09 dez22:21

Brasil passa pela Rússia e decide com Espanha

O Brasil está classificado para a final do 2º Torneio Mundial Feminino de Futsal. O time passou pela Rússia na semifinal da competição, com um placar de 5 a 1, aplicado na noite desta sexta-feira, no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza/CE. A adversária das brasileiras na decisão será a Espanha, que bateu, de virada, Portugal por 4 a 3.

A vitória credencia as donas da casa a seguirem na busca pelo bicampeonato mundial. A final será neste sábado,  às 12h30, com transmissão ao vivo do SporTV. A Rússia joga a preliminar, às 9h30, contra Portugal a definição do terceiro lugar da competição internacional.

Desde os primeiros movimentos da partida, o Brasil já dava mostras de que iria impor um maior volume de jogo. As chances foram criadas e o primeiro gol saiu dos pés de Taty, aos 4min56, após jogada pela ala direita, ela cortou para o meio e chutou forte e cruzado, vencendo a arqueira Irina.

Mesmo com a vantagem as brasileiras seguiram pressionando e a goleira da Rússia apareceu como destaque, fazendo defesas importantes, evitando que o placar fosse ampliado, pelo menos até aos 15min17, quando Jéssika arriscou e a bola acabou entrando no canto baixo de Irina.



Jéssika marcou três vezes na vitória contra a Rússia e lidera a artilharia da competição.



Na comemoração do segundo gol as atletas brasileiras homenagearam a ala Jessiquinha, que sofreu uma ruptura do ligamento cruzado do joelho esquerdo no duelo diante de Angola, na  quarta-feira, 07, e será submetida a uma cirurgia. O retorno da atleta às quadras tem prazo estimado em seis meses.

Na etapa complementar, as russas tentaram mudar o panorama da partida, avançando um pouco mais. Porém, as sul-americanas seguiram impondo o volume de jogo. O terceiro gol do Brasil saiu novamente dos pés de Jéssika, cobrando pênalti, aos 26min04.

Logo em seguida, Jéssika acertou um belo chute de fora da área e marcou o quarto das anfitriãs, aos 26min28. Com os três gols, a atleta brasileira assumiu a artilharia isolada da competição, com sete gols, ultrapassando a portuguesa Melissa Antunes, que tem um tento a menos.

Juliana Delgado, aos 28min12, fez o quinto do Brasil, enquanto Litvinova fez o de honra das européias por meio de uma cobrança de tiro livre da marca dos dez metros sem barreira, aos 38min04, fechando o marcador em 5 a 1.

- O time colaborou muito para que os lances individuais ocorressem. Nosso grupo é muito forte e unido e isto facilita este tipo de situação. Na final teremos um duelo muito complicado, as espanholas virão com tudo e tentarão fazer o mesmo que fizemos o ano passado, que foi vencer o campeonato na casa delas. Temos que entrar muito ligadas – disse a artilheira da partida e do Mundial Feminino, Jéssika.


FONTE: CBFS

Por

Comentários