26 jun10:40

Índice da construção civil acelera em junho, diz FGV

O Índice Nacional da Construção Civil – Mercado (INCC-M) apresentou pequena aceleração em junho, na comparação com o resultado de maio, ao passar de 1,30% para 1,31%, no período.

No ano, o índice acumula variação de 4,98% e, nos últimos 12 meses, de 7,03%. O INCC-M foi divulgado nesta terça-feira pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). No grupo Materiais, Equipamentos e Serviços, o INCC-M saiu de 0,35% em maio para 0,30% em junho. O índice correspondente a Materiais e Equipamentos registrou variação de 0,29%, ante 0,35% registrado na leitura anterior. O destaque ficou com dois subgrupos, materiais para estrutura e materiais para acabamento, que desaceleraram, respectivamente, de 0,40% para 0,27% e de 0,37% para 0,25% de maio para junho.

A parcela relativa a Serviços também apresentou desaceleração ao passar de 0,37% em maio para 0,34% em junho. A FGV destaca a variação do subgrupo serviços pessoais, com o índice saindo de 0,73% para 0,49% na mesma base de comparação. Na classe Mão de Obra, o INCC-M acelerou de 2,22% em maio para 2,28% no mês seguinte. Neste grupo, Brasília e São Paulo registraram variações de 3,01% e 4,18%, respectivamente, devido aos reajustes salariais em função da data base. Quatro capitais pesquisadas apresentaram aceleração no INCC-M de junho: Salvador (de 0,08% para 0,34%), Brasília (de 0,15% para 1,68%), Belo Horizonte (de 0,23% para 0,59%) e São Paulo (de 2,17% para 2,23%). Recife (de 0,29% para 0,23%), Rio de Janeiro (de 2,66% para 0,26%) e Porto Alegre (de 0,38% para 0,27%) registraram desaceleração.


AGÊNCIA ESTADO

Por

Comentários