24 ago16:24

Quase um mês sem uma chuva significativa em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Ainda é inverno e o calor fora de época, que chegou aos 26 graus em Chapecó nesta semana, fez com que as flores dessem um colorido especial na cidade antes da primavera chegar. Isso só deveria acontecer na segunda quinzena de setembro.

De acordo com o observador metereológico da Epagri em Chapecó, Francisco Schervinski, além do calor acima do normal foram registrados apenas dois dias de chuva neste mês, dia 7 e 14. Foram apenas 2,3 milímetros, bem distante da média histórica para o mês, que é de 146 milímetros. Além da falta de chuva a umidade também está baixa e chegou a 34%. O normal seria entre 55 e 80%.

- A última chuva significativa registrada em Chapecó foi no dia 29 de julho – disse Francisco.

A previsão indica que no domingo e segunda-feira o tempo pode mudar na região.

– Além da queda na temperatura, com mínima de oito graus na segunda-feira pode chover até 25 milímetros a partir de domingo – adiantou Schervinski.


Por

Comentários