pseudos treinadores?

  • Giorgio diz: 15 de fevereiro de 2016

    Leandro Machado, excelente técnico, da escola gaucha. Mora em Itajai, estão dando sopa !!

    https://www.facebook.com/profile.php?id=100009443395992&fref=ts

  • Cida diz: 16 de fevereiro de 2016

    Hudson é esforçado, mais é fraco, figueira precisa de outro treinador, que pague mais salario, mais que seja mais experiente.

Envie seu Comentário