26 jun20:17

Presos quatro envolvidos em fraude de concurso em Xaxim

Quatro acusados de participação na suposta fraude em concurso público na prefeitura de Xaxim tiveram prisão preventiva decretada nesta terça-feira pela 2ª Vara da Comarca da cidade, a pedido do Minitério Público de SC.

Entre os presos estão um funcionário público e uma pessoa envolvida diretamente com a administração pública e dois empresários. As prisões aconteceram na tarde desta terça. Um homem foi encaminhado para o presídio de Xanxerê e as três mulheres para o presídio de Chapecó.

A prisão preventiva foi pedida pelos Promotores de Justiça Fabiano David Baldissarelli e Diana da Costa Chierighini para garantir a ordem pública e para evitar novos crimes. O Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) de Chapecó começou a investigar as supostas fraudes no concurso público da prefeitura de Xaxim em maio, quando uma candidata procurou a Promotoria de Justiça da Comarca para denunciar que havia recebido o gabarito errado da prova.

A candidata se inscreveu para o cargo de auxiliar de enfermagem e recebeu o gabarito da prova para o curso superior de enfermagem. Para auxiliar nas investigações, o GAECO apreendeu, por meio de três mandados de busca e apreensão, documentos, equipamentos de informática, provas, cartões respostas, gabaritos, listas e arquivos digitais. Os materiais foram submetidos à análise do Instituto Geral de Perícias (IGP).

>> No Oeste, 15 editais de concursos para prefeituras estão sob investigação do Ministério Público

A força-tarefa também colheu depoimentos. Descobriu-se, então, o vazamento do gabarito da provade enfermagem e de outroscargos do concurso,e que a fraude havia beneficiado outros candidatos. A Promotoria de Justiça de Xaxim recomendou a anulação do concurso público e a prefeitura anulou. O certame foi realizado em cinco de maio deste ano. Foram 368 inscrições para 19 cargos.


DIÁRIO CATARINENSE



Por

Comentários