Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Líderes de bancadas na Câmara saem em defesa de Cunha: "desequilíbrio institucional"

05 de maio de 2016 1
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

Líderes de bancadas na Câmara dos Deputados assinaram nota, nesta quinta-feira (05), criticando o afastamento do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB). A determinação partiu do ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF). O documento é assinado por seis deputados: Leonardo Picciani (PMDB); Jovair Arantes (PTB); Paulo Pereira da Silva (Solidariedade); André Moura (PSC); Renata Abreu (PTN); e Aelton Freitas (PR).

“Este fato demonstra um desequilíbrio institucional entre os Poderes da República, cuja manutenção pode acarretar consequências danosas e imprevisíveis para a preservação da higidez da democracia no Brasil”, diz o documento.

Além de reivindicar à Câmara a responsabilidade exclusiva sobre a avaliação do mandato de Cunha, o texto diz que a decisão do STF foi tomada sem “qualquer urgência aparente”. No fim da tarde, os ministros do Supremo votaram por manter a decisão de Teori Zavascki.

Confira a nota:

IMG_4148

Comentários (1)

  • Alberto diz: 6 de maio de 2016

    Lula tem que ser punido urgente, depois Dilma e o resto da corja petralha!

Envie seu Comentário