19 jul18:35

Criado o Dia em Defesa da Vida, da Democracia e da Justiça

O vereador chapecoense Marcelino Chiarello será homenageado com o Dia em Defesa da Vida, da Democracia e da Justiça. A Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) aprovou na terça-feira, dia 17 de julho, o Projeto de Lei 579/2011, de autoria da Bancada do PT. A data instituída é dia 28 de novembro, data em que o vereador foi encontrado morto dentro de casa em 2011.

Marcelino Chiarello foi seminarista da Diocese de Chapecó, atuou como professor de filosofia na rede pública estadual e ocupou alguns cargos durante o governo petista do município.

>> Corpo de Marcelino é enterrado novamente em Chapecó

Chiarello foi eleito vereador pela primeira vez em 2004. Em sete anos de mandato, Chiarello foi reconhecido como o líder político de oposição na Câmara de Vereadores.

O Projeto segue agora para sanção do Governador do Estado.


Por

Comentários