24 fev10:04

SC tem 35 mil veículos nos pátios do Detran

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Santa Catarina tem 35 mil veículos parados nos 25 depósitos credenciados pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Alguns estão apodrecendo e servem apenas para sucata. O problema é que o órgão não consegue dar conta do aumento de veículos apreendidos, por diversas infrações, principalmente licenciamento atrasado. Somente no pátio localizado na Avenida Sete de Setembro, em Chapecó, há 1,2 mil veículos. A maioria é de motos. Dos veículos, há inúmeros Unos, Corsas, Chevettes e até Audi e BMW. No pátio de Concórdia são mais de 200 unidades.

Um leilão está previsto para o final de março, segundo o responsável pela Comissão de Leilões do Detran, major Gilberto Wilton da Silva. Devem ser vendidos cerca de 400 unidades. O major Gilberto explicou que não há condições de vender mais unidades, pois todas tem que ser avaliadas e cadastradas. Tudo por uma única equipe. Na semana passada foi publicado um edital notificando os proprietários de que regularizem sua situação ou então os veículos vão à leilão para pagar as despesas. Os proprietários devem procurar o órgão de trânsito de sua cidade e quitar suas pendências para ter o veículo liberado. O problema é que em muitos casos o valor a ser pago supera o valor do carro ou moto. E isso acaba enchendo os depósitos.

O major Gilberto disse que, neste ano, a previsão é de leiloar cerca de 5,5 mil veículos em 12 leilões, numero similar ao do ano passado. Mas os pátios somente devem esvaziar a partir da criação das Comissões Regionais de Leilão, que devem ter início neste ano. A intenção é criar 12 comissões regionais. Assim o número de leilões poderia chegar a 40 por ano. Atualmente apenas um comissão é a responsável por avaliar os carros e promover a venda. O dinheiro obtido vai para quitar as despesas das multas, guincho e depósito. Outras informações podem ser obtidas no site do Detran www.detran.sc.gov.br.



Por

Comentários