11 set11:48

Mercoláctea 2012 é apresentada em Chapecó

“Sem medo de errar: Santa Catarina tem o melhor leite do Brasil e um dos melhores do mundo”, afirmou o presidente da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (Ocesc), Marcos Zordan, durante o café da manhã de apresentação à imprensa da Mercoláctea 2012. A feira, que está na 4a edição, ocorrerá entre os dias 8 e 11 de novembro de 2012, no Parque da Efapi, em Chapecó. Serão mais de 120 expositores, negócios da ordem de 85 milhões de reais e mais de 15 mil visitantes-compradores.

O diretor da empresa Latina, organizadora da feira, Auro Pinto, destacou a importância dos eventos para o desenvolvimento econômico de Chapecó, falou sobre a programação da Mercoláctea 2012 e anunciou, como novidade para esta edição, a presença da Miniusina Via Láctea – uma estação de processamento de leite, produzido pelos animais expostos na feira, que será transformado em queijo e distribuído para degustação dos visitantes.

De acordo com o presidente da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), Maurício Zolet, o envolvimento de todos os parceiros demonstra a importância do setor leiteiro para a economia regional. Zolet observa que a entidade busca, permanentemente, a criação da estrutura necessária para a realização dos eventos e a atração de investimentos para todos os setores, inclusive o do leite.

Representando o presidente da Mercoláctea 2012, Odacir Zonta, o vice-presidente para assuntos estratégicos do Agronegócio da Fiesc, Mário Lanznaster, fez um resgate histórico da cadeia produtiva leiteira do oeste catarinense. Citou exemplos de países como a Nova Zelândia e Austrália, que conseguem produzir leite e derivados com baixo custo e destacou a importância do sistema cooperativo para o desenvolvimento da cadeia leiteira.

Paralelo à feira ocorrerá o Seminário Internacional do Leite, organizado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e o Fórum Catarinense da cadeia leiteira, realizado pela Comissão Parlamentar Permanente do Leite da Câmara dos Deputados. Além disso, haverá Feira de comercialização de animais, produtos e serviços agropecuários; Feira de comercialização de equipamentos, produtos e serviços da indústria Láctea e Showroom de marcas e produtos lácteos.


Por

Comentários