24 ago09:35

Concordienses participam dos Jogos Mundiais de Policiais e Bombeiros

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Dois policiais militares de Concórdia vão representar Santa Catarina no Jogos Mundiais de Policiais e Bombeiros, que iniciam na sexta-feira, em Nova Iorque. Marcos Rodrigo Sartori e Gesiel Lorenzetti viajaram terça-feira, de ônibus, para São Paulo.  Nesta quarta eles embarcam para os Estados Unidos.

Lorenzetti vai participar nas provas de 110 metros com barreira, 400 metros com barreira e os revezamentos 4 x 100 e 4 x 400. Sartori vai participar das mesmas provas mais o salto triplo. No entanto eles competem em categorias diferentes. Lorenzetti, que tem 26 anos, é da Categoria Open, que reúne atletas de 18 a 29 anos. Sartori, que tem 34 anos, está na Categoria Senior A, com idade entre 30 e 35 anos.

Eles se credenciaram para a competição após os bons resultados nos Jogos Iberoamericanos de Policiais e Bombeiros, disputado no ano passado, em Manaus-AM. Sartori foi medalha de ouro no salto triplo, no salto em distância, nos 110 metros com barreira e nos 400 com barreira. Lorenzetti ganhou os 110 metros com barreira, os 400 metros rasos e o salto triplo.

Lorenzetti fará sua estreia em mundiais mas seu colega já disputou a competição em 2009, em Vancouver, onde foi medalha de ouro nos 400 metros com barreiras e no Salto Triplo. Também levou a prata nos 110 com barreira e bronze nos 4 x 400.

Por isso está confiante também num bom resultado em Nova Iorque. -Como vou disputar 15 medalhas alguma pretendo trazer para casa- afirmou. Lorenzetti também pretende conquistar algum prêmio. Afinal ele já tem três medalhas de ouro nos Jogos Abertos de Santa Catarina, em 2004, 2006 e 2010, nos 110 metros com barreira. Ele começou a competir em 2002, representando a Fundação Municipal de Desporto de Concórdia em competições de base. Há três anos entrou na Polícia Militar e seguiu treinando nas horas de folga.

Sartori começou a competir depois que entrou na Polícia Militar, há 15 anos. -Procurava manter a forma para desempenhar bem meu trabalho- lembrou. E já tem medalhas nos Jasc, uma de ouro em 2003, no revezamento de 4 x 100, e uma de prata em 2005, na mesma prova. Os dois policiais de Concórdia querem incentivar a participação dos colegas em competições. Tanto que estão criando a Federação Catarinense de Esportes de Policiais em Bombeiros, que está em fase de legalização. Bom para a comunidade que terá profissionais bem preparados.

O que é a competição

Os Jogos Mundiais de Policiais e Bombeiros (World Police & Fire Games) são disputados de dois em dois anos e reúne profissionais que trabalham nas áreas de segurança pública, como policiais militares, civis, federais, rodoviários, bombeiros, guardas municipais e agentes prisionais. A competição iniciou em 1967, na Califórnia.

Neste ano, em Nova Iorque, será disputado de 26 de agosto a 5 de setembro. São cerca de 15 mil atletas que vão competir em 65 modalidades. Além das modalidades olímpicas, como atletismo, há provas específicas para policiais e bombeiros, como adestramento de cães, tiro policial, bombeiro mais resistente e até paintball.

Por

Comentários