23 dez17:04

Reforço da Chapecoense que vem das quadras

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

É das quadras que vem uma das apostas da Chapecoense para 2012. O pivô Barbosa, vice-artilheiro da Divisão Especial com 18 gols, pela Chapecoense Futsal, assinou contrato de três meses com a Associação Chapecoense de Futebol.

-Ele vai fazer uma avaliação para ver se consegue se adaptar ao campo- disse o diretor de futebol Cadu Gaúcho, que foi quem descobriu o atleta. –O que chamou a atenção foi a velocidade dele- afirmou o “olheiro”.

Cadu fez uma proposta para o pivô, que prontamente aceitou. –Não poderia deixar passar essa oportunidade como já aconteceu uma vez- disse o atleta de 23 anos, que quando tinha entre 15 e 16 anos fez um teste no Inter-RS.

Na época ele estava se destacando no time de futsal de Sananduva e preferiu seguir carreira nas quadras. Mas sempre teve o sonho de jogar futebol de campo. –No campo tem mais visibilidade, é mais valorizado- explicou.

Ele começou a treinar com na Chapecoense na semana passada e ainda estranha um pouco a bola e o espaço maior. –Às vezes o passe sai muito fraco ou muito forte- explicou. O deslocamento, que no salão é intenso e em curtas distâncias, vem sendo aprimorado. –Ainda corro errado muitas vezes- explicou. Até as disputas de bola são diferentes. –No campo é mais pegado- analisa Barbosa.

Ele lembra que grandes jogadores como Ronaldo Nazário e Robinho começaram no futsal, mas foram para o campo mais cedo. Outros que tentaram mais tarde, como Manoel Tobias e Falcão, não deram tão certo.

Barbosa tem esperança que seu caso seja diferente pois seu forte não é tanto a habilidade, mas sim velocidade de faro de gol. –Espero que possa me adaptar e fazer um bom catarinense- desejou.

É mais uma aposta da Chapecoense que vem se destacando em revelar jogadores com baixo orçamento.


PERFIL

Nome: Roberto Soares Barbosa

Naturalidade: Cacique Doble-RS

Idade: 23 anos

Altura: 1,72m

Peso: 66 quilos

Equipes: Sananduva, Atlântico de Erechim e Chapecoense (todos no futsal)

Conquistas: Vice-Campeão Gaúcho de Futsal em 2008, pelo Atlântico.



Outros jogadores que saíram do futsal para o campo:

MANOEL TOBIAS- Foi considerado o melhor jogador de futsal do mundo por três vezes nos anos 90. Foi bicampeão mundial pela seleção brasileira e “Bola de Ouro” no Mundial de Barcelona de 1994.

Em 1996 tentou uma incursão no futebol de campo, pelo Grêmio-RS, onde ganhou a Copa Renner. No entanto não teve o mesmo brilho e voltou às quadras.


FALCÃO- Foi eleito o melhor jogador de futsal do mundo em 2004 e 2006. Tentou carreira no futebol de campo em 2005, quando integrou o grupo do São Paulo na Taça Libertadores. Mas não se firmou como titular e também voltou às quadras, onde atualmente defende o Santos.


MITHYUÊ- Começou a carreira profissional de futsal no JEC/Krona/Dalponte, onde fez 13 gols na Liga Futsal 2007. No mesmo ano foi convocado para a Seleção Brasileira, com 17 anos. Em 2008 trocou o futsal pelo campo e foi destaque do Grêmio na Conquista do Campeonato Brasileiro Sub-20. Algumas lesões prejudicaram sua carreira no time profissional e, neste ano, acabou sendo emprestado para o Atlético-PR. No final do ano retornou ao Grêmio.


Por

Comentários