22 nov14:29

Prorrogadas inscrições para alfabetizadores de Jovens e Adultos

A Gerência de Educação da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira abriu inscrições de alfabetizadores, tradutores/intérpretes de libras e de coordenadores de turma do programa SC Alfabetizada. A informação é da coordenadora de turmas e integradora de ensino médio e profissional, Simone Niedermaier.

De acordo com ela, as inscrições foram prorrogadas até o dia 15 de dezembro. Os interessados podem procurar a SDR Dionísio Cerqueira para o credenciamento e validação dos documentos necessários conforme consta na chamada pública elaborada pela Secretaria de Estado da Educação (SED).

- As pessoas interessadas em participar do SC Alfabetizada podem procurar também informações nas secretarias municipais de educação de Anchieta, Palma Sola, Princesa, Guarujá do Sul e São José do Cedro – ressalta ela.

Quem pode se inscrever

Podem se inscrever professores da rede pública estadual de ensino; professores que já atuaram na alfabetização e pessoas que tenham formação em nível médio. As inscrições são gratuitas.

- É importante que os interessados estejam cientes das informações disponíveis na chamada pública lançada pela Secretaria de Estado da Educação (SED). Ela está disponível no endereço www.sed.sc.gov.br – destaca Simone.

Os interessados devem apresentar os documentos para validação da inscrição: cópia de RG e CPF e cópia de diploma que garanta escolaridade. As validações são feitas na SDR Dionísio Cerqueira, nas Secretarias municipais de Educação e no CEJA de Dionísio Cerqueira, em horário normal de funcionamento.

Quem já foi professor do programa SC Alfabetizada também deve apresentar o comprovante de formação continuada para validar a sua inscrição nesta nova etapa. Para os cargos de coordenadores de turmas os candidatos deverão comprovar ainda a disponibilidade de 10 horas/aulas semanais. O contrato de serviço será de oito meses. O objetivo do programa é oportunizar a alfabetização para jovens e adultos que já ultrapassaram a idade de escolarização regular.


Por

Comentários