Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de julho 2011

A semana irá começa chuvosa e terminará gelada no RS

31 de julho de 2011 0


Nas próximas horas as áreas de instabilidade serão intensificadas por um sistema de baixa pressão atmosférica que irão dar origem a um ciclone extratopical de terça para quarta-feira. Esse sistema de baixa pressão faz os ventos circularem no sentido dos ponteiros do relógio sugando a umidade da Amazônia em direção ao Estado e deixando as nuvens carregadas com elevado potencial de chuva forte. A instabilidade começa mais intensa pelo oeste  e norte do estado e depois se espalha por todas as regiões.



SEGUNDA-FEIRA


Um sistema de baixa pressão atmosférica mantém a presença das nuvens e as condições de chuva ao longo desta segunda-feira em grande parte das regiões. Os prognósticos indicam que a chuva terá uma distribuição irregular com chuva fraca alternando com períodos de chuva forte em áreas mais isoladas. As temperaturas seguem mais baixa junto a fronteira com o Uruguai como resultado da presença do ar polar no território uruguaio. A temperatura sobe lentamente durante a tarde devido ao tempo encoberto que ira predominar por todas as áreas.

TERÇA-FEIRA


O sistema de baixa pressão se intensifica e dá origem a um ciclone extratropical a noite junto a costa. Neste processo continua sugando umidade da Amazônia em direção ao Rio Grande do sul formando nuvens carregadas e deixando o tempo chuvoso em grande parte do  Estado. Há risco de fortes rajadas de vento da tarde em diante, sobretudo, no sul e no leste. As rajadas poderão alcançar entre 80 e 100 km/h. Da mesma forma que o ciclone suga umidade transporta também ar frio ao circular os ventos no sentindo dos ponteiros do relógio e nessa combinação de ar frio e chuva aumenta a chance de precipitação de NEVE em áreas isoladas da Serra, sobretudo, a noite. A sensação de frio gerada pelo vento fraco/moderado, mas constante que irá predominar ao longo do dia, será intensa por todas as áreas.


QUARTA-FEIRA


O ciclone que atua intenso junto a costa deixa o tempo ventoso em todo o centro e leste do Estado com risco de fortes rajadas de vento na faixa de 80 a 100 km/h. Ao longo da madrugada e manhã ainda chove em áreas do leste do estado incluindo as áreas serranas e, por isso, se mantém a condição favorável a NEVE. Essa condição irá diminuir na medida em que o ciclone se afasta levando com ele a chuva. No oeste do Estado o tempo fica mais aberto desde cedo com previsão de predomínio de sol, mas o frio persiste mesmo durante a tarde com os ventos gelados que irão predominar do quadrante sul/sudoeste. A mínima no Estado irá ocorrer no oeste com mínima em torno de -2°C.



QUINTA-FEIRA

O ar polar atua com intensidade obre o território gaucho com previsão de um amanhecer com mínimas em torno de 0°C e grande parte do interior do Estado. No oeste, campanha e na Serra as mínimas irão ficar abaixo de zero. Do centro ao norte e noroeste mínimas na casa de 2 a 4°C, Na Grande POA mínimas na faixa de 4 a 6°C e 9°C no litoral. Há risco de geadas amplas pelo interior do estado. A quinta-feira será ensolarada na maioria das regiões sem previsão de vento. A tarde a temperatura sobe gradativamente amenizando a sensação de frio do amanhecer mas sem gerar calor. A máxima no Estado não passa dos 15°C.

Bookmark and Share

Domingo de instabilidade e frio no RS

31 de julho de 2011 0

O Rio Grande do Sul continua divido pois dois cenários do tempo neste domingo. Mais ao norte areas de instabilidade mantém a presença das nuvens e com risco de chuva, sobretudo, na divisa com Santa Catarina. Enquanto que mais ao sul uma massa de ar polar intensa que cobre a Argentina eo Uruguai provoca frio intenso e aberturas de sol. Em Santana do Livramento a temperatura foi de apenas

1°C em Santana do Livramento

2,1°C em Dom Pedrito,

3,2°C; Quaraí,

2,5°C  Canguçu,

2°C e Bagé

4,8°C em Jaguarão

3,4°C em Camaquã

5°C em Sâo José dos Ausentes

Em Porto alegre 8,9°C

Mostardas 10,1°C

Nas próximas horas, a previsão é de que a instabilidade se converta em pancadas de chuva nas areas do Alto Uruguai, Serra, Litoral Norte e até mesmo em pontos da Grande Porto Alegre. Já na metade sul do Estado o sol predomina, porém os ventos gelados circulando do quadrante sul mantém o frio com temperatura máxima uqe não passa muito de 14°C em grande parte regiões.



Bookmark and Share

Sábado de frio no sul e instabilidade no norte

30 de julho de 2011 0

Uma massa de ar polar intensa que atua no territorio argentiou fez circular o vento sul em direção ao Estado provocando a redução da instabilidade e a queda mais acentuada da temperatura. Segundo a medição das estações automáticas do INMET das 5h00 a temperatura está abaixo de 10°C em grande parte do centro sul do Estado, Veja:

Cangucu                                7.4°C

Cacapava do Sul                  9.0°C

Bage                                    7.0 °C

Jaguarao                             6.4 °C

Chui                                  9.3 °C

Vacaria                                 9.7°C

Canela                            10.2 °C

Santiago                         11.4°C

Dom Pedrito                          7.6°C

Porto Alegre                        12.9 °C

Sao Gabriel                     11.9 °C

Soledade                         11.5 °C

Frederico Westphalen                13.3°C

Palmeira das Missoes                11.1°C

A instabilidade perdeu força durante a madrugada e gerou baixos acumulados pelo leste e norte do Estado. O maior volume da madrugada ocorreu em Erechim com 13 mm, seguida de São José dos Ausentes com 7 mm, 5 mm em Frederico Westphalen, 3 mm em Camaquã, 2 mm em Mostardas e  em Canela. As nuvens cobrem ainda grande parte do meio norte e leste do Estado conforme pode ser visto na imagem de satelite abaixo:


Nas próximas horas, a tendência é de que a temperatura baixe ainda mais nas areas da metade sul onde os ventos mais gelados do quadrante sul mantem a chegada do ar frio. Já em grande parte do norte e do leste as nuvens baixas mantem o risco de garoa e chuvisqueiros com eventuais episódios de chuva mais significativa. Ao longo da tarde e da noite, a tendencia é de predominio de sol na metade sul do Estado e, sobretudo, na fronteira oeste e na campanha. Já mais em direção ao norte o céu permanece nublado alternando com períodos de melhoria, mas o risco de pancadas de chuva não pode ser totalmente afastado, principalmente,  em regiões do litoral norte, campos de cima da Serra e Alto Uruguai. As temperaturas sobem gradativamente durante a tarde, porém a máxima em todo o Estado irá oscilar entre 14 e 16°C.

Bookmark and Share

Sexta-feira com tempo chuvoso em grande parte do RS

29 de julho de 2011 0

A tarde foi de tempo fechado e chuvoso em grande parte das regioes devido a presença de uma frente fria. As temperaturas hoje foram mais baixas em comparação a ontem. Enquanto ontem a máxima  foi de 29,6°C em Iraí, hoje a máxima no RS segundo o INMET foi de 24,4°C em São Borja.

A última imagem do radar da Redemet de Canguçu e do Morro da Igreja das 17h00registra chuva (areas coloridas) por grande parte do territorio gaúcho gerado pela presença de uma frente fria que desde ontem trouxa instabilidade e chuva para o RS.

Clique na imagem para ampliar

Segundo dados do INMET os volumes mais significativos foram registrados em:

Santiago 30 mm

Camaquã 32 mm

Soledade 42 mm

Porto Alegre 24 mm

Santana do Livramento 21 mm

Caçapava do Sul 18 mm

Palmeira das Missoes 21 mm

Vacaria 22 mm

Segundo as estações do Grupo RBS:

Gramado 33 mm

Santa Maria 32 mm

Santa Cruz do Sul 24 mm

Port Alegre 19 mm

Cruz Alta 17 mm

Segundo a medição do INMET das 17h00 a temperatura era de 10°C em Canguçu e em Snatyana do Livramento, 12°C em Quaraí, 13°C em Jaguarão, 15°C em Santiago, 16°C em Tramandai e 12°C em São José dos Ausentes. Em Porto Alegre a temperatura era de 14°C.

 

A última imagem de satelite do CPTEC (acima) mostra muitas nuvens (nas áreas coloridas) sobre o Rio Grande do Sul.

Nas próximas horas, a chuva persiste em grande parte do Rio Grande do Sul e ainda poderá chover forte em pontos localizados devido a presença de nuvens de grande desenvolvimento vertical. Na fronteira oeste e fronteira com o uruguai há previsão de melhorias a partir da madrugada com a passagem de uma massa de ar polar pelo Uruguai e Argentina. Há previsão de queda acentuada da temperatura em areas da campanha, fronteira oeste e tambem em trechos da Zona Sul. A menor temperatura deste sábado irá ocorrer na fronteira oeste com mínima em torno de 2°C. Do centro ao norte a madrugada e a manhã de sabado irá seguir com tempo fechado e chuva a qualuer hora. Ao longo da tarde, os períodos de melhoria atingem o centro e parte do leste do Estado. Nos extremo norte o tempo nao muda com previsao de chuva mesmo a tarde nos campos de cima da serra, Litoral Norte, Alto Uruguai e Planalto Médio.

 

Bookmark and Share

29 de julho de 2011 0

PREVISÃO para sábado 30/07
No sábado, a frente fria causa chuva no Paraná, Santa Catarina e norte do Rio Grande do Sul, sendo que em boa parte dos três Estados, o dia ficará fechado e chuvoso. Há risco de chuva forte, trovoadas e rajadas de vento entre Santa Catarina e Paraná. O acumulado alcança 40 mm e as rajadas chegam aos 70 km/h entre o norte catarinense e o leste paranaense. O vento deverá ser mais sentido nas primeiras horas do dia. Já no centro, oeste e sul do Rio Grande do Sul, o tempo seco retorna, com previsão de sol entre nuvens. O frio aumenta no Rio Grande do Sul, com mínima entre 4°C e 5°C na fronteira com o Uruguai. A temperatura máxima não passa dos 10°C no sul do Rio Grande do Sul, 13°C no sul de Santa Catarina e dos 20°C no centro e sul do Paraná.
PREVISÃO para domingo 31/07
No domingo, a umidade da Amazônia causa chuva ainda mais intensa sobre a Região Sul. O acumulado chega aos 60 mm na divisa do Paraná com Santa Catarina, região de Pedra Branca do Araraquara, correspondendo a quase 80% da média do mês de julho. Entretanto, a chuva forte será bem mais abrangente, atingindo boa parte do Paraná e de Santa Catarina, além de parte do norte do Rio Grande do Sul. A situação é mais preocupante no litoral de Santa Catarina e do Paraná, onde além da chuva forte, veremos aumento da maré por conta da Lua Nova. Esta combinação aumenta o risco de inundações. No centro, oeste e norte do Rio Grande do Sul, o tempo permanece seco, com sol entre nuvens. O frio da madrugada aumenta ainda mais no Rio Grande do Sul, com mínima entre 0 e 2°C e formação de geadas ao amanhecer na fronteira com o Uruguai. À tarde, o frio toma conta de toda a Região, com máxima que não passa dos 10°C no extremo sul do Rio Grande do Sul e na Serra Geral (Rio Grande do Sul e Santa Catarina) e dos 13°C no leste do Paraná.
PREVISÃO para segunda-feira 01/08

Na segunda-feira, a chuva forte volta a se espalhar pela Região Sul, atingindo todas as localidades dos três Estados. O acumulado passa dos 60 mm entre o norte de Santa Catarina e o leste e sul do Paraná.
PREVISÃO para terça-feira 02/08
A partir da terça-feira, a chuva começa a enfraquecer na maior parte da Região. Apenas no litoral do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, ainda chove forte.
Bookmark and Share

Umidade sobre o RS

29 de julho de 2011 0

Na figura acima podemos ver:


Na parte superior a imagem de satélite mostrando a quantidade grande de umidade presente no sul do Brasil especialmente sobre o norte e oeste do RS.


Na parte inferior estão marcadas as áreas com trovoadas, ou descargas elétricas, que geralmente estão associadas as regiões com maior concentração de chuva.


Podemos perceber que a umidade domina no RS e os prognósticos indicam a continuidade desta situação pelo menos até o começo da próxima semana.


Bookmark and Share

tempo hoje

29 de julho de 2011 0

Previsão do Tempo RIO GRANDE DO SUL
PREVISÃO para sexta-feira 29/07
Na sexta-feira a frente fria permanece sobre o Rio Grande do Sul mantendo o tempo fechado e com chuva.
Na metade norte do estado o tempo fica encoberto e com chuva no decorrer do dia, há condição para temporais a qualquer hora do dia que vêm acompanhados de trovoadas e rajadas de vento que podem chegar a 70 Km/h.
No fim do dia os volumes acumulados de chuva chegam aos 40 mm entre o norte e a serra gaúcha.
A forte nebulosidade que está sobre o Estado não deixa a temperatura cair e a madrugada fica abafada, com mínimas em torno dos 14°C.
O tempo fechado não deixa a temperaturas subir muito no decorrer do dia e a máxima gira em torno dos 20°C, sendo que na fronteira com o Uruguai não passa dos 18°C à tarde.
Serra: Tempo fechado e chuvoso. As mínimas ficam em torno dos 14°C e as máximas próximas dos 19°C à tarde.
Litoral: O mar permanece calmo e com ondas de 1m de altura.
Previsão do Tempo PORTO ALEGRE
PREVISÃO para sexta-feira 29/07
Tempo nublado com chuva ao longo do dia. Temperatura mínima de 14°C e máxima de 19°C. É esperado 19 mm de chuva. Durante o dia a sensação térmica será de frio. Os ventos sopram do quadrante sul com intensidade de 19 km/h. A umidade relativa do ar em torno de 91%.
Previsão do Tempo Região SUL
PREVISÃO para sexta-feira 29/07
A frente fria avança lentamente pela Região Sul, trazendo chuva para os três Estados da Região.
No Rio Grande do Sul e no oeste de Santa Catarina, espera-se um dia fechado e chuvoso, enquanto que nas demais áreas, a chuva acontece preferencialmente no período da tarde.
Ainda há previsão de chuva forte com trovoadas e rajadas de vento. Estas rajadas de vento, com velocidade em torno dos 70 km/h, acontecem preferencialmente pela manhã e atingem a Serra Geral, entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina.
O volume acumulado de chuva alcança 40 mm entre o norte do Rio Grande do Sul e o sul de Santa Catarina (25% da média de julho). A chuva forte atinge regiões que sofrem com os temporais desde a semana passada, como os vales do Paranhana, Sinos e Caí, todos no Rio Grande do Sul.
Além da chuva, na fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai, a temperatura entra em declínio devido a chegada de uma nova massa de ar frio.
Em Santana do Livramento, a mínima chega aos 9°C e a máxima não passa dos 15°C. Além da fronteira com o Uruguai, a grande quantidade de nuvens também provoca declínio da temperatura máxima no leste e norte do Rio Grande do Sul e no sul de Santa Catarina. No Paraná, ainda faz calor e a máxima chega aos 30°C no litoral e no norte do Estado.

Bookmark and Share

Calor no norte e chuva no sul e leste do Estado

28 de julho de 2011 0

A frente fria trouxe chuva para o RS desde ontem a tarde quando áreas de instabilidade favoreceram os primeiros eventos de chuva na fronteira oeste. Hoje a frente fria passou mais intensa no sul, centro e leste do Estado gerando os maiores acumulados de chuva nessas áreas ( pelo menos até agora). Já no extremo norte e noroeste o tempo permaneceu mais seco e sob a influencia do vento norte as temperaturas entraram em elevação com máximas perto de 30°C. Em Iraí foi registrada amior temperatura do Estado,  segundo as estações do INMET, com 29,6°C.

Veja no mapa abaixo os acumulados de chuva gerados nas estações do INMET:

Segundo os dados do INMET, o maior acumulado foi registrado em Caçapava do Sul 56 mm o que corresponde a 46% da média histórica do mês de julho.

Em Santana do Livramento choveu 38 mm o que corresponde a 32%  da média histórica

Em Rio Pardo choveu 33 mm o que corresponde a 22%  da média histórica do mês de julho

Em Camaquã choveu 29 mm o que corresponde a 24%  da média histórica

Em Rio Grande choveu 19 mm o que corresponde a 16%  da média histórica

Em Bento Gonçalves choveu 30 mm o que corresponde a 18%  da média histórica

Segundo as medições das estações do Grupo RBS os maiores acumulados foram:

22 mm em Bagé

22,8 mm em Gramado

24,6 mm em Pelotas

40,4 mm em Santa Cruz do Sul

20,4 mm em Santa Maria

10,4 mm em Uruguaiana

12,1 mm em Porto Alegre

A última imagem do radar de Canguçu (abaixo) mostra nas áreas coloridas o  registro de chuva moderada a forte desde o centro do Estado até areas da Zona sul e Leste.


Nas proximas horas, a instabilidade ganha intensidade sobre a Região Metropolitanam Serra e areas litoraneas e mantendo as condições de chuva agora apresentam em areas do  centro e sul com risco de novos episódios de chuva moderada com nucleos isolados de chuva o que tende a aumentar os volumes de chuva até o começo da madrugada. No extremo oeste e noroeste o tempo não muda muito permanecendo o abafamento e a variação de nuvens. Amanhã a frente fria irá levar chuva mais significativa para todo o norte do Estado, principalmente nas áreas onde hoje não houve registro de precipitação.

 




Bookmark and Share

Tempo hoje até o fim de semana

28 de julho de 2011 0

PREVISÃO para quinta-feira 28/07
Uma nova frente fria avança pela Região Sul e, até o fim do dia, traz chuva para todo o Rio Grande do Sul, Santa Catarina e sul do Paraná. A umidade da Amazônia alimenta o sistema.
No Rio Grande do Sul, a previsão é de elevado acumulado de chuva sobre o Rio Grande do Sul, chegando aos 50 mm em algumas cidades da região central do Estado (30% da média de julho). Além disso, a chuva vem acompanhada por muitas trovoadas e rajadas de vento.
Em Santa Catarina e Paraná, o acumulado de chuva será menor. Mesmo assim, esta precipitação também poderá vir acompanhada de trovoadas e rajadas de vento.
Apesar da previsão de chuva em todos os períodos do dia (manhã, tarde e noite), a precipitação vem alternada com períodos de sol entre nuvens. Estes períodos de melhoria e os ventos que sopram do quadrante norte favorecem a elevação da temperatura na maior parte da Região Sul, com máxima que chega aos 30°C no noroeste do Paraná e excede os 26°C no oeste de Santa Catarina e noroeste do Rio Grande do Sul.
PREVISÃO para sexta-feira 29/07
A frente fria avança lentamente pela Região Sul, trazendo chuva para os três Estados da Região.
No Rio Grande do Sul e no oeste de Santa Catarina, espera-se um dia fechado e chuvoso, enquanto que nas demais áreas, a chuva acontece preferencialmente no período da tarde.
Ainda há previsão de chuva forte com trovoadas e rajadas de vento. Estas rajadas de vento, com velocidade em torno dos 70 km/h, acontecem preferencialmente pela manhã e atingem a Serra Geral, entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina.
O volume acumulado de chuva alcança 40 mm entre o norte do Rio Grande do Sul e o sul de Santa Catarina (25% da média de julho). A chuva forte atinge regiões que sofrem com os temporais desde a semana passada, como os vales do Paranhana, Sinos e Caí, todos no Rio Grande do Sul.
Além da chuva, na fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai, a temperatura entra em declínio devido a chegada de uma nova massa de ar frio.
Em Santana do Livramento, a mínima chega aos 9°C e a máxima não passa dos 15°C. Além da fronteira com o Uruguai, a grande quantidade de nuvens também provoca declínio da temperatura máxima no leste e norte do Rio Grande do Sul e no sul de Santa Catarina. No Paraná, ainda faz calor e a máxima chega aos 30°C no litoral e no norte do Estado.
PREVISÃO para sábado 30/07
No sábado, a chuva fica mais restrita, atingindo o Paraná, Santa Catarina e o norte do Rio Grande do Sul. Ainda há risco de temporais entre o norte de Santa Catarina e o leste do Paraná, região que engloba Curitiba-PR e Joinville-SC. Em algumas localidades, o acumulado chega a quase 60 m, correspondendo a 80% da média de chuva do mês de julho.
No centro, oeste e sul do Rio Grande do Sul, a massa de ar frio deixa o tempo seco, com sol entre nuvens e a temperatura menor, com temperatura mínima que chega aos 5°C na fronteira com o Uruguai. Com relação à temperatura máxima, a combinação de vento de sul com o excesso de nuvens e chuva faz com que a sensação seja de frio durante a tarde em todo o Rio Grande do Sul, também no centro, leste e sul do Paraná e na maior parte de Santa Catarina. No sul do Rio Grande do Sul, a máxima chega a apenas 10°C. Já no sul de Santa Catarina, a máxima não passa dos 13°C. No Paraná, a máxima não chega aos 20°C.
PREVISÃO para domingo 31/07
No domingo, a frente fria quase estaciona, mantendo a chuva sobre todo o Paraná e Santa Catarina, além do norte do Rio Grande do Sul. O acumulado de chuva aumenta ainda mais, chegando aos 40 mm no leste do Paraná e norte de Santa Catarina.
Bookmark and Share

Tempo nos próximos dias no Brasil

28 de julho de 2011 0

Para hoje, quinta-feira, e próximos dias as chuvas devem atuar sobre os estados da região SUL do Brasil.
Nesta quinta-feira onde as pancadas de chuva atingem todo o RS e se estendem por Santa Catarina e também por sobre as partes mais ao oeste e sul do Paraná, as chances de volumes maiores de chuva na metade sul e oeste do Rio Grande do Sul, já nas áreas da metade norte do RS é grande a chance de temporais. Em função da umidade elevada o tempo será abafado durante todo o período.
Na sexta-feira, amanhã, o tempo instável continuará sobre o estado do Rio Grande do Sul como um todo, há chance de grandes volumes de chuva em vários pontos do estado, se mantém, também a chance de temporais. A chuva se estende por sobre Santa Catarina e Paraná. No oeste e no sul Catarinense pode ter volumes grandes de chuva a exemplo do RS. O tempo segue abafado em função do excesso de umidade, mesmo com as temperaturas sofrendo uma leve redução.
No sábado o tempo promete aberturas de sol e tempo sem chuva no sul e oeste do Rio Grande do Sul em função do avanço de uma massa de ar seco e frio que se desloca lentamente da Argentina em direção ao sul do Brasil. Mas na metade norte o tempo no RS segue ainda instável e com chuva de maior volume dominando as áreas próximas da divisa com Santa Catarina, que é o estado que recebe o maior volume de chuva no fim-de-semana. Os volumes grandes de chuva também atingem o centro-sul, oeste e leste do Paraná, já no norte paranaense os volumes de chuva serão pequenos.


Bookmark and Share