01 dez18:36

Ações no dia mundial de combate à AIDS

Com o objetivo de conscientizar e sensibilizar as pessoas para a prevenção sobre DST/AIDS, o Hospital Regional Terezinha Gaio Basso, em São Miguel do Oeste desenvolveu, no dia mundial de combate à AIDS, um mutirão de informação que contou com distribuição de materiais informativos e camisinhas.

Durante o dia todo, equipes estiveram distribuindo fitas vermelhas, materiais informativos e preservativos. De acordo com a assistente social, Nadia Marangon Dalavechia, o estado de Santa Catarina apresenta a maior taxa de mortalidade do Brasil, sendo provavelmente devido ao diagnóstico tardio, e as dificuldades na adesão ao tratamento.

- Acredita-se que esta alta taxa de mortalidade esteja associada ao diagnóstico tardio, por tanto devemos trabalhar com ações preventivas, possibilitando a conscientização sobre DST/AIDS, através de métodos de prevenção – disse Nádia.

O projeto de intervenção teve como público alvo os colaboradores, pacientes e acompanhantes que passaram durante o dia na instituição.


Por

Comentários