20 jan15:49

Chapecó vai oferecer serviços do SUS aos imigrantes haitianos

Com a vinda de imigrantes haitianos para residir e trabalhar em Chapecó, a preocupação da Prefeitura é a de oferecer atendimento e assistência à saúde adequada e com qualidade para esta população. Atualmente cerca de 50 pessoas já se instalaram no município e desempenham atividades profissionais em quatro estabelecimentos.

Com a finalidade de identificar e conhecer estes imigrantes, o Prefeito em Exercício, Américo do Nascimento Junior, encaminhou um ofício à Polícia Federal e as quatro empresas onde atualmente estas pessoas trabalham. A proposta é incentivar os órgãos públicos e privados envolvidos a repassarem os endereços residências e demais informações necessárias para a identificação dos haitianos.

O primeiro passo após o reconhecimento será a inserção destas pessoas no Cadastro Único de Saúde, para que eles possam usufruir de todos os serviços médicos e hospitalares disponibilizados pelo SUS, caso haja necessidade.

- Precisamos saber onde estas pessoas estão residindo para poder incluí-las no Programa da Estratégia de Saúde da Família (ESF), desenvolvido no Centro de Saúde mais próximo de cada um – ressalta Américo Junior.


Por

Um Comentário »

  • Ricardo disse:

    Eu acho que tinhamos que deportar essas pessoas o emprego no Brasil já esta dificil o atendimento no SUS para brasileiros já é precario só me flatava essa agora!

Comentários