20 set15:16

Bancários de dez cidades do Oeste estão em greve

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Bancários de dez cidades do Oeste estão em greve. A paralisação iniciou na terça-feira, dia 17, e não tem prazo para terminar. Os bancários esperam uma contraproposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). No final de agosto os banqueiros apresentaram uma proposta de 6% que foi rejeitada pela categoria.

Segundo o presidente em exercício do Sindicato dos Bancários de Concórdia e Região, Luiz Junior Gubert, a categoria reivindica 10,25% de aumento e melhores condições de trabalho, saúde e atendimento.

>> Confira alternativas para pagar contas durante a greve dos bancários

Na região do Alto Uruguai Catarinense seis agências estão fechadas. De acordo com o Sindicato de Concórdia, são cerca de 300 bancários que atuam em 25 agências instaladas em 17 municípios da região.

No Sindicato dos Bancários de Chapecó, Xanxerê e Região, que compreende 30 municípios e 60 agências, 21 estão paralisadas. Dos 1,3 mil bancários, 95% estão filiados.

Na área de atuação do Sindicato de São Miguel do Oeste quatro agências, das 35 distribuídas em 32 municípios, estão fechadas. São cerca de 450 bancários no extremo-oeste.

Panorama da greve no Oeste

Chapecó

5 agências do Banco do Brasil

6 agências da Caixa Econômica Federal

2 agências do Santander

2 agências do Itaú

1 agência do HSBC


Concórdia

1 agência do Banco do Brasil

1 agência da Caixa Econômica

1 agência do Itaú

1 agência do Santander


Iporã do Oeste

1 agência do Banco do Brasil


Maravilha

1 agência do Banco do Brasil


Pinhalzinho

1 agência do Banco do Brasil

1 agência da Caixa Econômica Federal


Quilombo

1 agência do Banco do Brasil


São Carlos

1 agência do Banco do Brasil


São Miguel do Oeste

1 agência do Banco do Brasil/Besc

1 agência da Caixa Econômica Federal


Seara

1 agência do Banco do Brasil


Xavantina

1 agência do Banco do Brasil


Por

Comentários