04 jul17:04

Escola de Chapecó representa SC no Parlamento Jovem em Brasília

Os alunos da escola estadual Saad Antônio Sarquis, de Chapecó, começam a projetar a apresentação no Parlamento Jovem em Brasília/DF no mês de setembro. Na semana passada eles representaram a cidade durante três dias na Assembleia Legislativa de SC e conseguiram o primeiro lugar com um projeto voltado ao meio ambiente. A escola estadual faz parte da gerência de educação da SDR Chapecó.

A escola de Chapecó teve a participação sorteada ainda no ano passado e integrou o projeto com mais três instituições catarinenses, de Guabiruba, Laguna e Rio das Antas.

Foi apresentado o Projeto de Lei instituindo a semana Catarinense do meio ambiente, comemorado no dia cinco de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente.

Os jovens parlamentares defenderam a energia limpa, as cisternas, reciclagem do lixo urbano e rural e sacolas retornáveis. Representaram a escola estadual do bairro Cristo Rei, os alunos Luan Antônio Fortes, Camila Capitani, Ketly Gonçalves Machado, Tiago Bresolin, Kálita Gabriela Dutikevis, Angélica Puchman, Daniela Alves Pinto, Larissa Cristina dos Santos.

Os estudantes apresentaram em plenário dois vídeos sobre a força de Chapecó e do oeste catarinense, bem como o potencial turístico da região.

- O Parlamento Jovem foi uma fonte de conhecimento única, muito diferente da escola, pois é uma experiência prática. E estamos conhecendo também a sede da Assembléia Legislativa – disse a jovem Camila, de 16 anos.

O Programa Parlamento Jovem da Assembleia Legislativa de Santa Catarina permite a estudantes da rede pública e particular vivenciar a rotina dos deputados estaduais. Com a escola classificada para a etapa de Brasília/DF os alunos de Chapecó começam a projetar uma nova apresentação.

- Será um novo projeto, mas seu esqueleto não foge da Semana Catarinense do Meio Ambiente. Vamos ampliá-lo levando em conta a realidade de cada região – disse o diretor da escola Carlos Casonatto.

A escola estadual Saad Sarquis tem 29 turmas e 761 alunos divididos entre o ensino fundamental e médio.



Por

Comentários