Fotos

22 nov12:01

Felipe Tozzo vence uma prova, mas fogo impede segunda na GT Premium

A quente cidade de Campo Grande/MS recebeu no fim de semana, dos dias 17 e 18 de novembro, a antepenúltima etapa do Campeonato Brasileiro de Gran Turismo. A dupla está menos de 20 pontos atrás dos líderes.

Felipe Tozzo (Cordilat/Royalpack/FLC/Cooperalcool) queria repetir o desempenho da última corrida. No sábado, dia 17, na primeira prova, Felipe e o matogrossense Raijan Masacarelo venceram.

Mas no domingo, dia 18, quando tudo indicava uma nova vitória o carro pegou fogo e obrigou o chapecoense a abandonar a prova.

- Não sabemos qual o motivo do fogo, mas graças a Deus não aconteceu nada de mais grave – disse o piloto que conseguiu levar o carro para o box onde o fogo foi controlado.

Restam mais duas etapas, ou seja, quatro corridas para definir o campeonato. No próximo dia 2 de dezembro os pilotos tem prova decisiva em Cascavel no Paraná.


Comente aqui
22 nov11:38

Novembro Azul, agora é a vez dos homens

Confira um artigo do médico urologista César Bombardelli:

O dia 17 de novembro foi aclamado em nosso país, como o Dia Nacional de Combate ao Câncer da Próstata. Ocasião oportuna para que todo homem possa fazer, ainda que por alguns instantes, uma reflexão sobre a importância e o impacto desta doença sobre sua saúde, bem como sua vida. Afinal, nos últimos 3 anos, o câncer da próstata contribuiu, de forma expressiva, para um incremento de até 95% no índice geral de morbidade da população masculina. Segundo dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer) até o final de 2012, estima-se que sejam diagnosticados algo em torno de 60.180 novos casos na população ou o equivalente a 62 novos casos por cada 100 mil habitantes.

O câncer da próstata ocupa a 6° posição no ranking geral das neoplasias malignas e é o segundo mais frequente na população masculina, em termos de mortalidade (ficando apenas atrás do câncer de pele). Habitualmente tem sido detectada em pacientes com 50 anos de idade ou mais, porém, não são raros os casos de pacientes mais jovens, diagnosticados com o câncer prostático. Os fatores de risco conhecidos, considerados como mais importantes para o seu surgimento, são: herança familiar (maior chance de acometimento da doença em indivíduos que apresentam história familiar positiva para o câncer da próstata); idade avançada (forma comum de neoplasia maligna na terceira idade, porém, quanto mais avançada for a idade, por ocasião do diagnóstico, menos agressivo tende a ser o câncer prostático); obesidade e diabetes melitus (pacientes com obesidade mórbida e diabéticos tendem a desenvolver formas bastante agressivas do câncer de próstata, precocemente); dieta alimentar pautada no consumo excessivo de gordura animal, do tipo saturada, ao longo da vida (carnes vermelhas, embutidos, derivados do leite, etc.).

Quando analisado de acordo com a raça/etnia, verificamos incidência do câncer de próstata relativamente baixa entre asiáticos, indígenas, e bem mais elevada entre os brancos/caucasianos, principalmente do norte da Europa e América do Norte, porém a maior incidência ocorre entre os negros, particularmente os que habitam o continente americano. Acredita-se que isto ocorra em função de uma interação entre aspectos biológicos do fator racial e hábitos alimentares.

Quando na fase inicial, o câncer de próstata é uma doença silenciosa: não produz nenhum sintoma ou manifestação clínica significativa. Isto somente ocorre quando o tumor ultrapassa os limites da glândula prostática e invade órgãos e estruturas adjacentes. Nesta fase, a cura já não é mais possível, sendo apenas indicado tratamento de controle da doença bem como tratamento paliativo. Este argumento é forte o bastante para justificar o apelo vinculado através da mídia, para que os homens reflitam sobre o assunto e assumam o compromisso de se submeterem a uma avaliação prostática, com vistas ao diagnóstico precoce do câncer da próstata. É importante se salientar que, em verdade, não se trata de exame preventivo, mas sim de rastreamento precoce do câncer, pois, tecnicamente, não temos, ainda, como evitar o aparecimento do câncer da próstata nos pacientes (uma vacina que proteja contra o câncer prostático ainda não se encontra disponível no mercado, apesar de inúmeras pesquisas científicas tentarem rumar nesta direção)

Quem deve fazer o exame prostático? A Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) recomenda que comecem a fazê-lo, todos os homens a partir dos 45 anos de idade, sem histórico familiar para a doença. Este exame poderá ser feito 1 vez por ano. No caso de homens com histórico familiar bem conhecido para o câncer, o ideal seria começar a fazer o exame a partir dos 40 anos de idade e preferencialmente 1x a cada 6 meses, dependendo dos fatores de risco associados, presentes na história clínica. Esta recomendação tem sido igualmente endossada por outras associações urológicas internacionais de respeito, como a American Urological Association (AUA) e a European Association of Urology (EAU). O padrão-ouro da avaliação continua sendo a combinação entre o exame digital da próstata (toque retal) e a dosagem no sangue do PSA- Antígeno Prostático Específico

Seguindo o exemplo do grande sucesso da campanha de detecção precoce do câncer de mama, o “Outubro Rosa” a Unimed Chapecó, de forma inovadora, resolveu lançar a campanha “Novembro Azul” inspirada no movimento “Movember”, nascido na Austrália, em Melbourne, no ano de 2004, quando um grupo de aproximadamente 30 homens deixou o bigode crescer, deliberadamente, para utilizá-lo como um símbolo emblemático em prol da conscientização dos homens, acerca de problemas relativos à saúde masculina, em particular o câncer da próstata e seu engajamento na luta contra os mesmos. A palavra “Movember representa um mix das palavras “Moustache” (bigode em inglês), com a palavra November (Novembro). Este movimento ocorre uma vez por ano, durante todo o mês de Novembro e além das ações de conscientização, promove arrecadação de fundos para a Movember Foundation, aplicadas em ações de saúde para os homens.


Comente aqui
22 nov11:31

Blog da Atlântida: Músicas de Adele são consideradas as melhores para dormir

Cerca de duas mil pessoas participaram de uma votação escolheram as músicas da cantora Adele, como as melhores para dormir.

Confira a nota completa no Blog da Atlântida Chapecó.


Comente aqui
22 nov11:18

Mercado Público Regional de Chapecó completa cinco anos

Consumidores e visitantes que passarem pelo Mercado Público Regional serão presenteados com a degustação de produtos típicos dos municípios que integram o empreendimento. A iniciativa marca as comemorações de cinco anos de atividades voltadas a promover os produtos da agricultura familiar e acelerar o desenvolvimento integrado da região oeste de Santa Catarina.

- Será disponibilizada uma mesa com produtos típicos dos municípios para degustação, desta maneira valorizamos os produtores rurais da microrregião e os compradores que preferem itens da agricultura familiar -explica o administrador do Mercado Público Regional, Fernando Gama Patussi.

A diversidade de produtos é resultado de um profundo trabalho de seleção, de onde se extraiu o que de melhor existe na região.

- São produtos artesanais que valorizam as origens da população, fortalecendo as heranças culturais. Além disso, o local é um espaço de valorização da nossa cultura – ressalta o secretário executivo da Associação dos Municípios do Oeste de Santa Catarina (AMOSC), Paulo Utzig.

A iniciativa é gerida pelo Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Econômico, Social e Meio Ambiente (Cidema).

O Mercado fica no bairro Passo dos Fortes, em Chapecó. O horário de atendimento é das 8 às 12 horas e das 13h30 às 19 horas de segunda a sexta-feira e aos sábados das 8 às 13 horas.

Estrutura

Atualmente integram o projeto os municípios de Caxambu do Sul, Chapecó, Cordilheira Alta, Coronel Freitas, Guatambu, Nova Itaberaba, Planalto Alegre, Quilombo, Santiago do Sul, São Carlos, Sul Brasil e União do Oeste.

Os outros boxes são ocupados pela Peixaria, Instituto Saga, Sociedade Amigos de Chapecó (SAC), Mapa, ARIS, Arapoc, restaurante e Secretaria Municipal de Agricultura e Serviços Rurais de Chapecó.

A estrutura se constitui de pavilhões com box para os municípios, praça de alimentação com palco para apresentações culturais, conta com internet Wi-Fi, auditório climatizado para cerca de 50 pessoas, baterias de banheiros masculinos e femininos, área de circulação e amplo estacionamento. Neste ano, em conjunto com a Prefeitura de Chapecó foram implantados o Banco de Alimentos e a academia ao ar livre, na área externa do Mercado Público Regional.


Comente aqui
22 nov08:49

Chapecó e Brusque decidem Liga Nacional de Futsal Feminino

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Duas equipes catarinenses decidem na noite desta quinta-feira o título da Liga Nacional de Futsal Feminino. A Unochapecó/Nilo Tozzo/Aurora/Female, enfrenta o Barateiro/Brusque, a partir das 20h15, no ginásio Alberto Sordi, em Xaxim. O time de Chapecó teve que jogar na cidade vizinha em virtude do ginásio em melhores condições.

No primeiro confronto, em Brusque, houve empate por 2 a 2. Quem vencer hoje fica com o título. Em caso de novo empate haverá prorrogação, onde Chapecó leva vantagem de jogar por nova igualdade. A Female, que está invicta na competição, busca o quinto título. Brusque, que tem apenas uma derrota em nove jogos, quer a conquista inédita.


Comente aqui
21 nov19:38

Nivaldo recebe fã

O goleiro Nivaldo, que completou no sábado 206 jogos pela Chapecoense, recebeu nesta semana a visita de um fã na Arena Condá. O advogado Guilherme Pereira, 24 anos, tem o goleiro como ídolo desde a Conquista do Campeonato Catarinense de 2007.

-Ele é um dos maiores jogadores da história da Chapecoense se não for o maior- avaliou Pereira. Para o advogado, além de ter conquistado dois Catarinenses (2007 e 2011), os acesso da Série C (2009) e da Série B (2012), o goleiro mostrou um grande caráter ao permanecer no clube mesmo nos momentos difíceis.

Ele tem cinco modelos de camisa do goleiro. Entre algumas das defesas importantes, o torcedor lembra das duas no primeiro jogo contra o Luverdense, que ajudaram a garantir o acesso para a Série B.

Nivaldo levou o torcedor até a área de uma das goleiras, para mostrar que não é muito fácil evitar que a bola entre no gol. Ele ficou lisonjeado por ser considerado um ídolo para o torcedor. –É bom ter esse reconhecimento e eu já me sinto chapecoense depois de tanto tempo- explicou o goleiro.

Ao despedir-se de Nivaldo, Pereira desejou que ele continue no clube no próximo ano, para disputar a Série B. –Ele merece- concluiu.

Comente aqui
21 nov15:21

Lombadas eletrônicas são ativadas em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Dez lombadas eletrônicas foram ativadas na manhã desta quarta-feira, dia 21 de novembro, em Chapecó. Os equipamentos estão operando em fase de teste e com caráter educativo.  A partir do dia 11 de dezembro as lombadas começam a multar.

O limite de velocidade será de 40 Km/h e 50 Km/h. Segundo a Prefeitura de Chapecó os recursos provenientes das multas serão aplicados em melhorias no trânsito, fiscalização e ações para Educação no Trânsito, conforme prevê a legislação.


Pontos fiscalizados:

40 Km

- Avenida Nereu Ramos, 1591-D | Bairro Universitário

- Avenida Nereu Ramos, 1629-D | Bairro Universitário

- Rua John Kennedy, 407-E | Bairro Passo dos Fortes

- Rua Uruguai, 1310-E | Bairro Santa Maria

- Rua Euclides Prade, 71-E | Bairro Santa Maria

- Rua Antonio Morandini, 392-E | Bairro Jardim Itália


50 Km

- Avenida Leopoldo Sander, 385-D | Bairro Engenho Braun

- Avenida Leopoldo Sander, 94-D | Bairro Alvorada

- Rua Fernando Machado, 345-D | Bairro Líder

- Rua Fernando Machado, 520-D | Bairro Líder


Comente aqui
21 nov11:43

Blog da Atlântida: One Direction é comparada com Rolling Stones

Os meninos da One Direction foram foram comparados com a lendária Rolling Stones.Mick Jagger, vocalista da banda, disse que enxerga semelhanças entre as duas.

Confira o que o volcalista do Stones disse no Blog da Atlântida Chapecó.


Comente aqui
21 nov10:45

Obras do Centro Politécnico da Uceff Faculdades Chapecó já começaram

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

A partir do mês de agosto de 2013 mais de 700 alunos dos cursos de Engenharia Civil, Engenharia de Produção, Arquitetura e Urbanismo e Redes de Computadores da Uceff Faculdades Chapecó, vão ter aulas no Centro Politécnico. As obras da unidade, de 26 mil metros quadrados, localizada na Avenida Irineu Bornhausen, no Bairro Palmital, já começaram.

De acordo com o diretor da Uceff, Leandro Sorgato, nesta primeira etapa serão entregues 22 salas de aula climatizadas, 10 laboratórios, biblioteca e área de lazer. O investimento na reestruturação da antiga fábrica de tubos de aço é de R$ 2 milhões.

A coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo e uma das profissionais responsáveis pelo projeto do Centro, Adriana Baldissera, conta que todo projeto é pensado na sustentabilidade.

- A ideia é fazer desse espaço da indústria uma fábrica de conhecimentos – disse Adriana.

A direção, departamento financeiro, secretaria acadêmica e os cursos de Administração e Ciências Contábeis seguem na unidade do Bairro Santa Maria.



Curso de medicina veterinária será oferecido em Chapecó

A Uceff aguarda a portaria do Ministério da Educação (MEC) para lançar o curso de medicina veterinária e abrir inscrições para o processo seletivo.

Segundo Sorgato, o projeto está tramitando há dois anos.

- Chapecó é polo do agronegócio e a vinda do curso para a cidade irá beneficiar ainda mais – disse Sorgato.


Comente aqui
20 nov16:32

Hidrelétrica de Machadinho paralisa operação

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Usina Hidrelétrica de Machadinho, localizada no rio Uruguai, entre Piratuba e Maximiliano de Almeida-RS, paralisou suas operações às 10h13 desta terça-feira. O motivo é a pouca chuva registrada entre outubro e novembro.


Em Abril Machadinho também parou por causa da estiagem.


De acordo com o gerente de operação das usinas de Machadinho, Itá e Passo Fundo, Elinton Chiaradia, o motivo da paralisação é para preservar o nível do lago, que já está 11,5 metros abaixo do nível máximo. O reservatório útil para geração de energia está em apenas 20%.

Machadinho tem potência instalada de 1140 megawatts, o suficiente para atender 40% da demanda energética de Santa Catarina.

Chiaradia informou que, para manter a hidrelétrica funcionando, com apenas uma das três turbinas, o consumo de água era de 220 metros cúbicos por segundo. Mas a quantidade de água que estava chegando no lago, pelos rio afluentes, era de apenas 100 metros cúbicos, menos da metade do mínimo necessário.

Esse volume é seis vezes menos do que a média de vazão histórica na área do lago. Outra medida adotada é a redução da geração de energia em Itá, que fica no rio Uruguai, entre Itá e Aratiba-RS.

A operação, que estava em 70% da capacidade na semana passada, foi reduzindo até chegar a 15% na manhã de ontem. Itá tem potência instalada de 1450 megawatts, o suficiente para atender 50% da demanda de Santa Catarina.

Em Itá o reservatório está 2,5 metros abaixo do nível máximo e com 57% do volume útil. Chiaradia disse que esse é um período que normalmente as hidrelétricas geram em capacidade máxima.

-Este período seco não é normal para a época – argumentou.

Mesmo assim não há risco de desabastecimento energético já que a baixa geração no Sul é compensada por outras regiões. Em Abril Machadinho também parou por causa da estiagem.


Comente aqui