Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Dilma sobre suposto vazamento da Lava Jato: "Estamos caminhando para o Estado de Exceção"

26 de setembro de 2016 5
Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

* por Matheus Schuch

A ex-presidente Dilma Rousseff se manifestou nesta segunda-feira (26) sobre a declaração do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, de que haveria uma nova operação da Polícia Federal nesta semana. A petista criticou a fala do ministro, ocorrida em um comício do PSDB no domingo.

“O país vive uma situação grave. O anúncio de nova operação da Lava Jato pelo ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, num palanque eleitoral, em plena atividade de campanha em Ribeirão Preto, na véspera da prisão de Antônio Palocci, lança suspeitas de abuso de autoridade e do uso político da Polícia Federal. Se tal situação tivesse ocorrido em meu governo, estaríamos sendo duramente criticados pela imprensa e pela oposição. Estamos caminhando para o Estado de Exceção”, escreveu Dilma nas redes sociais.

Após a repercussão, nesta segunda o ministro disse que foi mal interpretado. Segundo ele, “foi uma afirmação genérica”, em que dizia que todas as semanas ocorrem operações, e nesta também ocorreria. Ele ainda afirmou que só foi comunicado sobre o mandado de prisão contra o ex-ministro Antonio Palocci no início da manhã desta segunda.

Comentários (5)

  • Antonio Fallavena diz: 26 de setembro de 2016

    A “bola fora” do ministro, se ocorreu, deve ter desdobramento com sua responsabilização.
    Nada que possa travar ou eliminar o trabalho que vem sem feito pela PF e pelo MP pode acontecer.
    Não haverá “estado de exceção” como argumenta a ex-presidente deposta. Os culpados, sejam de cores partidárias, devem pagar com a devolução dos seus furtos e o tempo justo na cadeia. Inclusive Dilma e Lula.

  • Jorge Luis diz: 26 de setembro de 2016

    Esta mulher ferrou com o país e com o sustento de milhões de brasileiros. Se este país fosse, no mínimo sério, ela estaria sendo processada criminalmente

  • Alberto diz: 26 de setembro de 2016

    Até quando irão dar midia p/ essa PTralhada que quebrou nosso Brasil?

  • dario diz: 26 de setembro de 2016

    Claro, exceto o PT se Deus quiser.

  • Gilenio Camilo diz: 27 de setembro de 2016

    A bestialidade desse ministro obriga as pessoas de bom senso a apoiar Dilma em suas palavras mesmo sabendo de sua responsabilidade em todas as patifarias dentro de seu governo.Talvez,por algum instante o ministro tenha esquecido que o esquema criminoso tratado na lava a jato teve em sua linha de frente tres partidos: PT, PMDB e pp. Tá rindo de que ministro?

Envie seu Comentário