19 jan17:52

Inquérito do caso Marcelino Chiarello está sob sigilo

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

O delegado responsável pelo inquérito da morte do vereador Marcelino Chiarello, Ronaldo Neckel Moretto, disse que não pode passar informações sobre o caso pois na última semana foi decretado sigilo nos autos, pelo Poder Judiciário.


Ronaldo Neckel Moretto, delegado responsável pelo caso, pediu prorrogação para conclusão do inquérito.


Ele pediu a prorrogação para conclusão do inquérito e o novo prazo vence no dia 9 de fevereiro.

Anteriormente ele havia reclamado que a falta do laudo do IGP estaria “amarrando” as investigações.

>> Abaixo assinado para federalizar caso Chiarello

>> Outdoors pedem esclarecimento no caso Chiarello

Sobre a possibilidade de federalização do caso, Moretto disse que é algo previsto na lei. –Não tenho que achar nada, se vier vamos respeitar, não existe melindre- concluiu.


Por

Comentários