Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "mateus ferraz"

Piratini desiste de convocar líderes para votar pacote nesta quinta-feira

14 de dezembro de 2016 0

Piratini está protegido por grades e com a porta principal fechada e vigiada (Mateus Ferraz / Gaúcha)

Temendo queimar cartuchos, o Piratini não vai solicitar à presidência da Assembleia Legislativa a convocação de uma reunião de líderes nesta quinta-feira (15). Com isso, a votação do pacote de projetos encaminhado pelo Executivo ficará para a próxima semana.

Os 16 projetos de lei e seis Propostas de Emenda à Constituição (PECs) estarão aptas à votação a partir de amanhã. No entanto, o mesmo acordo que permitiu a publicação dos textos na ordem do dia não foi conquistada para a apreciação em plenário.

O governo ainda não sabe se conseguirá antecipar o início da votação para segunda-feira (19) ou se terá que esperar até terça (20).

Na tarde desta quarta (14), uma reunião é realizada na Assembleia Legislativa para definir a ocupação de espaços nas galerias do plenário nos dias de votação. A tendência é de que os lugares sejam divididos igualmente entre os favoráveis e os contrários aos projetos.

Após gafe, Piratini corrige postagem em homenagem à Independência

07 de setembro de 2016 4
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Por Mateus Ferraz

A equipe de comunicação do Palácio Piratini fez um novo post no Facebook em homenagem à Independência na tarde desta quarta-feira (7). Nele, há o reconhecimento de que houve equívoco na postagem anterior e um pedido de desculpas. O texto ainda destaca que “Reconhecer os erros faz parte da busca por um Brasil melhor e mais independente”.

A imagem utilizada é a mesma da manhã, mas a palavra “adorada” aparece destacada, com as letras separadas. A postagem anterior, que foi criticada por seguidores da página do governo gaúcho na rede social, trazia o trecho do hino nacional em que se canta “Terra adorada” como “Terra dourada”.

“Terra Dourada”. Piratini comete gafe na web ao comemorar Independência do Brasil

“Terra Dourada”. Piratini comete gafe na web ao comemorar Independência do Brasil

07 de setembro de 2016 32
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Por Mateus Ferraz

O governo do Estado foi alvo de críticas e piadas nesta quarta-feira (7) devido a um post em sua página oficial no Facebook. A publicação, em homenagem ao Dia da Independência, trazia uma figura com a bandeira do Brasil estilizada e uma parte do hino nacional. No entanto, houve um equívoco. O trecho “Terra adorada” foi escrito como “Terra dourada”.

A equipe de comunicação do Palácio Piratini reconheceu a gafe e retirou o material do ar cerca de uma hora após a publicação. Ainda não há a confirmação se uma nova postagem será realizada em alusão à Independência.

Assembleia adia votações pela 2ª vez em duas semanas

06 de setembro de 2016 0
Foto: Vinicius Reis / Agência ALRS

Foto: Vinicius Reis / Agência ALRS

Por Mateus Ferraz

A falta de acordo referente a uma matéria com prioridade de votação no plenário da Assembleia Legislativa fez com que os líderes dos partidos que integram a Casa a adiarem a apreciação de projetos que ocorreria nesta terça-feira (6). Assim, o trabalho só será retomado daqui a uma semana, no dia 13 de setembro. Em 22 de agosto, as votações que estavam marcadas também foram canceladas, assim como a sessão, mas devido à morte do ex-deputado Pedro Américo Leal.

Veto

Nesta terça (6), o ponto de discórdia foi um veto do governador José Ivo Sartori a um projeto de lei, de autoria do deputado Frederico Antunes (PP), aprovado anteriormente e que modifica questões referentes ao ICMS da cadeia do arroz. Como ele tranca a pauta, nada mais poderia ser votado antes. Ainda não há concordância entre os produtores, o Legislativo e o Executivo, por isso a discussão vai se estender por mais uma semana.

Outros projetos

O líder do Executivo na Assembleia, deputado Gabriel Souza, pretendia agilizar a votação de dois projetos encaminhados na última semana em regime de urgência à Casa. Ambos visam à criação de vagas em presídios. Um deles modifica o objeto de permuta pelo terreno da Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH) e o outro autoriza a troca de imóveis públicos por áreas construídas. Com o adiamento, a apreciação vai ficar para a próxima semana.

Na pauta de votações, também está o projeto de autoria do deputado Elton Weber (PSB), que determina que terras de pequenos agricultores não poderão ser demarcadas como indígenas ou quilombolas, entre outras 26 proposições.

Ex-secretário Wantuir Jacini será condecorado pela Brigada Militar

31 de agosto de 2016 2
Foto: Mateus Bruxel / Agência RBS

Foto: Mateus Bruxel / Agência RBS

Por Mateus Ferraz

O ex-secretário estadual da Segurança Pública, Wantuir Jacini, será um dos contemplados deste ano com a Medalha Mérito de Operações Policiais Especiais da Brigada Militar. A informação está na edição desta quarta-feira (31) do Diário Oficial do Estado. A distinção é concedida para militares e civis que “se tenham destacado por suas atitudes, dedicação e capacidade profissional”, contribuindo assim com o Serviço de Operações Policiais Especiais da BM.

A escolha dos nomes foi realizada em agosto, antes de Jacini ser exonerado do cargo. Ela fica a cargo do Batalhão de Operações Especiais (BOE) e é submetida ao comando da Brigada e ao governador José Ivo Sartori. O evento, que também vai distinguir 27 brigadianos de todas as patentes, será realizado às 10h desta quinta-feira (1º) na sede do BOE, em Porto Alegre. A presença do ex-secretário não foi confirmada.

Confira AQUI a lista de condecorados

Estado vai divulgar valor da 1ª parcela dos salários dos servidores no final da tarde

30 de agosto de 2016 6
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Por Mateus Ferraz

Os salários dos servidores estaduais serão parcelados mais uma vez. O depósito da primeira parte do valor ocorrerá nesta quarta-feira (31). No entanto, o trabalhador só saberá quanto terá à disposição na conta no final da tarde de hoje (30). De acordo com o Piratini, a Secretaria Estadual da Fazenda vai aguardar o fechamento dos bancos para avaliar quanto poderá destinar aos vencimentos. A expectativa é de que o primeiro depósito seja de cerca de R$ 1 mil.

O anúncio ocorrerá através de nota publicada pelo Piratini, a pedido do titular da Fazenda, Giovani Feltes, que foi o portador das más notícias nos últimos meses. Não haverá evento ou entrevista coletiva.

Valores

Não está descartada a possibilidade de novos depósitos ao longo da quarta-feira (31), caso entrem recursos no caixa do Estado. A quitação completa dos salários deve ocorrer até o meio do mês, principalmente após a entrada de valores referentes à substituição tributária e ao ICMS dos combustíveis, energia elétrica e telecomunicações e do comércio.

Estado vai parcelar salários de agosto. Cerca de R$ 1 mil serão depositados dia 31

29 de agosto de 2016 19
Foto: Ivan de Andrade/Divulgação

Foto: Ivan de Andrade/Divulgação

Por Mateus Ferraz

O salário dos servidores estaduais será parcelado pela sétima vez consecutiva. Na manhã de quarta-feira (31), os trabalhadores devem ter na conta cerca de R$ 1 mil. Não estão descartados outros depósitos durante o dia, assim como ocorreu no último mês. A quitação completa deve ocorrer até o meio do mês, principalmente após a entrada de valores referentes à substituição tributária (9/10) e do ICMS dos combustíveis, energia elétrica e telecomunicações (10/10) e do comércio (12/10).

Nesta terça-feira (30), o Piratini fará a comunicação oficial, confirmando os valores da primeira parcela. Nesta segunda (29), os dados foram encaminhados pelo Tesouro Estadual à Secretaria de Comunicação. Os números são calculados alguns dias antes do pagamento, o que pode fazer, a partir da superação da expectativa de arrecadação, com que o primeiro depósito seja superior ao estimado.

Exoneração de Wantuir Jacini é publicada no Diário Oficial do Estado

29 de agosto de 2016 0
Foto: Mateus Bruxel / Agência RBS

Foto: Mateus Bruxel / Agência RBS

Por Mateus Ferraz

A primeira página do Diário Oficial do Estado (DOE), a destinada aos “Atos do Governador”, traz na edição desta segunda-feira (29) a exoneração do secretário estadual da Segurança Pública, Wantuir Jacini. Ainda não há um nome confirmado para o cargo, embora, nos bastidores do Piratini, fala-se em procurar alguém com o perfil técnico e discreto do antecessor.

A decisão é retroativa à sexta-feira (26), quando também houve a primeira manifestação do vice-governador José Paulo Cairoli, que ficará à frente da área – como coordenador do Gabinete de Crise com ações para a área de segurança – até a escolha de um secretário efetivo.

Ainda na sexta, Wantuir Jacini visitou os antigos liderados na Secretaria Estadual de Segurança Pública para se despedir. Com a saída do governo gaúcho, ele deve voltar a Mato Grosso do Sul, onde foi secretário estadual de Justiça e Segurança Pública de 2007 a 2014, e onde mantém residência. Também irá se dedicar à criação de cavalos crioulos, uma das principais ações dele fora da área pública.

“Eu nunca me preocupei com pesquisa”, diz Sartori sobre avaliação negativa do governo

23 de agosto de 2016 43
55% dos entrevistados pelo Ibope consideram governo de Sartori péssimo ou ruim Foto: Diego Vara / Agência RBS

55% dos entrevistados pelo Ibope consideram governo de Sartori péssimo ou ruim
Foto: Diego Vara / Agência RBS

Por Mateus Ferraz

José Ivo Sartori reuniu a imprensa na tarde desta terça-feira (23) para prestar contas das últimas ações de governo, como a viagem à Argentina, o reforço no quadro de servidores da segurança pública, previdência complementar e reestruturação do Estado. Não houve nenhum anúncio no evento. O governador falou por cerca de 20 minutos e, após a manifestação dos secretários que o acompanhavam, respondeu a perguntas. Uma delas, foi referente à baixa aprovação de seu governo em pesquisa realizada pelo Ibope. Eis a resposta:

“O negócio é baixar a cabeça, trabalhar e se dedicar permanentemente. A equipe que nós temos é boa. Agora eu posso dizer que eu nunca me preocupei com pesquisa. É fazer aquilo que precisa ser feito e criar as condições de mudança do papel do Estado”.

De acordo com o chefe do Executivo, ele não deve se preocupar “se está bem na parada”, já que precisa adotar medidas severas de contingenciamento. Disse que buscar o equilíbrio financeiro não é uma agenda negativa e acredita que parte da sociedade já está consciente sobre a crise financeira enfrentada pelo Estado.

Pesquisa

De acordo com pesquisa Ibope encomendada pelo Grupo RBS, 55% dos eleitores ouvidos classificam a administração de José Ivo Sartori péssima ou ruim. Para 31%, o governo é regular. Outros 10% acreditam que a atuação dele é boa e 2% ótima, mesmo índice dos que não sabiam ou não responderam.

Entrevista

Em relação à entrevista coletiva realizada no Palácio Piratini, Sartori falou sobre avanços na relação entre o Estado e a Argentina na área da agricultura. O ministro responsável pela área no país vizinho virá para a Expointer. O governador também destacou ações na área da segurança, como o início do curso de formação de 224 policiais civis, a convocação de 530 soldados da Brigada Militar e ainda a autorização de abertura de concurso público para o Instituto Geral de Perícias (IGP).

O secretário estadual da Fazenda, Giovani Feltes, falou sobre a interlocução com o Governo Federal referente ao ressarcimento de valores utilizados pelo Estado para a manutenção de estradas federais durante o governo de Pedro Simon, nos anos 80. A partir do chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, um grupo de trabalho foi criado para discutir o tema. O Piratini acredita que pode receber, na melhor das hipóteses, até R$ 2 bilhões. A resposta deve ser divulgada em 60 dias.

Ficha técnica

Contratante: Grupo RBS

Amostra: 602 entrevistas

Período: 18 a 21 de agosto de 2016

Margem de erro: 4 (quatro) pontos percentuais, para mais oupara menos

Nível de confiança: 95%

Registro no TRE: RS-09253/2016

Após suspensão de votações, projeto que altera Lei Kiss fica para semana que vem

23 de agosto de 2016 0
Foto: Assembleia Legislativa/Divulgação

Foto: Assembleia Legislativa/Divulgação

Por Mateus Ferraz

Após o cancelamento da sessão plenária desta terça-feira (23), devido à morte do ex-deputado Pedro Américo Leal, os projetos que estavam aptos a votação serão apreciados somente daqui a uma semana, dia 30 de agosto. Entre as matérias, está a que altera pontos da Lei Kiss, reduzindo a burocracia para a obtenção de alvará de funcionamento a empresas com baixo e médio risco de incêndio.

Relator do projeto da Lei Kiss na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o deputado Frederico Antunes (PP) afirma que não vê problemas em deixar a votação para a próxima semana, já que a aprovação da matéria e de emendas está encaminhada.

A votação não ocorrerá amanhã (24) por que o plenário será o palco de uma sessão solene pela passagem dos 55 anos do Movimento da Legalidade. Na quinta-feira (25), projetos não serão votados devido a um acordo para que nesse dia não haja a apreciação de matérias.

Na próxima terça-feira (30), apesar da realização da Expointer (sessões foram suspensas nos últimos anos para que deputados comparecessem à feira) e de ser véspera de feriado, parlamentares afirmam que querem votar a Lei Kiss e que não foi discutida a hipótese de novo adiamento.