24 jul15:51

Inscrições abertas para o Prêmio SESC de Literatura

Escritores amadores de todo o Brasil têm até o dia 30 de setembro para inscreverem-se no Prêmio SESC de Literatura 2012/2013. Dividida nas categorias Conto e Romance, a premiação tem o objetivo de revelar talentos e promover a literatura nacional. As inscrições devem ser feitas no site sesc.com.br/premiosesc.

Na edição de 2011/2012, os vencedores foram Luiza Geisler, do Rio grande do Sul, com o romance Quiçá, e Rafael Gallo, de São Paulo, na categoria contos com Réveillon e outros dias. Na última edição da Festa Literária de Parati, a revista literária britânica Granta, publicada em sete países, anunciou o nome de Luisa Geisler na lista de 21 melhores jovens escritores brasileiros. Com a edição, os selecionados terão a oportunidade de verem seus nomes e obras divulgados nos países onde a Granta circula: Estados Unidos, Grã-Bretanha, Itália e China.

O Prêmio Sesc de Literatura é destinado ao público adulto. Os textos devem ser escritos em língua portuguesa, por autores brasileiros ou estrangeiros residentes no Brasil. A obra enviada deverá ter entre 130 e 400 páginas, caso seja romance, e entre 70 e 200 páginas, caso seja um livro de contos. Os concorrentes não podem ter nenhum livro publicado na categoria. As composições devem ser inéditas e é permitida a inscrição de obra que esteja com até 25% da sua extensão disponibilizada na internet.

O prêmio busca identificar obras que possuam qualidade literária para edição e circulação nacional. Além da divulgação, o concurso, também, abre uma porta do mercado editorial aos estreantes, uma vez que os livros vencedores serão publicados pela editora Record e distribuídos para toda a rede de bibliotecas e salas de leitura do SESC e Senac do país.

O concurso literário, além de cumprir um importante papel na área de cultura, proporciona uma renovação no panorama editorial brasileiro. O vencedor de cada categoria terá sua obra publicada e distribuída comercialmente pela editora Record, com uma tiragem inicial de 2 mil exemplares, além de ter direito a 10% do valor de capa da obra quando da sua comercialização em livrarias.

Por

Comentários