21 set14:20

Adolescentes de Nova Erechim que estavam na van que se acidentou no trevo de Gaspar deixam a UTI

Os estudantes Renata Corso e Guilherme Pagani, ambos com 14 anos, adolescentes que estavam na van que se acidentou dia 3 na BR-470, no trevo de Gaspar, não estão mais na UTI.

Renata saiu da UTI do Hospital Santo Antônio, em Blumenau, dia 15 e foi transferida para o Hospital Santa Isabel. De acordo com o boletim médico desta quarta-feira, ela está no quarto e se recupera bem.

Guilherme também está em um quarto, no Hospital Azambuja, em Brusque. O hospital não passa mais informações sobre seu estado de saúde.

Os adolescente estavam em uma van que seguia de Nova Erechim, para uma viagem de estudos no Litoral. Todos eram estudantes da 8ª série de uma escola.

No trevo de Gaspar, na BR-470, um carro que saía da cidade teria cortado a frente da van. Para evitar o acidente, o motorista invadiu a pista contrária e bateu em uma carreta.

Danielly Ana Hining, Bruna Zenni, Renata Júlia Pezenatto e a professora Jocicler Mascarello morreram na hora. Gustavo Weschenfelder, de 15 anos, morreu dia 10.


JORNAL DE SANTA CATARINA

Por

Comentários