16 dez16:11

Espetáculo de dança lotou o Teatro Municipal de Chapecó

As bailarinas da Ballare Escola de Dança fizeram bonito no espetáculo “Simples assim”, apresentado dias 13 e 14 no Teatro Municipal do Centro de Cultura e Eventos. O público chapecoense lotou o teatro nos dois dias. Para começar, a bailarina Larissa Capitanio Dal Santo recebeu uma homenagem. Ela foi selecionada no teste do Bolshoi no Brasil e ano que vem deixará a Ballare para estudar na maior escola de dança do mundo.

Anderson Viecelli Della Betta, que assistiu os dois dias de apresentações, disse que houve uma evolução em relação ao espetáculo do ano passado. – Achei todas as apresentações muito boas, e o público se entusiasmou – comentou. Ele também analisa que o espetáculo de final de ano é um incentivo para que as bailarinas aprimorem cada vez mais sua técnica e continuem se apresentando no ano seguinte, inclusive em festivais.

Segundo Angela Marafon, que também assistiu os dois dias de apresentações, foi tudo incrivelmente lindo. – As coreografias ficaram lindas. Os detalhes ficaram muito especiais, tanto os de cena quanto os das coreografias. A iluminação ficou muito boa, a escolha das cores e das nuances foi muito bem feita – avalia Angela, que gostou muito da dança contemporânea e do ventre.


Bailarinas

- É simplesmente mágico, faz a vida valer a pena, sentir o coração bater forte e depois ouvir o som dos aplausos, mas sempre pensando em como poderia ser melhor para a cada dia aperfeiçoar tudo. Por mais que haja toda a preparação, os sentimentos fogem do corpo e explodem – comentou a bailarina Raquel de Oliveira. Ela também fala do companheirismo das colegas e amigas de dança e da busca de um objetivo único – fazer um bom espetáculo e deixar o público satisfeito, e quem sabe passar um pouco da emoção de como é bom dançar.

Para a bailarina Paula Batistello, o espetáculo mostrou o quanto a vida pode ser feliz e singela. Segundo ela, todas as nossas atitudes diárias feitas com amor e felicidade deixam tudo simples assim. – É como dançar a vida! E é sempre desta maneira que a escola mostra seu trabalho, deixando todos que têm vontade de dançar fazê-lo com amor. Simplesmente dançar! Simples assim – completou.

A professora de balé e proprietária da Ballare, Vanessa Batistello Broglio, ficou satisfeita com o resultado final do espetáculo apresentado pelas alunas.


Por

Um Comentário »

  • Laura nissola disse:

    Parabéns ballare ….
    Arrasamos…

Comentários