Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Chapecoense bate JEC e instala um dos maiores favoritismos dos últimos tempos em final de SC

01 de maio de 2016 15

Se havia um leve favoritismo para a Chapecoense na final do Campeonato Catarinense, o jogo de ida mudou este status. (clique aqui e veja a crônica que escrevi para o DC sobre o jogo).

Poucos podem contestar que o Verdão do Oeste passa a ter um grande favoritismo para ser campeão. É o maior favoritismo em decisão que me vem a mente no sempre equilibrado Campeonato Catarinense.

Obviamente não dá para sepultar o JEC. Jogo é jogado, lambari é pescado, diz a sábia gíria do mundo do futebol. Mas, os fatores se unem em favor da Chape. Fator local, possibilidade de perder por um gol de diferença e, o que todos concordam, um time com melhores recursos técnicos.

A Chapecoense, definitivamente, está inserida entre os grandes do Estado e deve ampliar este status da única forma possível: com mais um título.

E o JEheber1C tem que se manter mobilizado. Desistir é para os fracos. O futebol apronta das suas. Embora seja complicadíssimo. Levando-se em consideração que o JEC terá compromisso pela Copa do Brasil na quarta-feira, dá para imaginar o nível de pressão que este grupo vai ter para conseguir bom desempenho e ainda pensar nas finais com tanta desvantagem. Aliás, o JEC perdeu Anselm
o e talvez Naldo e Donato, ambos por lesão. É mole? Que situação.

Até a semana que vem.

E Heber: ganhou um presentão. Jogo absolutamente tranquilo. E ele também estava tranquilo. Ótima arbitragem, discreta, precisa, digna de uma final. Parabéns.

Confira, abaixo, um comentário que fiz em vídeo, resumindo um pouco deste post:

 

Bookmark and Share

Comentários (15)

  • P.A diz: 1 de maio de 2016

    Venceu por que mostrou vontade, coisa que muito tempo não se via no time. Futebol melhorou um pouco mas ainda precisa bem mais. Achei o Joinville um time de poucos recursos técnicos,praticamente não ameaçou jogando em casa.

  • Simas diz: 1 de maio de 2016

    O oooo oooo Vice de novoo

  • alvinegro diz: 1 de maio de 2016

    A torcida do JEC deve estar até hoje dando volta olímpica com o troféu roubado no ano passado…

    Não é mole não, devolve o troféu pro Furacão.

  • Jack diz: 2 de maio de 2016

    Parabens as bailarinas pelo TRI-VICE…HUAHUAHUAHUA…isso se nao aparecer nenhum jogador irregular, sabe como é neh ??? time de varzea nao se pode esperar profissionalismo….a torcida do guindaste ta fazendo festa com o trofeu roubado ano passado…é o consolo pelo tri-vice…kkkkkkkkk….chape…mandem a segurança ficar de olho no trofeu….vai que a torcida do jec esteja indo a chapeco.
    e o maria hein ??? em mais uma final…vai ser tri tbem…tri-vice…nao fosse a a ajuda do bezerra, seria tetra-vice.

  • Mazinho Alvinegro diz: 2 de maio de 2016

    Que publicuzinho foi aquele na sucateada do UDO?
    Isso aí o FURACÃO, o + x CAMPEÃO colocou contra o Bvai num jogo que não valia nada.
    Outra!
    Que time mais fraquinho esse dos joincolonos, meu? Uma verdadeira “teta” para os indios.
    Joinveja, rumo ao TRI-VICE e passando recibo de fiel coadjuvante.

  • cyro el bacha junior diz: 2 de maio de 2016

    Quem viu Nardela, Zé Carlos Paulista, etc., tem vontade de chorar, porque esse time do JEC atual não ganha nem do time de pelada da rua! Tá loco, o time não tem um comandante, não tem poder de fogo e a defesa é de doer!

  • waltencir diz: 2 de maio de 2016

    parabens jecaville, tri vice

  • Alemão diz: 2 de maio de 2016

    Tudo normal em SC.
    Primeiro, um time do interior campeão.
    Segundo, o titulo vai ficar com o maior e mais importante time do estado no atual momento, que é a Chapecoense.

    Simples.

    É isso aí…

  • George diz: 2 de maio de 2016

    2012!

  • rena diz: 2 de maio de 2016

    realmente o que resta ao figayrense eh assistr e o bvai tbem ficam na telinha …kkk e chupem o dedo ….Joinville sempre sera grande ganhando ou perdendo…..

  • César diz: 3 de maio de 2016

    Parabéns Verdão do Velho Oeste pelo título, seriam vcs ou o meu Figueira, que pela incompetência não chegou…. E parabéns também para Cavalo paraguaio de Santa Catarina que vem mantendo a sua saga de ser vice.
    Pessoal do Oeste, cuidem bem do troféu…

    Abraço

  • Luiz Alvinegro diz: 3 de maio de 2016

    Join-vice como sempre…!
    Dá-lhe Chaaaapeeeee!…
    Chapecoense só precisa contratar vigilância pro troféu…os join-vices vão querer carregar de novo !….kkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Maior e Melhor de SC!!! diz: 3 de maio de 2016

    Simples? Quanta argumentação furada…

    Dos últimos 15 campeonatos disputados em SC, 10 títulos ficaram com times da capital (7 do FIGUEIRENSE; 3 do Avaí).

    No século XXI, ou Terceiro Milênio como queira, as participações de SC na Série A, o campeonato mais importante do País, já incluindo 2016:

    - FIGUEIRENSE = 12;
    - Avaí = 4;
    - Criciúma = 4;
    - Chapecoense = 3;
    - Jec = 1.

    Nos 40 jogos da primeira fase, da atual edição da Copa do Brasil, apenas 5 times conseguiram ir para a próxima sem precisar do segundo jogo. O único de SC: FIGUEIRENSE.

    Qual o time de SC que tem dois jogadores, oriundos das suas categorias de base, na atual seleção brasileira? FIGUEIRENSE (Filipe Luís e Roberto Firmino).

    Qual o único time de SC entre os 20 primeiros no atual ranking oficial da CBF? FIGUEIRENSE.

    “Simples. É isso aí…”

  • Alemão diz: 4 de maio de 2016

    Simples.
    Até hoje foram disputados 93 títulos estaduais (desde 1924).
    A capital tem 34 títulos. Logo, o interior tem 59. Supremacia total.
    Logo, o comum no campeonato catarinense é time do interior campeão.

    E a maior prova disso é que todos os argumentos para a capital se resumem aos últimos 15 anos. Até 1999, a capital tinha 23 títulos estaduais, sendo que destes 15 foram ganhos antes de 1945. Em 54 anos, a capital ganhou 8 títulos.

    E quanto ao maior de SC, a Chapecoense, tanto pelo time atual, tanto pela participação no brasileiro e pelo título próximo, atualmente, é o principal time do estado.
    E não sou eu quem diz isso, a própria crônica de SC e nacional já estabeleceram esse patamar. Ano passado, a Chape foi uma das sensações do campeonato, enquanto que o Figueirense lutou para não cair até a última rodada.

    Jogador em seleção, nada a ver com o time dentro de campo. Entre os 20 do ranking da CBF? O Avai é o 23º, que honra. E participação em série A? Náutico, Ceará, América do Rio e o poderoso CSA tem mais participações que o Figueirense.

    Bem Simples.

    É isso aí…

  • Italiano diz: 11 de maio de 2016

    Aqui do sul do estado , é muito facil de perceber quem é o maior do estado , o FIGUEIRA foi o primeiro a participar de um campeonato brasileiro , é a maior torcida do estado na pesquisa expontanea , explico se fazer uma pesquisa desta forma em qualquer cidade do estado , seja aqui em criciuma em joinville própria chapeco não vai dar o time da cidade , ao comtrario de floripa que vai dar FIGUEIRA na cabeça e nosso adverssario em segundo , ora que clubes são esses que não são unamidade na própria cidade ! o FIGUEIRA é o maior participante na serie A ! o maior campeonato do mundo contra esses numeros estes exemplos não existem argumentos aos despeitados , é tão SIMPLES de ver isso ! saudações alvinegras a todos .

Envie seu Comentário