09 ago12:51

Pesquisa mostra oscilação nos preços da gasolina em SC

Distante das refinarias e distribuidoras, os postos de combustíveis da região Oeste novamente apresentaram em julho preços elevados para a gasolina comum, conforme dados divulgados pelo curso de Ciências Econômicas da Unochapecó. A pesquisa utiliza dados levantados entre 01 e 26 de julho, pela Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Entre as 22 cidades pesquisadas, São Miguel do Oeste apresentou o maior preço médio de revenda ao consumidor em julho, que foi de R$ 2,884 por litro, enquanto o menor foi registrado em Itajaí, com R$ 2,566. Chapecó teve o preço médio de R$ 2,782, Concórdia e Xanxerê de R$ 2,826 e Videira de R$ 2,790.

Quanto à diferença entre os preços de distribuição e de revenda, Xanxerê foi o município que teve, em julho, a maior margem bruta média. O preço de distribuição foi de R$ 2,350, e como na revenda chegou a R$ 2,826, a diferença é de R$ 0,476 por litro. Nos demais municípios do Oeste pesquisados pela ANP e analisados pelo curso de Ciências Econômicas da Unochapecó, as diferenças entre a compra pelo posto e a venda ao consumidor foram de R$ 0,472 em Concórdia, de R$ 0,470 em São Miguel do Oeste, de R$ 0,416 em Videira e de R$ 0,396 em Chapecó.


Por

Comentários