clicRBS
Nova busca - outros
28 set09:43

Três jovens perdem a vida após acidente na SC 469 em Pinhalzinho

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Os amigos Cássio Cesco, 22 anos, e o passageiro Mauricio Traverssini, de 23 anos morreram carbonizados após um grave acidente envolvendo três veículos na noite da quinta-feira, no Km 58 da SC 469, em Pinhalzinho. Eles voltavam da aula. Fábio André Steffens, 22 anos, ocupante de outro veículo foi socorrido, mas morreu no hospital. Outro rapaz, Alexandre Frigo, de 21 anos, que teve ferimentos graves, segue internado no Hospital. Todos moravam em Modelo.

Segundo informações da Polícia Militar Rodoviária (PRMv) de São Lourenço do Oeste, o motorista do Audi, Fábio teria tentado ultrapassar o Vectra, conduzido por Alexandre, de 21 anos, e bateu de frente com o Gol, onde estavam Cássio e Mauricio.

Com o impacto da colisão, o Gol pegou fogo e os dois ocupantes morreram carbonizados. Fábio  foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros de Pinhalzinho, mas morreu ao dar entrar no Hospital da cidade.

Alexandre, que sofreu ferimentos graves, foi levado pelos Bombeiros para o hospital de Pinhalzinho onde recebeu os primeiros atendimentos. Depois foi transferido para o hospital de Modelo onde segue internado. O estado de saúde é estável.

Fabio, que trabalhava como motorista de retroescavadeira em uma granja do interior da cidade, e o amigo Alexandre estavam indo para Pinhalzinho.

- Eu achava que ele estava na casa da namorada – disse a Terezinha Steffens, mãe de Fabio, que ainda tenta entender o que aconteceu.

Cássio trabalhava como frentista em um posto da cidade e Maurício em uma fábrica de caixões e urnas funerárias. Os dois cursavam o primeiro módulo do curso técnico em Radiologia, em Pinhalzinho.

O velório dos três acontece no Centro Multiuso de Modelo e o enterro está programado para às 16h no cemitério municipal.

A Polícia Civil de Pinhalzinho vai investigar o caso.


Por

Comentários