24 ago14:27

Programa de assistência social promove qualidade de vida para idosos de Chapecó

O Programa de Atendimento ao Idoso da Unochapecó, desenvolvido pela Diretoria de Extensão, oferece atividades diárias para pessoas com 60 anos ou mais. As oficinas são temáticas e promovem a saúde preventiva, meio ambiente, cultura, esporte e lazer, cidadania, inclusão digital e orçamento familiar. São desenvolvidas de segunda a sexta-feira, nas dependências da Unochapecó, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30.

O projeto tem como finalidade o desenvolvimento de ações que promovam a autonomia e a consciência crítica, bem como a disseminação de conhecimentos importantes para o envelhecimento saudável, entre outros. Cada idoso pode participar de quantas atividades forem de seu interesse.

Cada uma das atividades proporciona aos idosos momentos de aprendizado e descontração. As aulas de informática, por exemplo, possibilitam o contato com um novo mundo para os idosos. Cursando a segunda aula de Inclusão Digital, Izaira Borges Bentes comenta que seus filhos têm computador em casa, mas não disponibilizam tempo para ensiná-la a usar.

- Quero aprender bem, para um dia poder conversar com meus filhos e parentes que moram longe – planeja Izaira.

Os idosos atendidos pelo projeto também possuem a oportunidade de se alfabetizar, como instrumento para a garantia de direitos e o conhecimento do mundo. As bolsistas do Projeto Literatório da Unochapecó são responsáveis pelas atividades de iniciação a leitura e escrita. Fontor Dutra da Silva, usuário do programa, nunca frequentou a escola. Segundo ele, a única coisa que sabe escrever é o nome.

- Eu vim aqui conhecer as letras e aprender a ler para um dia poder escrever uma cartinha para minha mulher – declarou Fontor com bom humor.

Para a acadêmica de Letras e bolsista do Literatório, Jucélia de Souza, trabalhar com a terceira idade é uma grande troca de conhecimentos.

- Nós os alfabetizamos, mas também aprendemos muito com eles, é uma experiência gratificante – enfatiza Jucélia.

Desenvolver o intelecto, estimular a memória, ser inserido no mundo do conhecimento e das tecnologias é de extrema importância também para quem já passou dos 60 anos. Para que essas atividades sejam realizadas, é essencial que a saúde física esteja em dia. É pensando nisso que o Programa de Assistência Social da Fundeste/Unochapecó de Atendimento ao Idoso promove atividade física duas vezes por semana. Segundo a coordenadora, Ivany Nair Pavan, o programa procura oferece o desenvolvimento do protagonismo e da autonomia dos idosos, a partir de seus interesses, demandas e potencialidades dessa faixa etária, visando o envelhecimento saudável.

- A convivência e troca de experiências possibilitam o autoconhecimento e o autocuidado – complementa Ivany.

O Programa de Assistência Social da Fundeste/Unochapecó de Atendimento ao Idoso é desenvolvido em parceria com o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) regional situado no Bairro Efapi em Chapecó. O projeto tem capacidade para atender até 150 pessoas e ainda há vagas. Interessados em fazer parte do programa podem se inscrever gratuitamente no Cras – Efapi, localizado na Rua Uru, esquina com Curuíra, próximo ao Bairro Tiago. Para mais informações o telefone é o (49) 3321-8176.


Por

Comentários