Fotos

22 jul18:13

Sub 20 da Chapecoense Futsal venceu em casa

A Chapecoense Futsal entrou em quadra no sábado, dia 21 de julho, para sua quinta partida na segunda fase do estadual sub 20, em mais uma grande atuação a equipe venceu a Tipso/Itajaí por 4 a 2 e lidera a chave E.

De acordo com a Assessoria da equipe apenas a vitória interessava, por isso a equipe da casa foi para cima desde o inicio. O adversário contando com atletas experientes, que atuaram inclusive em equipes da divisão especial Catarinense e Série Ouro Paranaense, apostava mais nos contra ataques.

O primeiro gol saiu logo a 01’35” com o ala Igor. Logo na sequencia aos 02’33” Renan ampliou. Quando o adversário passou a atacar mais novamente Renan marcou o terceiro gol aos 06’43”, após o gol a Chapecoense passou a marcar, a equipe saia pouco para o ataque, no final do primeiro um principio de confusão e dois cartões amarelos.

No intervalo o treinador de Itajaí cobrou muito da equipe, a cobrança deu resultado, aos 25’29” Antonio marcou e aos 28’25” Matheus descontou.

Após sofrer o segundo gol, o treinador Coelho pediu tempo e organizou a equipe que passou a atacar.

Quando faltavam seis minutos o adversário colocou o goleiro linha, mas Chapecó marcava bem, até que aos 36’45” Kleivison acertou um lindo chute de fora e acertou o ângulo. Final de jogo Chapecoense 4 a 2.

- Foi uma grande vitória, o adversário é muito forte com jogadores experientes, mas nossa equipe esta muito madura, sabe bem a hora de atacar e a hora de defender, estamos muitos felizes com a campanha – comentou o treinador Coelho.

Com a vitória a Chapecoense lidera a chave com sete pontos, no próximo domingo, dia 29 de julho, acontece a última rodada, as duas partidas serão no mesmo horário, as 18 horas.A Chapecoense recebe o Colegial terceiro colocado na chave, a partida será novamente no Ginásio Plinio Arlindo de Nês/SER Aurora em Chapecó. A entrada é gratuita.

Antes no sábado, dia 28, às 19 horas no Sesc, a equipe adulta recebe Tubarão pela divisão especial, o ingresso será 1 kg de alimento.


Comente aqui
22 jul13:18

Grupo RBS lança projeto Peneirinha Gillette em Santa Catarina

Com a presença de craques do passado como Oberdan, Adilson Heleno, Albeneir, Almir, Balduíno, Flávio Roberto e Agnaldo, o Grupo RBS e a P&G lançaram o Peneirinha Gillette, em Santa Catarina, no final da manhã da sexta-feira, dia 20 de julho.

O projeto, realizado também no Rio Grande do Sul, vai garimpar novos de talentos e oferecer oportunidades para criança de 8 a 12 anos em seletivas regionais. Os melhores serão premiados com um ano de treinamento em uma escolinha de futebol de seu município e duas semanas em um centro de preparação de um clube de ponta da Europa.

As inscrições se iniciam no dia 8 de agosto, quando estará disponível o site do projeto. As peneiras em Santa Catarina, onde serão realizadas seis seletivas regionais, começam no dia 22 e 23 de setembro, em Joinville e Blumenau.

Para participar, é preciso preencher a ficha de inscrição até a terça-feira anterior à data da seletiva em que o candidato se apresentará. Caso perca esse prazo, a criança também poderá se inscrever no dia da peneira, indo ao local onde ela se realiza.

— O projeto busca identificar e selecionar talentos e a gente acredita que possa ter um impacto relevante preparando as crianças para um desafio no futuro, além de levar uma perspectiva nova, inclusive para as famílias — explica o diretor de planejamento e markentig do Grupo RBS em Santa Catarina, Eduardo Gerchman.

Não há limite para o número de participações, o que significa que, caso seja reprovado, o menino poderá fazer uma nova tentativa em uma seletiva de outra cidade. Os candidatos serão divididos em duas categorias: 8 e 9 anos e 10 a 12 anos.

— Queremos fortalecer a ideia de que todo mundo pode ter um campeão em casa. E, com isso, envolver as famílias no processo das peneiras, incentivar as crianças a estarem no esporte e testemunhar a realização de alguns sonhos — diz Fernando Souza, gerente de marketing da Gillette.

As peneiras em cada região classificam 180 garotos em Santa Catarina e 270 no Rio Grande do Sul, que participam de dois dias de jogos para definir os campeões. As seletivas finais se realizarão em Florianópolis, onde dois garotos serão escolhidos, e em Porto Alegre, onde quatro meninos serão os vencedores.

Para participar das peneiras, a criança deverá estar acompanhada de um responsável e apresentar um comprovante de matrícula, de qualquer escola de seu Estado. O Peneirinha Gillette é uma realização da P&G em parceria com o Grupo RBS. O projeto tem o apoio das federações Gaúcha e Catarinense de futebol.


O projeto:

SC: seis seletivas regionais + uma seletiva final

RS: nove seletivas regionais + uma seletiva final

Categorias:

_ 8 e 9 anos

_ 10 a 12 anos


Cada seletiva tem a duração de dois dias (sábado e domingo)

_ Inscrições:

A partir de 8 de agosto


_ Pelo site (disponível em 8 de agosto)

O candidato deve preencher a ficha de inscrição até a terça-feira anterior à seletiva da qual deseja participar e identificar em qual cidade se apresentará.

_ Pelo formulário impresso

Os formulários de inscrição impressos estão disponíveis nas escolas e nas sedes do Grupo RBS em Florianópolis e no interior. O candidato deve preencher e entregar pessoalmente na RBS, enviar via fax ou pelo correio, no máximo a 10 dias da seletiva.

_ No dia da peneira

Caso o candidato tenha perdido o prazo de inscrição para a seletiva em sua cidade, pode se apresentar no dia e realizá-la no local.


Documentação necessária:

1. Comprovante de matrícula e frequência escolar;

2. Comprovante de inscrição;

3. Assinatura do responsável.

* Cada candidato deve estar acompanhado de seu responsável durante os dois dias de seletiva. A organização do Peneirinha Gilette não fornecerá ajuda de custo para as despesas do candidato durante o período de seleção.


Calendário de peneiras:


Santa Catarina:

_ 22 e 23 de setembro: Joinville e Blumenau

_ 13 e 14 de outubro: Florianópolis e Criciúma

_ 27 e 28 de outubro: Lages

_ 3 e 4 de novembro: São José

Classificam 180 jogadores no sábado.

No domingo, saem 60 finalistas (30 em cada categoria)


Rio Grande do Sul:

_ 8 e 9 de setembro: Caxias do Sul

_ 15 e 16 de setembro: Santa Rosa e São Leopoldo

_ 29 e 30 de setembro: Santa Maria e Santa Cruz

_ 20 e 21 de outubro: Pelotas e Santana do Livramento

_ 27 e 28 de outubro: Passo Fundo

_ 3 e 4 de novembro: Porto Alegre

Classificam 270 jogadores no sábado.

No domingo, saem 60 finalistas (30 em cada categoria)


Seletivas finais:

_ Santa Catarina: 10 e 11 de novembro – 2 vencedores

_ Rio Grande do Sul: 17 e 18 de novembro – 4 vencedores


Premiação:

_ 1 ano em uma escolinha de futebol de sua cidade

_ 15 dias de oficina esportiva em um clube europeu

_ Brindes do patrocinador


DIÁRIO CATARINENSE



1 comentário
22 jul11:35

Arthur Todeschini venceu a sexta etapa do Campeonato Brasileiro de MotoCross

A orla de Aracajú/SE foi palco no fim de semana da 6ª etapa do Campeonato Brasileiro de MotoCross. As provas foram disputadas no sábado e no domingo e reuniram pilotos de seis categorias. Na 65 cilindradas(65Cc) o chapecoense Arthur Todeschini (Expresso Sul/WA transportes/Cetric/Pirelli/Brasil Racing) venceu mais uma prova e abriu 13 pontos de vantagem sobre o segundo colocado. Thui, que no início de julho foi campeão da Superliga Brasil de MotoCross, terá as provas de Anchieta/ES e Dourados/S para tentar mais um título nacional.

A prova nas areias da praia na capital sergipana reuniu 12 pilotos na categoria 65 Cc. Thui fez o segundo melhor tempo nos treinos classificatórios, mas assumiu a ponta após a largada. No entanto outro catarinense, Thiago Brenner, aproveitou para ultrapassá-lo depois de algumas voltas e liderou a corrida até a última curva. Já próximo da bandeirada, Thui recuperou a primeira colocação e confirmou a vitória para comemorar a quarta vitória em seis corridas da categoria.

- Errei no início, mas consegui me recuperar. Batalhei para a vitória que tanto queria – disse o chapecoense de 11 anos.

Com esta conquista Thui somou mais 25 pontos e chegou a 138 pontos. Na segunda colocação está o paranaense Leonardo Cassarotti e em terceiro o catarinense Thiago Brenner.

Dia 12 de agosto os pilotos voltarão às pistas no Espírito Santo, na 7ª e penúltima etapa do campeonato brasileiro de MotoCross.


Comente aqui
22 jul11:24

Museu Fritz Plaumann, em Seara, reúne a maior coleção de insetos da América Latina

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Sozinho, Fritz Plaumann, provocou uma pequena revolução. Ajudou a transformar Seara, município do Oeste de SC, na Terra das Borboletas. A coleção invejável tem 80 mil insetos — a maior da América Latina. No museu montado na casa construída em estilo alemão, 95% das espécies são da região do Alto Uruguai. Motivo suficiente para atrair curiosos de todos os cantos e despertar interesse de professores da Europa e professores japoneses.

Há 100 anos, nascia um homem que transformou Seara na Terra das Borboletas. Graças a Fritz Plaumann, milhares de alunos, professores da Europa, cientistas do Japão e também curiosos vão anualmente até o distrito de Nova Teutônia para ver o maior museu Entomológico da América Latina.

É até difícil acreditar que um único homem é o responsável por uma coleção de 80 mil insetos. Se ele coletasse apenas, identificasse e catalogasse um inseto por dia, levaria 219 anos para montar a coleção.

>> Confira a Galeria de fotos das borboletas

A missão foi ainda mais difícil: Plaumann começou tudo num ambiente inóspito, de mata virgem, que passou a ser desbravado no início do século 20. Isso sem apoio de órgãos governamentais ou centros de pesquisa. A rede elétrica só chegou em Nova Teutônia na década de 1970. O asfalto, só em março do ano passado.

O distrito onde está localizado o museu ainda guarda traços da arquitetura da colonização alemã. Ainda este em pé uma casa de 1925, construída um ano após a chegada da família Plaumann a Seara. Há ainda um antigo hotel que virou museu e guarda objetos das famílias de imigrantes. Lá, dá pra entender um pouco como era a realidade vivida pelo jovem cientista.

Cerca de 95% dos exemplares são do Alto Uruguai Catarinense. Ainda é fácil observar as borboletas que encantaram Fritz Plaumann fazendo voos imprevisíveis em volta do museu. Mas muitas espécies só podemser observadas dentro do casarão. Há mosaicos de cores e estampas que poderiam inspirar muitos estilistas.Há borboletas de dois centímetros a até 11 centímetros de envergadura.

Uma dos exemplares mais famosos é a Morpho anaxibia. O macho é todo azul mas a fêmea, para se tornar mais atraente, ganhou tons em preto e amarelo na borda das asas. Ela virou uma espécie de símbolo de Seara.

 

Símbolo espalhado por toda a cidade

Dentro do museu, ela parece imóvel e delicada. Mas ganhou o gigantismo e a robustez de concreto nas paradas de ônibus do município. Também transformou-se em metal nas placas indicativas das ruas. Há até lembrancinhas em crochê inspiradas no formoso inseto.

Tudo em Nova Teutônia lembra borboleta. Há esculturas em madeira, enfeites de plástico, adesivos e casulos. Até o túmulo de Fritz Plaumann, que fica próximo ao museu, tem uma borboleta em granito.

Os gregos acreditavam que, quando uma pessoa morria, seu espírito saía do corpo em forma de uma borboleta. Talvez por isso ela seja símbolo de renascimento. Assim foi com o trabalho de Fritz Plaumann. As borboletas sempre estiveram em Nova Teutônia. Mas se não fosse Fritz Plaumann, dificilmente as pessoas iriam até lá para vê-las.

Muito menos para observar besouros, percevejos, abelhas, vespas, formigas e até baratas. Plaumann reuniu um exército de insetos, de 17 mil espécies diferentes. Somente ele descobriu 1,5 mil espécies novas. E foi homenageado em 150 delas. Como o besouro Homelocerus plaumanni.

Plaumann deu a esses seres muitas vezes desprezados uma aura nobre, de ciência e até atração turística. Como homenagem, deu nome a um museu, a um parque ambiental em Concórdia e tem seu trabalho reconhecido mundialmente.

 


A guardiã das memórias

Uma senhora grisalha que gosta de servir café e biscoitos para as visitas é a guardiã de outra riqueza, tão atraente quantos os insetos no museu. Gisela Plaumann, filha adotiva do pesquisador, guarda tesouros: os materiais utilizados para montar o acervo de 80 mil espécies.

Gisela ainda mora na casa reformada e ampliada em 1954, quando Fritz Plaumann mudou-se para o local com a mulher Klara Anamaria Links. As paredes duplas de madeira em tom verde escuro com janelas vermelhas compõem um cenário com um quê europeu. Dá para imaginar Fritz Plaumann catalogando os insetos perto da janela e observando os morros cobertos de mato, que muitas vezes ficam encobertos pela neblina.

Nas inúmeras gavetas, há estoques de lâminas que nunca foram utilizadas. Há também linotipos com letras menores do que a cabeça de um alfinete, utilizados para catalogação.

Em armários de madeira maciça, estão as enciclopédias de entomologia, que serviram de base para a pesquisa. Em outro armário, que foi construído pelo próprio Plaumann, estão os químicos utilizados para deixar os animais incoscientes. Até o chapéu dele está pendurado na sala.

Gisela conta que, às vezes, acordava às 3h e preparava frango e outros alimentos para o lanche, nos dias de coleta. Depois, saía com o pesquisador e suas redes catar o insetos pela região, até voltar, no início da noite.

–Tem uma espécie de um besouro no museu que fui eu que encontrei!

 

Calor da chaminé ajudava a atrair os insetos

Com carinho, ela mostra os cômodos: calor da chaminé do fogão servia para secar os insetos; outra armadilha, com lâmpada, ajudava na coleta. Tem até um galpão construído para guardar tocos de madeira e atrair insetos para a pesquisa.

Gisela conta que trabalhou como empregada na casa de Fritz Plaumann em 1924, aos 21 anos. Com seus pais biológicos já falecidos, foi adotada como filha. Como o pesquisador não teve herdeiros, ela é quem cuida de tudo, como sempre cuidou. E sente-se realizada por ter dedicado sua vida ao pesquisador, que carinhosamente chama de pai.

 

Vida dedicada à ciência

A imagem de Fritz Plaumann na maioria das fotografias do museu entomológico, mostram um senhor de idade, com óculos e bigode. Falecido em 1994, Fritz Plaumann dedicou toda a sua vida ao estudo dos insetos.

De acordo com uma das guias do museu, Elfride Freyer, ele era um senhor calmo. Sua filha adotiva Gisela, lembra que quando ele ia a uma festa de aniversário, ficava pouco mais de uma hora e depois ia para casa.

Quando não coletava e catalogava os insetos, arrumava alguma coisa na casa ou no jardim. Ele fez alguns móveis, instalação elétrica e até na cozinha ajudava.

Tinha como hobby tocar violino e harmônio. Quando chegou em Seara, em 1924, começou a trabalhar como agricultor. A partir de 1925 deu início às suas pesquisas. Deu aulas de português e alemão, até montar um pequeno comércio. Todo o dinheiro era revertido para a compra de equipamentos para a sua pesquisa.

Esse teria sido um dos motivos para a separação de sua esposa Klara, que voltou para a Alemanha. Nos finais de semana viajava para fazer fotos das famílias da região, também para angariar recursos. Plaumann mostra um certo desgosto com a burocracia brasileira, pois chegou a ser impedido de coletar insetos sob alegação que estava dizimando a fauna.

A mágoa está revelada num trecho do livro Diário de Fritz Plaumann, organizado por Mary Bortolanza Spessatto: “…tudo isso que fiz foi para o proveito do nosso Brasil, que tornou-se a minha segunda pátria e realizou-se sem que fosse necessário gastar um único cruzeiro dos cofres públicos. Creio que no Brasil não se encontra outra pessoa que fez o mesmo por conta própria e de único punho.”

O interesse pelos insetos começou no primário, na cidade de Preussich Eylau, cidade da Prússia Oriental, na Alemanhã, onde nasceu em 2 de maio de 1902. Lá ele catava os besouros e perguntava o que era para seu professor. Somente ao final de sua vida, teve o trabalho reconhecido, recebendo diversas honrarias, como o Mérito Universitário da UFSC e a Grã-Cruz de Mérito da Alemanha.

 

Como chegar

— Saíndo de Chapecó, ir pela SC-283 em direção à Seara, percorrendo cerca de 35 quilômetros até o trevo de acesso a Nova Teutônia, antes de chegar na cidade.

— Daí, são mais 10 quilômetros em estrada pavimentada até o museu. Quem vem do litoral pode ir até Xanxerê e pegar a SC-466, que passa por Xavantina, até a SC-283. Vira à direita e vai até o trevo de acesso à Nova Teutônia.

— Outra opção é ir por Concórdia, pegar a SC-283, passar a cidade de Seara e ir até o trevo de acesso de Nova Teutônia.

 

Horários de visita

— Segunda à quinta-feira, das 8h30min às 17h

— Sábado, das 9h às 16h

— Ingresso: R$ 3 (adulto) e R$ 2 (estudantes até o ensino fundamental)

— Telefone: (49) 3452-1191, Ramal 214

 

DIÁRIO CATARINENSE

1 comentário
21 jul11:26

Felipe Tozzo atrás de mais uma vitória na GT Premium

O Campeonato Brasileiro de Gran Turismo chega a Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, onde nesse fim de semana será disputada a quarta etapa da temporada 2012. A GT Premium é a categoria com a luta mais intensa pela liderança na tabela de pontos, onde duas duplas estão separadas por apenas dois pontos. Na liderança está Felipe Tozzo (Cordilat / Royalpack / FLC / CooperalcooL) e o companheiro de equipe Raijan Mascarello. Eles entrarão na pista em duas corridas neste fim de semana com uma F430 da Ferrari.

Os dois companheiros vem de uma campanha fantástica na GT Premium. Até agora foram realizadas seis corridas e eles venceram cinco corridas. Em Interlagos, São Paulo, na prova do mês passado Felipe Tozzo e Raijan Mascarello venceram as duas corridas. Mas a etapa carioca está cercada de expectativa

- Nosso carro é o que mais sofre com a perda de desempenho com o desgaste dos pneus. O asfalto em Jacarepaguá é muito abrasivo. Mesmo com as trocas de pneus, acredito que teremos um grande desafio que é segurar o carro em um ritmo competitivo durante a prova. Queremos sair daqui ainda mais líderes – disse o catarinense Felipe Tozzo.

Depois dos treinos da sexta-feira, Felipe Tozzo retornou a pista no sábado pela manhã para os treinos classificatórios.

A primeira corrida valendo pontos no fim de semana está marcada para às 15h no domingo, ao meio dia, os carros voltam para a pista para a corrida final da etapa do Rio de Janeiro.

As provas poderão ser acompanhadas pelo site www.portalgt.com.br (sábado e domingo), e na Rede TV e Sportv no domingo às 12h. O grid é formado por carros das três categorias em disputam. GT Brasil, Premium e GT4 largam juntos.


Comente aqui
21 jul10:30

Consumo de poucas calorias pode não ajudar na perda de peso

A dieta que apresenta melhor desempenho para o emagrecimento foi a de baixo consumo de carboidratos, mas alto nível de gorduras, conforme uma pesquisa divulgada em junho pelo Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos.

Muitas pessoas que perdem peso têm dificuldade em não recuperá-lo depois que a dieta acaba. Isso acontece, frequentemente, pela baixa motivação e comprometimento com a dieta e exercícios. Para piorar, o baixo consumo de calorias também torna mais difícil a queima das mesmas.

Portanto, uma equipe de pesquisadores coordenada pelos médicos Cara Ebbeling e David Ludwig avaliou os efeitos de diferentes dietas para a queima de calorias. A pesquisa foi feita com 21 adultos, entre 18 e 40 anos, que já haviam perdido peso inicialmente. Depois disso, três tipos diferentes de dieta foram aplicadas durante quatro semanas, respectivamente.

Os cardápios tinham o mesmo número calórico, mas variavam as proporções de carboidratos, gorduras e proteínas. A de baixa gordura era composta por 60% de carboidratos, 20% de gorduras e 20% de proteínas. A de baixo teor de açúcares previa a dieta de 40% de carboidratos, 40% de gorduras e 20% de proteínas. E a de nível muito baixo de carboidratos consumiria 10% de carboidratos, 60% de gorduras e 30% de proteínas.

A pesquisa apontou que os participantes queimaram o maior número de calorias durante a dieta que previa o consumo muito baixo de carboidratos. No entanto, notou-se também o aumento de fatores de risco para diabéticos e pessoas com risco cardíaco, além do aumento do cortisol, hormônio responsável pelo estresse. Já o baixo consumo de açúcares apresentou um resultado similar, porém sem comprometer a saúde.

— Além de não criar riscos para a saúde, a dieta de nível de açúcares é mais fácil de manter, já que não elimina grupos inteiros de alimentos — explica Cara.

BEM-ESTAR



Comente aqui
20 jul12:17

Governo garante preço mínimo a suinocultores

Os suinocultores, insatisfeitos com o pacote de medidas de apoio ao setor, conseguiram do ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho, o compromisso de tentar convencer a área econômica do governo federal a conceder aos criadores independentes uma subvenção direta de até R$ 0,60/kg de suíno vivo, por um período de seis meses. Ontem, foi concedido benefício de R$ 0,40.

O deputado federal Jerônimo Goergen (PP-RS) disse que, se houver aval do Ministério da Fazenda, vai propor uma emenda para incluir a Medida Provisória 574, para renegociar as dívidas acumuladas até o ano passado pelos estados e municípios.

O assunto será votado em 8 de agosto. Na reunião com os técnicos do Ministério da Agricultura, o presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), Marcelo Lopes, argumentou que as medidas para contornar a crise da suinocultura são insuficientes.

De acordo com ele, os leilões de Prêmio de Escoamento do Produto (PEP), com subvenção de R$ 0,40/kg e preço mínimo de R$ 2,30/kg atendem apenas os criadores que trabalham integrados às grandes empresas e cooperativas, que darão prioridade para compra de sua própria produção. Lopes explicou que a ideia é que os criadores independentes apresentem aos órgãos governamentais as notas fiscais e as guias de trânsito que acompanham o transporte dos animais para ter direito à subvenção do governo federal de até R$ 0,60/kg por suíno.

Mecanismos dependem de aprovação pelo CMN Embora o governo federal tenha assegurado que os mecanismos de apoio anteriormente anunciados já poderiam ser acessados, estes dependem ainda da aprovação do Conselho Monetário Nacional (CMN), no próximo dia 26. É o caso da prorrogação das dívidas. Por isso, a Agricultura encaminhou um ofício à federação brasileira de bancos antecipando as decisões e pedindo que as dívidas não sejam executadas até essa data.

Em uma nova frente de ação, na última quarta-feira, os líderes do segmento se reuniram com representantes da Associação Brasileira dos Supermercados. Na pauta, a discussão de uma campanha nacional que permita o escoamento da carne estocada.

A ideia é baixar o preço da carne suína nas prateleiras dos supermercados e com isso estimular o consumo do produto entre os brasileiros, que hoje é de 15 quilos por pessoa ao ano.A campanha deve começar daqui a dois meses, e se repetir anualmente.


DIÁRIO CATARINENSE


Comente aqui
20 jul11:23

Marlowa participou de Almoço Empresarial da Acic em Chapecó

A arte de uma catarinense que viu em Chapecó a oportunidade de crescer e conquistar um espaço tão disputado nas principais galerias do País e até mesmo em exposições internacionais. Um sonho de uma jovem se tornou realidade e hoje alcança cenários privilegiados, estampando a simplicidade da vida em obras distintas. Esta foi a história contada para mais de 150 empresários durante o Programa Almoço Empresarial da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), que recebeu nesta quinta-feira, dia 19, a ilustradora e artista plástica Marlowa Pompermayer Marin para falar sobre “Empreendedorismo na Área Cultural”.

Natural de Caçador, Marlowa iniciou a carreira em 1988, quando concluiu o curso de Desenho Artístico em Curitiba. Mas até chegar ao objetivo, experimentou a profissão de bancária e ouviu do então chefe que era do tipo de pessoa que plantava sementes. Como ela diz, quis colher os frutos na arte.

Há 20 anos, escolheu Chapecó para morar por visualizar no município oportunidades de crescimento, pois percebia que a cidade era um celeiro de empreendedores, de arrojo e incentivo a novas ideias. Em pouco tempo, já apresentava trabalhos ao lado de grandes artistas chapecoenses, entre eles Paulo de Siqueira, Selistre de Campos e Chico Bracht.

Apaixonada pela técnica aquarela, sentiu que precisava inovar. Expandiu o conhecimento, buscou novos estilos e encontrou o caminho criando personagens felizes e coloridos. Em seus desenhos e pinturas estão inseridos o dia a dia das pessoas, as coisas simples.

- Gostaria que minha produção tivesse uma íntima relação com o poder das coisas que estão aí, e que as vezes não vemos. Faço referência à vida, aprendo que os momentos felizes estão essencialmente ligados às nossas escolhas – definiu.

O trabalho da artista apresenta um universo de personagens figurativos, lúdicos, resultando em um cotidiano de momentos felizes e evidenciando o desenho que sempre gostou, em um contraste de cores intensas.

Sua trajetória é composta por exposições coletivas em salões e individuais. Além do Brasil, algumas das obras da artista encontram-se para comercialização em Portugal, na Espanha e Inglaterra.

Em 2002, ilustrou o primeiro livro infantil e descobriu a possibilidade de levar seus desenhos e pinturas a novos olhares. De acordo com Marlowa, uma das grandes conquistas foi ser aprovada na Sociedade dos Ilustradores do Brasil (SIB), o que possibilitou em 2011 a presença no Illustra Brazil na China, uma exposição com os principais ilustradores do mundo. Soma agora oito livros infantis ilustrados e um encarte de CD de músicas infantis.

Atualmente a artista estuda Design Visual e desenvolve uma linha de produtos em papelaria, porcelanas, obras literárias, entre outros. A grande novidade apresentada durante o Almoço empresarial foi a assinatura de contrato com a empresa UATT?, uma franquia que comercializará a arte de Marlowa nos grandes centros do País. Ela contou com orgulho a mensagem de apresentação da empresa ao falar da parceria:

- A UATT? traz para sua família a linha da Marlowa. Ela, como nós, vê encantamento no mundo e traduz sentimentos em ilustrações e produtos que fazem o dia a dia mais gostoso – disse.

Marlowa expôs com orgulho sua trajetória, enfatizando que recebeu muitas vezes um educado “não” e mesmo assim não desistiu. Concluiu que em Chapecó encontrou apoio, construiu afetos e teve como exemplo o trabalho de artistas talentos que a ajudaram a crescer profissionalmente.

O presidente da ACIC Maurício Zolet ressaltou a preocupação da entidade em valorizar a cultura e a arte chapecoence.

- A palestra da Marlowa foi um grande ensinamento para os empresários, pois não importa em que setor atue, o importante é inovar e buscar o diferencial – completou.

A obra da artista pode ser conhecida no endereço eletrônico http://marlowa.com.br/ ou no blog http://marlowa-marlowa.blogspot.com.br/.


Comente aqui
20 jul11:08

EEB Lourdes Lago de Chapecó é campeã microrregional do JESC 2

O futsal feminino da EEB Lourdes Lago, de Chapecó, conquistou a fase microrregional dos Jogos Escolares de Santa Catarina (JESC 2) para adolescentes de 15 a 17 anos. O ouro foi conquistado na quarta-feira, dia 18, na quadra da EEB Coronel Bertaso, em Chapecó.

O feito deu direito ao Lourdão participar da fase regional oeste, a ser disputada de 10 a 12 de agosto, em São Lourenço do Oeste, contra mais nove equipes. Vencendo esta, vai para a disputa da etapa estadual na cidade de Araranguá, no fim de outubro.

Este é o primeiro ano da escola nesta categoria. Além deste ouro, o colégio coleciona em 2012 quatro títulos e um vice. No JESC 1 (12 a 14 anos), o tetra microrregional, o primeiro lugar na regional oeste e o segundo na estadual. No JESC 2, o título municipal. E, no Moleque Bom de Bola, tradicional campeonato de futebol de campo escolar para atletas de 12 a 14 anos, também o primeiro posto do município.


Comente aqui
20 jul10:26

Alunos de Ceim de Pinhalzinho participaram de Festa Julina

O Centro de Educação Infantil Municipal (Ceim) Profª Noêmia Anastácia Werlang Griebler, de Pinhalzinho, realizou a primeira Festa do Arraial. O evento realizado no dia 13 de julho, superou as expectativa pela participação do público e da comunidade escolar.

No quadro das apresentações teve a participação do Grupo Artístico Cultural de Idosos de Pinhalzinho.

A Direção e a Associação de Pais e Professores (APP) do educandário ficaram satisfeitos com o evento.


Comente aqui