09 abr15:24

Celesc promove ação de combate à violência sexual nas rodovias

Nessa terça-feira, dia 10, às 14h, a Celesc promove o programa “Na mão certa” e realiza a aplicação dos adesivos da campanha de combate à exploração sexual infanto-juvenil nas rodovias nos mais de mil veículos que compõem a frota. A Regional de Chapecó, que atua em 32 municípios deve adesivar os 50 veículos. – Vamos iniciar nesta terça-feira o trabalho de adesivar os veículos da regional – disse o superintendente Valentin Guisi.

A adesivagem acontece em todas as Agências Regionais distribuídas pelo Estado. Durante a tarde será realizada também uma palestra com o inspetor da Polícia Rodoviária, Luiz Graziano, que será transmitida por videoconferência.

A iniciativa faz parte das ações de responsabilidade social alinhadas com o Programa que visa conscientizar a população para o enfrentamento mais eficaz de um problema que aflige, cada vez mais, a sociedade brasileira.

A violência sexual contra crianças e adolescentes é uma das mais graves violações de direitos e se caracteriza pelo abuso e/ou exploração do corpo e da sexualidade, seja pela força ou outra forma de coação, que prejudica o seu desenvolvimento físico, psicológico e social.

No último levantamento realizado pelo Departamento da Polícia Rodoviária Federal, em conjunto com a Childhood Brasil e a Organização Internacional do Trabalho, sobre os pontos vulneráveis à exploração sexual em rodovias brasileiras, concluiu-se que na região Sul existam, no biênio 2009 – 2010, 399 pontos. Destes, 216 foram considerados críticos. A BR 101, ligação litorânea Sul – Sudeste – Nordeste, abrigava 187 pontos. Em Santa Catarina, há 28 pontos considerados críticos.


Por

Comentários