Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Conselhos de estatais engordam em até R$ 8 mil salários de secretários

30 de julho de 2015 54

15794449

* por Kelly Matos e Matheus Schuch

Em meio à crise nas finanças do Estado, secretários e assessores graduados do Executivo engordam seus salários por meio da participação em conselhos de administração de empresas estatais, controladas pelo poder público. Há casos em que o salário chega a ser acrescido em R$ 8 mil mensais. Com o bônus, integrantes do primeiro escalão passam a ganhar mais do que o governador do Estado.

Entre as empresas com controle estatal, a que melhor paga a seus conselheiros é o Banrisul. A remuneração mensal é de R$ 8.243,92, por apenas uma reunião de trabalho a cada 30 dias.

Fazem parte deste conselho, por exemplo, o secretário da estadual da Saúde, João Gabbardo. Neste caso, ao salário de 20.074,59 (R$ 11.395,01 como secretário e R$ 8.679,58 como médico) é acrescido um valor mensal de R$ 8 mil – o total chega a R$ 28.318,51.

Também integra o Conselho Administrativo do Banrisul o secretário-geral de governo, Carlos Búrigo, braço direito do governador José Ivo Sartori. Além da remuneração como secretário (R$ 18.991,69), ele recebe R$ 8 mil mensais pela participação no conselho.

Um dos coordenadores da campanha de Sartori ao Piratini, o professor João Carlos Brum Torres também integra o grupo, recebendo o mesmo valor.

Conforme levantamento da Rádio Gaúcha, através de dados obtidos via Lei de Acesso à Informação, seis secretários de Estado participam de conselhos de empresas estatais, além do chefe de gabinete do governador e do chefe da Casa Militar.

São eles: Carlos Antônio Búrigo (Secretaria-Geral), João Gabbardo (Saúde), Gerson Burmann (Obras), Cristiano Tatsch (Planejamento), Ernani Polo (Agricultura), Tarcísio Minetto (Desenvolvimento Rural), João Carlos Mocellin (Chefe de Gabinete do Governador) e Everton Santos Oltramari (Chefe da Casa Militar). Veja a lista completa abaixo.

Conselhos nas estatais
Os conselhos existem, assim como na iniciativa privada, para que os acionistas possam acompanhar mais de perto a gestão de suas empresas. Na maioria dos casos, se reúnem uma vez por mês. A remuneração pode ser mensal ou por cada reunião.

Apesar de os cargos exigirem conhecimento técnico, é costumeira a prática de governos de indicar aliados políticos para vagas nos conselhos. Um exemplo é o Badesul, que ainda possui entre seus conselheiros integrantes da gestão Tarso Genro (PT), como o ex-secretário de Administração Alessandro Barcellos, com remuneração mensal de cerca de R$ 2 mil.

Procurado pela reportagem da Rádio Gaúcha, o Palácio Piratini afirmou, em nota, que a existência dos conselhos é “legal” e que a composição segue “a mesma regra de anos anteriores”.

Já o secretário Gabbardo declarou, por meio de sua assessoria, que a indicação ao Conselho do Banrisul se deu pela relação do banco com a rede hospital, em função do Fundo de Apoio Financeiro e Recuperação dos Hospitais Privados Sem Fins Lucrativos (Funafir).

Em 2012, um juiz federal do Rio Grande do Sul determinou em liminar a suspensão das verbas extras que 11 ministros recebiam por participarem de conselhos de estatais e de órgãos públicos. À época, a Justiça Federal considerou irregular o recebimento da remuneração que superasse o teto constitucional.

Confira a lista dos secretários que integram os conselhos:

Secretário-geral de Governo, Carlos Antônio Burigo
Conselho Administrativo do Banrisul – R$ 8.243,92 por mês

Secretário estadual da Saúde, João Gabbardo dos Reis
Conselho Administrativo do Banrisul – R$ 8.243,92 por mês

Secretário de Obras, Saneamento e Habitação – Gerson Burmann
Conselho Administrativo da Corsan – R$ 3.989,08 por mês

Secretário do Planejamento e Desenv. Regional, Cristiano Tatsch
Conselho Administrativo da CEEE – R$ 3.265,08 por mês

Chefe da Casa Militar, Everton Santos Oltramari
Conselho Administrativo da EGR – R$ 1.785,59 por mês

Chefe de Gabinete do Governador, João Carlos Mocellin
Conselho Administrativo da Cesa – R$ 1.609,26 por mês

Secretária da Agricultura e Pecuária, Ernani Polo
Conselho Administrativo da Cesa – R$ 1.609,26 por mês

Secretário de Desenv. Rural e Cooperativismo, Tarcisio Minetto
Conselho Administrativo da Ceasa - R$ 955,50 por reunião

Leia a íntegra da nota do Palácio Piratini:

A existência dos Conselhos é uma exigência legal, com função definida para seus membros, no apoio à tomada de decisões e obrigatoriedade de submeter a essa instância muitas das decisões. A composição segue a mesma regra de anos anteriores, com praticamente a mesma legislação e remuneração.

Na formação dos Conselhos, há técnicos oriundos de carreiras do serviço público, membros do governo, conselheiros definidos pelo conjunto da equipe devido ao seu envolvimento com o Plano de governo e conhecimento das metas a serem perseguidas e, em alguns casos, representantes escolhidos por membros da sociedade civil.

As escolhas estão de acordo com critérios definidos pela legislação pertinente aos Conselhos.

Comentários (54)

  • roque diz: 30 de julho de 2015

    Só nos resta protestar, infelizmente eles ( os políticos ) não tem um pingo de vergonha na cara. O governo afirma que isto é legal, porém não é moral. Falam em aumentar impostos, mas reduzir gastos nem pensar.

  • pedro josé diz: 30 de julho de 2015

    E o secretário Gabbardo tem a cara de pau de afirmar que ocorreu o atraso para os hospitais porque o governo teve que pagar o funcionalismo em dia. Cara de Pau! Ta mamando de toda maneira no Governo, e ainda coloca a população contra o funcionalismo.

  • JADER MARTINS.- diz: 30 de julho de 2015

    POLITICOS SÃO IGUAIS EM TDS. OS PARTIDOS E TDS. Q ESTAO NOS GOVERNOS…OU SEJA: nao valem o q comem e…! jader martins.-

  • Cícero diz: 30 de julho de 2015

    …e isso não pode ser cortado? … melhor parcelar salário dos servidores, cortas verbas da saúde e segurança… Impressionante…

  • Paulo diz: 30 de julho de 2015

    O Banrisul, gera um lucro anual de R$ 600.000.000,00, ou seja, paga todas as suas contas e salários sem usar o dinheiro do governo. Essa matéria é tendenciosa para forçar a privatização das estatais. Muita gente vai ganhar dinheiro se isso acontecer, principalmente governo e mídia. E esse dinheiro não vai parar na educação, saúde e afins. Vai pra alguém passar as férias em Ibiza.

  • Daniel Rech diz: 30 de julho de 2015

    Será que vão parcelar esses salários também?

  • Alex diz: 30 de julho de 2015

    E o Irmão do Deputado Alexandre Postal(PMDB) o Fernando Postal mamando nas tetas do Banrisul desde janeiro em cargo CC e o estado quebrado.

  • sergio souza diz: 30 de julho de 2015

    A imprensa, até que enfim começa a cumprir seu papale. Obrigado.
    Vejam quantos servidores da SEFAZ, fazem ou já fizeram parte de gabinetes de Deputados, aí é o furo da bala, pois enfiam entre os projetos , seus projetos de evolução salarial.

  • Angelus diz: 30 de julho de 2015

    Cabe ressaltar, até para que não pareça tendenciosa a reportagem, que o Banrisul e a Corsan, que dão lucro ao Rio Grande do Sul, pagam os integrantes de seus conselhos com o dinheiro gerado por elas mesmas, não impactando nas finanças do estado. Ao contrario, ao final de cada ano, entregam ao Rio Grande do Sul, milhões reais para serem aplicados no próprio estado.

  • Luiz A.Morosini diz: 30 de julho de 2015

    É um sistema viciado, sem perspectiva, sem mudanças. Não existe no meio desta gente, pessoas de bem.

  • Vera Helena diz: 30 de julho de 2015

    Sugiro q façam matéria sobre os salários do Judiciários gaúcho..Na página Transparência do TJ estão os nomes dos servidores e seus salários…Tem servidor q ganhar mais de 40 mil……Assim fica mais justo… p q só o Executivo é cruxificado…ah deviam incluir o Legislativo também….

  • Sil Matos diz: 30 de julho de 2015

    Tem que privatizar tudo! Pra ontem!

  • Mari diz: 30 de julho de 2015

    E são os professores e policiais que estão falindo o estado. Até pode ser legal mas é imoral. Professores e policiais vamos trabalhar usando um nariz de PALHAÇO.

  • César Gregianin diz: 30 de julho de 2015

    CRISE FINANCEIRA??? Ela só existe do Piratini para fora..o judiciário e o legislativo estão dando risadas!!!!!

  • Brites diz: 30 de julho de 2015

    É UM ABSURDO ESSES CONSELHEIROS GANHAREM ESSE VALOR DO BANRISUL, ENQUANTO SEUS FUNCIONÁRIOS RECEBEM MEDÍOCRES r$ 1.900 (bruto) MENSAIS.

  • César Gregianin diz: 30 de julho de 2015

    A crise financeira só existe das portas do Piratini para fora…enquanto isso o Judiciário e o Legislativo estão dando boas risadas!!!!!

  • Telma diz: 30 de julho de 2015

    Considero importante haver um Conselho responsável por gerenciar as questões estratégicas das empresas estatais. Contudo, analisando friamente o assunto, em uma época na qual os custos dispensáveis devem ser evitados, o ideal seria rever essa necessidade, de forma a amenizar as despesas do estado. Conforme a lista acima, estão relacionados oito cargos, na qual, em meu entendimento, três ou quatro seriam suficientes. E, é óbvio, com um valor acrescido bem mais justo aos cofres públicos.

  • Angelus diz: 30 de julho de 2015

    cabe ressaltar, até para que não pareça tendenciosa a reportagem, que no caso no banrisul e corsan, que são empresas que dão lucro, os valores pagos aos integrantes dos conselhos, são pago pelas proprias estatais, não impactando nas finanças do estado. ao contrario, ao final de cada ano, banrisul e consan entregam ao rio grande do sul, milhoes de reais para serem investidos onde o governo achar mais importante

  • Paulo diz: 30 de julho de 2015

    cabe ressaltar, até para que não pareça tendenciosa a reportagem, que no caso no banrisul e corsan, que são empresas que dão lucro, os valores pagos aos integrantes dos conselhos, são pago pelas proprias estatais, não impactando nas finanças do estado. ao contrario, ao final de cada ano, banrisul e consan entregam ao rio grande do sul, milhoes de reais para serem investidos onde o governo achar mais importante.

  • João Carlos Wexel diz: 30 de julho de 2015

    Será que não tem como conseguir uma boquinha dessas e engordar meu mísero salário de professor do Estado?????

  • Guilherme diz: 30 de julho de 2015

    RBS com pauta peculiar, ultimamente… ora… conselheiros e administradores assumem responsabilidades.

    Privatizações interessam a quem?

  • Ricardo diz: 30 de julho de 2015

    Estes não tem salário parcelado… Tem que privatizar tudo !!!!!!!

  • Ricarso diz: 30 de julho de 2015

    VERGONHA!!!!! VERGONHA!!!!!
    Governo sem vergonha!!!

  • Brigitte diz: 30 de julho de 2015

    Tem Secretário que não recebe dos Conselhos, mas os seus assessores sim. É só conferir os nomes.

  • Gabriel Belem diz: 30 de julho de 2015

    O PMDB sempre que é Governo, faz do funcionalismo sua escada para buscar investimentos do Governo Federal e/ou vender estatais. Vender estatais tudo bem, acredito que o Estado é um grande elefante branco desgovernado, servindo apenas para empregar padrinhos políticos.

  • Lucas diz: 30 de julho de 2015

    Esse pessoal também vai ter os salários parcelados?

  • Leopoldo diz: 30 de julho de 2015

    Não dá mais para aguentar estes escândalos, esta imoralidade na política e nos setores públicos! Por isso lutam tanto para ganhar eleições! Não é para desenvolver programas políticos para o povo! É para usufruírem das mamatas e se servirem das benesses do poder!
    “E o povo que se lasque todo”, como diz o personagem de humor João Plenário!

  • Angelus diz: 30 de julho de 2015

    Cabe ressaltar, até para que não pareça tendenciosa a reportagem, que o banrisul e a corsan dão lucro, e que pagam os integrante de seus conselhos com o dinheiro das próprias estatais,ou seja, gerado por elas mesmas, não impactando nas finanças do estado. Além disso, ao final de cada ano, entregam ao estado do rio grande do sul, milhões de reais para serem aplicados onde o governos achar mais adequado.

  • jean diz: 30 de julho de 2015

    mas que paga o salário é o Banrisul, a Corsan, a CEEE, a EGR, a SESA.., não sai nenhum pila do bolso do governo, concordo plenamente que os valores pagos são extemamente alto. mas a redação da RBS é um lixo.

  • MARIA CECILIA PICCOLI diz: 30 de julho de 2015

    O QUE FAZ O SECRETÁRIO DE SAÚDE NO CONSELHO DO BANRISUL?

  • Luis Antonio diz: 30 de julho de 2015

    O Governador está distribuindo FGs e CCs para os amiguinhos. Olhem o DOE RS dos dias 24, 27 e 28 nos atos do governador e verão uma enxurrada de nomeações. Não olhei os dias anteriores por que me deu vontade de vomitar só os que eu vi. Vende o que você quiser vender e deixa de fazer terrorismo com o funcionalismo, pois está cristalina a tua intensão. Prega o terrorismo e OBRIGA a sociedade a votar a favor no referendo sobre as privatizações. Você não é um administrador mesmo, é apenas um VENDEDOR, igual aos montes existentes no comércio por aí! Mas o lado bom é que ano que vem tem eleição para prefeituras e vereadores e podemos começar a dar a resposta para esta corja do PMDB e sua base aliada! Espero que o funcionalismo público estadual em geral não esqueça pelo que estamos passando e quais os deputados que votaram contra nossas categorias. Para finalizar, GREVE GERAL JÁ!!!!

  • paulo gutierrez diz: 30 de julho de 2015

    Infelizmente desisti, o serviço público sucateado, estado sucateado, políticos independente de partidos maioria mal intencionados , buscando o melhor para si. Penso que infelizmente devemos privatizar tudo até o próprio judiciário. deixar pública somente a educação , saúde e segurança . e tentar acabar com tantos políticos em cidades que não poderiam ter nem vereador quanto mais prefeito .

  • sadam diz: 30 de julho de 2015

    MUITA DEMAGOGIA DESTES GOVERNANTES…SALÁRIOS DOS SERVIDORES CONGELADOS EM 2016, E ESTES INÚTEIS GANHANDO TODO ESTE SALÁRIO PARA SER CONSELHEIRO…CONSELHO DE QUÊ? ATÉ PARECE O FILME,”CONSELHEIRO AMOROSO”..AQUI É CONSELHEIROS ESCANDALOSOS…ESTA HISTORINHA DE CORTAR SALÁRIOS,FECHAR ESTATAIS É PARA ENGANAR A SOCIEDADE…ONDE TEM QUE HAVER CORTES DE VERDADE,NÃO VAI HAVER…OS DEPUTADOS ANTES DE TODA ESTA MELECA SE AUMENTARAM, E AGORA FICAM APROVANDO ESTES PACOTES QUE O GRINGO MANDA PRA ELES…BANDO DE HIPÓCRITAS E SAFADOS

  • sidnei martins diz: 30 de julho de 2015

    vocês não viram nada peçam para a justiça investigar todas as empresas ligadas ao estado e verão que o rombo é bem maior, NÃO PRECISAMOS IR Á BRASÍLIA PARA VER SAFADEZA, TEMOS AS NOSSAS AQUI

  • foratumelero diz: 30 de julho de 2015

    A unica maneira desses politicos safados voltarem para a realidade e pararem de roubar é quebrando tudo, mas ó, quebrando o carro deles, as casas, as empresas, DELES, porque fazer protestinho nao resolve nada eles riem da nossa cara de palhaço.Eles vivem num mundo a parte, com seguranca, saude e viajando pro exterior, vamos trazer eles pra realidade, VAMO QUEBRA ELES TODOS.

  • Gustavo diz: 30 de julho de 2015

    Que reflexo é aquele na foto?
    Uma senhora obesa apalpando o seio?!?!?!

  • Jaquisson Nunes diz: 30 de julho de 2015

    “Angelus diz:
    30 de julho de 2015
    Cabe ressaltar, até para que não pareça tendenciosa a reportagem, que o banrisul e a corsan dão lucro, e que pagam os integrante de seus conselhos com o dinheiro das próprias estatais,ou seja, gerado por elas mesmas, não impactando nas finanças do estado. Além disso, ao final de cada ano, entregam ao estado do rio grande do sul, milhões de reais para serem aplicados onde o governos achar mais adequado.”

    Caro Angelus, isso não tem relação com os valores propriamente ditos, mas sim com a falta de vergonha desses vagabundos que não fazem nada e estão lá só de favor, porque ajudaram nas campanhas. Porque então não fazem concurso? E outra, sou a favor de privatizar sim, chega de vagabundos no serviço público!

  • Jaquisson diz: 30 de julho de 2015

    Nossa, precisa ser esse valor todo?
    8 mil para fazer uma reunião por mês é um tanto desproporcional, não acham?
    Se tem opção de pagar por reunião, porque não pagam por reunião?
    Dá 50 pila pra eles e quem quiser pega o trabalho…
    Brasil, terra de malandro…

    Como dizia a minha falecida avó:
    O mundo é dos espertos…

  • Cris diz: 30 de julho de 2015

    Infelizmente a matéria esta incompleta!
    Cada um desses secretários ganha muito mais porque também participam de conselhos de outros órgãos. A CEEE paga mais 6 mil, a CRM mais 3 ou 4 mil.
    Na gestão passada foi feita matéria completa onde mostrava que alguns secretários ganhavam até 15mil em conselhos.
    Por isso as estatais estão geridas de maneira péssima: Os conselhos e diretores são apenas políticos, não são técnicos com experiência em gestão empresarial.

  • lady hawker diz: 30 de julho de 2015

    é uma empresa como qualquer outra e tem que dar lucro e atender bem os acionistas. Quem está sobrando e não está rendendo (e não é concursado) fora. Cabide de emprego. facilita aposentadoria do pessoal que quer se aposentar. Informatiza o processo. coloca gente que quer levantar a empresa. qualquer empresa que quer sobreviver faz isso.

  • Tiago diz: 30 de julho de 2015

    Cadê os defensores desse governo?

  • Sandro Azambuja diz: 30 de julho de 2015

    A imoralidade está arraigada em todos os cantos, e quem é que paga a conta? Acho que não preciso responder.

  • paulo gutierrez diz: 30 de julho de 2015

    NOSSA CORTARAM MEUS COMENTÁRIOS HAHA PORQUE FALEI QUE O RIO GRANDE E PARA TODOS NÃO PARA POLÍTICOS SAFADOS!!!!!! E DEVERÍAMOS DIMINUIR EM 50% DOS POLÍTICOS EM CIDADES PEQUENAS , DIMINUIR CcS E INFELIZMENTE DEIXAR PÚBLICO SOMENTE SAÚDE , EDUCAÇÃO , SEGURANÇA E ACABAR COM APOSENTADORIAS DE GOVERNADORES .

  • Jeronimo Nilson diz: 30 de julho de 2015

    Trabalho no Banrisul há 13 anos e recebo pouco mais R$1.000,00 líquidos por mês. Escravidão moderna. Pão e Circo. Por isso não gosto de Futebol e Carnaval. Isso é uma vergonha!

  • karlos diz: 30 de julho de 2015

    O estado falido e eles fazendo isso; Por isso q tem q privatizar…serve só para cabide de emprego e cobrar juros de cheque especial para isso já temos os privados….

  • mauro diz: 30 de julho de 2015

    Temos que abrir a caixa preta do JUDICIARIO ‘desse pessoal que se acha Deus na terra ( eles não fazem sua necessidades fisiológicas como todo mundo)?

  • Cesar diz: 30 de julho de 2015

    Que matéria tendenciosa para colocar a população contra as estatais e manipular a opinião pública a favor das privatizações!

  • William diz: 30 de julho de 2015

    Mais uma PIADA com o DINHEIRO PÚBLICO!!!

  • Marcelo Pereira diz: 30 de julho de 2015

    Nao importa se o Banrisul ou Corsan que geram riqueza para o Estado acabam jogando dinheiro no lixo com esses conselhos desnecessários. É dinheiro público que poderia ser investido em outras áreas. Por isso a sociedade esta cada vez mais inclinada para que se privatizem tudo que for possível e acabar com essas “tetas”

  • Don Ário diz: 30 de julho de 2015

    Depois vem pedir compreensão.
    Ora, vai te catar!

  • Olliveira diz: 30 de julho de 2015

    Acho que o Brasil não tem jeito. A corrupção está enraizada na nossa cultura de uma tal maneira que será muito difícil mudar. Chega desses políticos profissionais…se revezam no poder para acabar com o estado. Se escondem atras de rótulos (esquerda, direita, centro), mas no fundo só trabalham em prol de uma coisa: MANTER OS MANDATOS OU CONQUISTAR MAIS PODER.

  • Jaime A. Borges diz: 30 de julho de 2015

    VERGONHOSO. Por isso que o Estado tá nessa quebradeira. Sai um ruim, entra outro pior. Um mais INCOMPETENTE que o outro.

  • Victor diz: 30 de julho de 2015

    Tem que privatizar tudo!!!!

  • Adair diz: 31 de julho de 2015

    Isso é uma verdadeira máfia!

Envie seu Comentário