13 jan08:53

Abaixo assinado para federalizar caso Chiarello

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Ontem, durante o encerramento da vigília de nove dias em homenagem ao vereador Marcelino Chiarello, morto no dia 28 de novembro passado, foi distribuído um abaixo assinado pedindo para federalizar as investigações.


Foi realizada uma caminhada com velas, cartazes e bandeiras de luto, até o salão comunitário do bairro Santo Antônio.


De acordo com uma das coordenadoras do Fórum em Defesa da Justiça, Vida e Democracia, Deise Paludo, a meta é conseguir cinco mil assinaturas. O documento deve ser encaminhado ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e ao delegado responsável pela investigação, Ronaldo Neckel Moretto.

–Temos que buscar apoio pois está moroso demais- disse Deise.

>> Laudo da morte ainda não foi concluído

>> Celebração em Chapecó marca 30 dias da morte de Marcelino Chiarello

A vigília de ontem começou na Casa de Formação dos Seminaristas de Chapecó, situada no bairro Santo Antônio, onde Marcelio Chiarello estudou. Depois foi realizada uma caminhada com velas, cartazes e bandeiras de luto, até o salão comunitário. Uma das moradoras da comunidade e que coordenou a vigília, Camila Pelegrin, disse que o objetivo é pressionar pela solução do crime.

–Não vamos deixar cair no esquecimento- afirmou.

No final da celebração foi apresentado um vídeo sobre o trabalho do vereador em defesa da comunidade.


Por

6 Comentários »

  • Renato disse:

    Se vê q o povo não entende nada mesmo…

  • carlos disse:

    Massa de manobra,usados por políticos e companheiros que nada fizeram por ele quando estava vivo,ainda usam seu nome depois de morto em benefício próprio,e o povo não vê, todos queremos justiça,mas trazer gente de fora é assinar atestado de incompetencia a nossas autoridades que estão trabalhando da melhor maneira possível.

  • Josuel Cordeiro disse:

    sei lá! 45 dias e nada, tá mais pra incompetência mesmo.Ou tem farinha neste angú!!!!

  • Tobias disse:

    Complicado mesmo, como ja disse o Carlos, diversos politicos ficam falando besteira e quando o Marcelino era vivo não conseguiam se olhar na cara, tinham nojo um do outro. Indiferente de afinidade politica todos querem realmente a resolução do caso.
    Fato é que o partido o proprio vereador é o único que esta se aproveitando(não buscando solução, se aproveitando mesmo) da situação, interessante isso não ?

  • Jonas disse:

    Concordo com que disse Josuel Cordeiro, a população anseia por saber onde está a Verdade.

  • Derli Machado disse:

    eu acho que tem gente grande ,e tem muito dinheiro por traz disso tudo . quem tem dinheiro e é conhecido não vai pra cadeia . cadeia foi feita pra pobre essa é a verdade nesse pais ,precisa de muita mudança

Comentários