15 nov09:34

SC terá quatro novas malhas ferroviárias

Alessandra Ogeda | alessandra.ogeda@diario.com.br

O governo federal confirmou que Santa Catarina terá quatro novas ferrovias percorrendo o Estado por meio do Programa de Concessões de Ferrovias e Rodovias. Duas delas confirmadas para passar por Mafra, com projetos que haviam sido divulgados em agosto. Outras duas, que vão partir ou passar por Chapecó, estão em fase de estudo pela Valec, empresa pública vinculada ao Ministério do Transporte.

A ministra-chefe da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, Ideli Salvatti, esclareceu nesta quarta-feira, através de nota, que as duas novas malhas ferroviárias do programa previstas para passar por Mafra estão confirmadas. E informou a novidade sobre a decisão de ser feita a Ferrovia do Frango.

Por telefone, o presidente da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), Bernardo Figueiredo, confirmou que está em fase de estudo, pela Valec, a execução da Ferrovia do Frango e uma nova malha ferroviária Norte-Sul através do Oeste — informação divulgada pelo DC em reportagem no último dia 7. Esta última obra sairia de Panorama (SP), passaria por Cascavel (PR), Chapecó, Erechim (RS) e finalizaria no porto de Rio Grande (RS).

— Todos estes projetos são de bitola larga. Prevemos ferrovias modernas, diferente das que existem hoje em Santa Catarina — explicou Figueiredo.

De acordo com o presidente da EPL, já existe uma decisão do governo de que os dois projetos que incluem Chapecó serão feitos. A dúvida está sobre o traçado para a Ferrovia do Frango.

— Teremos uma ferrovia ligando Chapecó aos portos de São Francisco do Sul e Itajaí. O que estamos discutindo é se esta ligação será feita pelo Vale do Itajaí ou por Mafra. A ideia preliminar é a segunda opção, porque utilizaríamos a ferrovia atual entre Mafra e São Francisco, mas modernizando-a — contou.

Segundo Figueiredo, a escolha sobre um trajeto ou outro será determinada pelo estudo técnico que será contratado pela Valec em dezembro. O assunto será debatido com o governo catarinense. As duas ferrovias previstas para passar por Chapecó seriam feitas através do novo modelo de concessão lançado pelo governo, por intermédio da iniciativa privada, nos mesmos moldes dos dois novos projetos previstos para Mafra.

— O presidente da EPL me confirmou esta boa notícia. Esta será a quinta malha ferroviária em Santa Catarina, que passará a ser um dos estados brasileiros com melhor infraestrutura instalada de transporte de carga por trilhos — declarou, através de nota da assessoria de imprensa, Ideli Salvatti, ministra-chefe da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República.

O deputado Pedro Uczai esteve, nesta quarta-feira, em uma reunião com Paulo Sérgio Passos, ministro dos Transportes, para tratar sobre o tema. De acordo com o deputado, a audiência foi positiva, porque deu a segurança de que os projetos previstos pelo governo vão atender aos estados com ramais pelo litoral e pelo interior.


Novas ferrovias em SC

Já incluídas no Programa de Concessões de Ferrovias e Rodovias:

— Saindo de São Paulo, passando por Ponta Grossa (PR), Mafra, Porto Alegre (RS) e chegando no Rio Grande (RS);

— Saindo de Maracaju (MS), passando por Cascavel (PR) e chegando até Mafra.

Que serão incluídas no programa de concessões após finalizados os estudos de viabilidade pela Valec:

— Chapecó até os portos de São Francisco do Sul e Itajaí — neste caso, o traçado ainda será definido pelo estudo, podendo passar pelo Vale do Itajaí ou por Mafra;

— Panorama (SP), Cascavel (PR), Chapecó, Erechim (RS) e chegando a Rio Grande (RS).


DIÁRIO CATARINENSE



Por

Comentários