08 jul09:35

Enfim futebol na Arena Condá

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Depois de 70 dias sem uma partida oficial a Arena Condá recebe neste domingo o confronto entre Chapecoense e Vila Nova, a partir das 15 horas, pela Série C do Campeonato Brasileiro. É quase tanto tempo quanto a interdição da pista do aeroporto de Chapecó, que ficou 75 dias sem receber aeronaves.

A diferença é que enquanto o aeroporto tem uma pista novinha, o gramado do estádio continua com buracos. Mesmo assim a equipe catarinense espera que a força da torcida ajude a buscar um bom resultado contra os goianos, que na estreia venceram o Oeste por 4 a 1.

-Vai ser um grande jogo- prevê o capitão Souza. -Esperamos que a torcida lote o estádio- declarou o técnico Itamar Schulle.

O vice-presidente de futebol do clube, João Carlos “Maringá”, espera um público de seis mil pessoas. Ele afirmou que a partida tem vários atraentes, como a volta de um jogo após mais de dois meses, a oportunidade de a torcida conferir o novo time após o Campeonato Catarinense e o adversário de qualidade, que demonstrou ser um dos favoritos da Série C.

-É um jogo para avaliarmos o patamar do nosso time- calculou Maringá. O diretor ressaltou que o clube vem de um bom resultado na estreia, o empate sem gols fora de casa, contra o Santo André.

Maringá disse que o momento é do torcedor comprar a ideia da Série C, como fez o torcedor do Joinville no ano passado. Ele argumentou que uma vaga na Série B representaria um novo patamar para o clube e para a cidade.

Par o jogo de hoje o técnico Itamar Schulle contará com o retorno do zagueiro Fabiano e do meia-atacante e ala Eliomar. Chicão e Thuram vão para o banco. Outra possível mudança seria a saída de Neném para a entrada de Rafael Mineiro. Tudo para ver se o time decola no campeonato.

Por

Comentários