30 mai14:41

Guaraciaba é reconhecida com trabalho pós-tornado

A forma como Guaraciaba conduziu os trabalhos em prol das famílias atingidas pelo tornado e a eficiência com que aplicou os recursos públicos para reabilitar os espaços e dar dignidade às pessoas, tornou o município referência nacional. Esta experiência da Administração Municipal será apresentada por Tarcisio Hanauer no Fórum Mudanças Climáticas e Justiça Social, que acontece em Brasília.

O convite foi feito pelo Governo Federal, através da Comissão Nacional de Afetados por Desastres Socioambientais. Esta é a segunda vez que representantes do município de Guaraciaba vão a Brasília apresentar a experiência com o tornado.

Conforme o Prefeito Ademir Zimmermann o interesse em conhecer o trabalho feito em Guaraciaba, se deve ao fato de que em pouco tempo as famílias atingidas foram restabelecidas. A preocupação foi dar dignidade, reconstruindo a casa, retomando o setor produtivo, oferecendo atendimento psicológico e buscando todas as formas possíveis de auxílio para minimizar as perdas. Para o prefeito essa experiência torna-se exemplo, porque em muitos outros municípios brasileiros, também atingidos por catástrofes climáticas, centenas de pessoas ainda estão em abrigos e em situações precárias.

A experiência de Guaraciaba será apresentada nesta quinta-feira, dia 31, em audiência com representantes da Secretaria Nacional da Presidência, da Casa Civil e dos Ministérios das Cidades, da Integração Nacional e do Ministério do Meio Ambiente. A partir da experiência de Guaraciaba, o fórum tem a finalidade de elaborar políticas públicas nacionais de atendimento e reabilitação das famílias em casos de desastres naturais.

Segundo Zimmermann, Guaraciaba será representada por Tarcisio Hanauer, que viaja nesta terça-feira para a capital federal, representando também as Cáritas Brasileiras da Regional da Diocese de Chapecó. Ele já representou o município em outra oportunidade, juntamente com Elói Voigt, que em 2009 coordenou as ações de auxílio aos atingidos.


Por

Comentários