10 out15:09

Peixiskaria

O espaço da piscicultura apresenta uma novidade da 18a edição da Exposição-feira Agropecuária, Industrial e Comercial de Chapecó é Peixiskaria, mostra gastronômica de piscicultura. O ambiente apresenta dez pratos culinários. O objetivo é atrair as pessoas para a degustação do pescado. Dados do IBGE revelam que o brasileiro consume 4 Kg de pescado por ano, segundo a Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), em Santa Catarina são consumidos 2 Kg por pessoa/ano.

A Peixiskaria é organizada pelo Instituto Goio-en. Alguns pratos servidos são pastel de tilápia, camarão a milanesa, risoto de camarão, espetinho de peixe, entre outros. Para o pesquisador e extensionista da Epagri, Jorge de Matos Casaca, a atividade da piscicultura só se desenvolve se tiver demanda, e esse é o objetivo do espaço gastronômico.

- O ministério da Pesca tem intensificado campanhas para incentivar o consumo de pescado. Precisamos criar o hábito de consumir peixes para fomentar a produção – enfatiza Casaca.

Santa Catarina produziu 27 mil toneladas de pescado em 2010. Metade da produção catarinense é de tilápia e o Estado responde por 90% da produção nacional de ostras e mexilhões. Segundo Casasa a dificuldade da atividade é o licenciamento ambiental. Cerca de 99% dos 24 mil piscicultores do estado não possuem licença ambiental para a instalação dos açudes.

A Epagri expõe na feira alguns trabalhos do projeto de Intensificação ecológica da piscicultura (Piscenlit), desenvolvido através dos Governos brasileiro, francês e indonésio. O projeto estuda as diferentes formas para a intensificação ecológica dos sistemas de criação de países, incluindo gestão de serviços ecossistêmicos.

Além do espaço gastronômico quem visita o Pavilhão da Piscicultura poderá encontrar 18 espécies em exposição. São novidades de peixes exóticos e nativos, um lago artificial com passarelas e aquários com peixes de cultivo regional.


Por

Comentários