Notícias

10 dez09:12

Sol deve predominar em boa parte do Estado no começo desta semana

A semana deve começar com sol e calor. Nesta segunda, o dia amanheceu quente com temperaturas de 24°C na Capital. O tempo deve permanecer firme, porém, segundo a previsão, o forte calor que predominou durante toda a última semana não deve se repetir.

A temperatura deve permanecer entre 20ºC e 30°C na Capital. O sol deve predominar em boa parte do Estado, onde as regiões terão alguma nebulosidade. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, INMET, no Oeste do Estado o céu deve permanecer nublado e com pancadas de chuva.

As temperaturas máximas nas demais regiões do Estado devem ficar em 32ºC.


Grande Florianópolis: calor chega aos 30°C. Parcialmente nublado com névoas.

Alto Vale do Itajaí: previsão de 30°C à tarde.

Litoral Norte e Médio Vale: máxima de 39°C.

Litoral Sul e Laguna: temperatura chega aos 30°C.

Meio Oeste e Vale do Rio do Peixe: máxima em torno de 31°C.

Oeste: deve ter o maior calor do dia, com máxima de 32°C.

Planalto Norte: máxima na casa dos 30°C.

Planalto Sul: temperatura de 28°C .


Nesta segunda-feira os termômetros amanheceram com temperaturas acima dos 20°C.


Veja os dados das estações meteorológicas da RBS por volta das 7h.

Florianópolis: 24.2ºC

Criciúma: 20.7ºC

Blumenau:19°C

Joinville: 23.1ºC

Lages: 17.8ºC

Chapecó: 21.8ºC


::: Confira mais informações no Blog do Puchalski


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
10 dez09:00

Alunos reclamam das condições do prédio da Udesc em Pinhalzinho

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Em meio a uma lavoura de soja desponta o prédio do curso de Engenharia de Alimentos da Udesc, em Pinhalzinho. A proximidade com o campo até seria boa, para estar próximo das matérias-primas, não fossem os transtornos que os alunos enfrentam para estudar na unidade. O prédio inaugurado em 2005 está com mofo tanto na parte externa, quanto na parte interna. A pintura está descascando. As paredes e até o teto apresentam rachaduras e, quando chove, tem professor dando aula com as goteiras pingando na cabeça.

Além disso, na semana passada houve até queda de energia, o que obrigou alguns alunos a concluírem provas com o auxílio de uma lanterna.

– O nosso prédio é esquecido pelo governo, que nos deixa estudar num prédio sem a mínima estrutura necessária – reclamou por email a estudante Shalu Posanske Corrêa.

Outro problema é o acesso e o isolamento do curso, que fica a três quilômetros do centro da cidade. Para quem mora numa cidade maior pode até parecer pouco. Mas para uma cidade de 16 mil habitantes, que não tem ônibus coletivo, é muito. Os alunos tiveram que contratar transporte. Inicialmente não tinha nem cantina para os alunos fazerem lanche, o que foi resolvido recentemente.

Além disso não há um trevo de acesso ao campus na BR 282, o que tem provocado acidentes e até mortes, segundo os alunos.

Os problemas da Udesc em Pinhalzinho geraram até uma reunião entre alunos e coordenação de curso, na quinta-feira passada. Muitos alunos também reclamam dos problemas de infraestrutura mas evitam comentar por temer que seja cancelado uma das principais reivindicações deles, que é a instalação de usinas, que são mini-indústrias, para as aulas práticas.

Todos os alunos ouvidos ressaltam que a parte teórica do curso é muito boa e que os professores são de qualidade. Inclusive há casos de alunos que foram direto da graduação para o doutorado, na Unisersidade de São Paulo, e vários alunos que passaram no mestrado, na Universidade Federal de Santa Catarina. Isso mesmo com uma infraestrutura que deixa a desejar.

A má qualidade do prédio da Udesc em Pinhalzinho gerou até uma Ação Civil Pública, proposta pelo Ministério Público, em 2009. A Promotoria de Justiça de Pinhalzinho sustenta que fez uma perícia que constatou a não aplicação de R$ 53,8 mil dos R$ 817 mil pagos pelos governos municipal e estadual. Onze pessoas, entre proprietários da construtora responsável, administradores da época e responsáveis pela fiscalização, estão sob suspeita. Houve até bloqueio judicial de bens. O prazo de defesa já encerrou e o processo deve ser julgado no próximo ano.


O que diz a Udesc

O chefe do Departamento de Engenharia de Alimentos da Udesc, Gilmar de Almeida Gomes, reconheceu que a unidade apresenta problemas desde a sua instalação, mas que o curso vem tendo bom desempenho mesmo com essas dificuldades. Ele informou na próxima quarta-feira será assinado um contrato de locação de um prédio e equipamentos para a montagem da usinas. Estão previstas usinas de suco, leite, carne e cereais. Há também um projeto de construção de mais um prédio próprio, com 4,6 mil metros quadrados, para a instalação das usinas e laboratórios, orçado em R$ 5 milhões. Ele disse que a burocracia muitas vezes atrasa algumas ações, mas que ela é necessária para o controle do dinheiro público.

A diretora do Centro de Educação Superior do Oeste, Renata Mendonça Rodrigues, disse que Udesc enfrentou neste ano um problema financeiro, mas que está em processo de licitação a reforma do prédio. Além disso, por estar em ação judicial, a reforma precisa de autorização judicial.

Há também a previsão de criação de um laboratório de análise de leite, credenciado pelo Ministério da Agricultura, para atender a região.

Renata reconheceu que o campus de Pinhalzinho é isolado mas que há espaço para a ampliação de prédios e cursos, o que deve ser feito. Ela espera iniciar o novo prédio das usinas para as aulas práticas e o laboratório de leite até 2016. A área é de 3,5 hectares, o equivalente a quatro campos de futebol.


O que diz o Dnit

De acordo com a assessoria de imprensa do Departamento Nacional de Estradas de Rodagem, o acesso ao campus de Pinhalzinho, na BR 282, está previsto no pacote de obras de R$ 700 milhões do projeto Crema II, que vai restaurar 1,2 mil quilômetros em Santa Catarina, fazer 33 quilômetros de terceiras faixas e implantar 33 interseções, uma delas a da Udesc, em Pinhalzinho. A obra já foi licitada e a ordem de serviço deve ser assinada até o dia 20 de dezembro.


Udesc no Oeste

Alunos: 803

Cursos: Zootecnia (Chapecó), Enfermagem (iniciou em Palmitos e, a partir de 2013, será totalmente em Chapecó), Engenharia de Alimentos (Pinhalzinho) e Tecnologia em Produção Moveleira (Palmitos)



Comente aqui
10 dez07:45

Espetáculo inspirado no filme Mary Poppins é apresentado em Chapecó

Toda a magia, história e dança, do filme Mary Poppins serão apresentados em Chapecó. A escola de dança Ballare teve o filme como inspiração para o espetáculo que será apresentando nesta terça-feira, dia 10 e quarta, dia 11. As apresentações acontecem no Teatro Municipal do Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes, sempre às 20h07. Os ingressos estão à venda na escola.

O espetáculo marca o encerramento das atividades do ano da escola. Os alunos se preparam durante todo o ano para esta apresentação.

Segundo a professora Vanessa, o tema Mary Poppins foi escolhido para o espetáculo desse ano por questões educativas.

- Queria algo que trouxesse uma lição a mais para as crianças e adultos que vão assistir – comentou Vanessa.

Cada estilo de dança representará algum momento do filme. Terá ballet clássico, baby class, dança do ventre, dança de rua, jazz, além de muitas cenas que os próprios bailarinos e alguns atores vai interpretar.


Comente aqui
09 dez16:14

Social: Livro ‘Ser um Guerreiro’ do escritor chapecoense Volmir Parizotto é lançado

O escritor chapecoense, Volmir Parizotto, lançou no início do mês de dezembro o livro Ser um Guerreiro. A palestra de lançamento foi na Cantina do Centro Empresarial da ACIC e contou com a presença de cerca de 200 pessoas.

O livro é uma aventura pelo Império Inca, revelando os sete princípios de um guerreiro. A obra procura resgatar os poderes e o potencial latente no interior de cada ser humano.

Na palestra Volmir falou dos sete princípios de um guerreiro: Força de Vontade, Humildade, Foco, Determinação, Ousadia, Comprometimento e Convicção Inabalável, virtudes necessárias para quem quer realizar suas obras e ser um vencedor. Parizotto chamou atenção para a falta de vontade por parte das novas gerações e disse que é preciso despertar no jovem a capacidade de sonhar e batalhar pela concretização de seus projetos de vida.


Comente aqui
09 dez15:32

Nostalgia: Chapecó volta ser a cidade das Rosas

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

“Chapecó cidade das rosas, de Condá, Irê, Cachenerê…”. Quem mora na cidade e tem mais de 30 anos deve lembrar do trecho dessa música, que era apresentada por corais do município, no início da década de 90. Além do título de capital do Oeste, Chapecó era conhecida como “cidade das rosas’, pois as flores estavam presentes nos canteiros da Avenida Getúlio Vargas. Com o tempo elas saíram de cena, dando espaço para outras flores.

Com o objetivo de resgatar essa característica do passado, a Prefeitura de Chapecó resolveu plantar nos canteiros da principal avenida da cidade, 405 mudas de rosas. Essa etapa faz parte do Projeto de Revitalização dos canteiros centrais que iniciaram em abril do ano passado.

O plantio foi realizado pela Secretaria de Serviços Urbanos e proporcionam uma mistura de nostalgia em meio ao visual moderno da obra que deve ser inaugurada ainda no mês de dezembro.

Com a Revitalização a avenida recebeu um identidade única para os canteiros com padronização da pavimentação e mobiliário urbanos, renovação da arborização, paisagismo e outras melhorias para facilitar o fluxo de pessoas e de veículos. Os pontos de táxi também foram padronizados.

- Humanizamos o espaço priorizando as pessoas. A avenida deve ser uma via de destino final e não apenas de passagem para outras vias – disse o Prefeito José Caramori.

O investimento do município, financiado com recursos da Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc) foi de R$ 2.750.071,44.


Comente aqui
09 dez12:01

O Hobbit estreia dia 14 no cinema de Chapecó

Assim como James Cameron fez com Avatar, ressuscitando o 3D, Peter Jackson está à frente de uma nova revolução com o cinema digital. Com estreia mundial em dezembro (dia 14 no Brasil), O Hobbit – Uma Jornada Inesperada dá início a uma nova trilogia baseada na obra de J.R. Tolkien.

O Hobbit foi filmado e será projetado, em algumas salas, a 48 quadros por segundo, o dobro dos parâmetros regulares. Segundo Jackson, o resultado desse sistema, denominado High Frame Rate (HFR ou “alta taxa de quadro”), garante uma imagem muito mais cristalina e definida.

A vantagem anunciada pelo HFR é eliminar as limitações visuais que restam no cinema digital, como fantasmas e borrões em cenas com muitos movimentos e efeitos especiais. Em abril, em Las Vegas, Jackson apresentou 10 minutos de O Hobbit em 48 quadros por segundo. Mas a recepção causou estranhamento. Diante do assombro com o que foi avaliado por muitos de hiper-realismo excessivo, surgiram observações sobre uma imagem límpida e brilhante em demasia.

– Não parece mais com cinema. É outra coisa, é como realidade virtual ou videogame – avalia Pedro Butcher, crítico de cinema e editor do Filme B, portal especializado no mercado cinematográfico.

>> Confira a programação do CINEMA de Chapecó

Diante da reação, e porque ainda não são muitos os cinemas aptos à projeção HFR, o lançamento de O Hobbit neste sistema será limitado a 400 salas nos EUA e a 500 em outros países. Grande parte do público vai assistir ao filme na versão 3D convencional. No Brasil, 40 salas devem projetar a versão de 48 quadros por segundo em 3D. Em Blumenau, nenhuma sala exibirá o formato.

– Há limitações técnicas em grande parte dos projetores. Apenas os da segunda geração, com uma placa especial, podem exibir – explica Luiz Gonzaga de Luca, especialista em tecnologia audiovisual e diretor da rede mexicana Cinépolis, maior operadora de cinemas da América Latina.

JORNAL DE SANTA CATARINA



1 comentário
09 dez11:43

Arrancadão de Caminhões de Chapecó encerra neste domingo

Encerra no final da tarde deste domingo a 3ª edição Arrancadão de Caminhões de Chapecó. As provas, do evento promovido pelo Truck Clube Chapecó, acontecem no Autódromo Internacional.

Nesta edição mais de 15 mil pessoas apaixonadas por velocidade devem passar pelo local.

Os interessados em saber mais sobre o evento podem curtir a página do Truck Clube Chapecó no Facebook ou acessar o site www.truckclubechapeco.com.br e obter todas as informações.


Comente aqui
09 dez10:54

Chapecoense Futsal empata na primeira partida da final do Estadual Sub 20

A Chapecoense Futsal conseguiu um bom resultado na primeira partida da final do Campeonato Catarinense sub 20. Jogando em casa no ginásio do SESC, os meninos terminaram a partida contra a CSM/Jaraguá em 4 a 4.

Para a partida de volta, que acontece às 19h30 da terça feira, dia 11, em Jaraguá do Sul, na Arena, as duas equipes estarão completas.

O jogo promete ser pegado, pois a equipe do Norte tem a vantagem de poder jogar por dois empates, no jogo e também na prorrogação, já os Oestinos precisam vencer.

A equipe de Chapecó viaja na manhã desta segunda-feira, dia 10. A Federação ainda não definiu a arbitragem para o confronto.


Comente aqui
09 dez10:28

Homem morre em acidente envolvendo três veículos, em Xaxim

Um acidente envolvendo três veículos com placas de Chapecó e Caçador resultou na morte do passageiro Juliano Augusto Borges, de 28 anos, no final da tarde do sábado, 8. A colisão ocorreu no Km 524 da BR-282, em Xaxim.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal de Xanxerê, o condutor do Pálio em que estava Borges perdeu o controle do carro em uma curva e bateu na lateral de um Vectra, que desviou para o acostamento. Porém, o impacto causado pela batida fez com que o Pálio voltasse para a pista e colidisse de frente com um caminhão.

O condutor do Pálio, Ronaldo Luiz Pereira, de 21 anos, sofreu lesões leves e o passageiro Vanderson de Meda, 25 anos saiu ileso. Do Vectra, apenas um menino de 12 anos teve ferimentos leves. Já o motorista Edes Brás Iaramenco, 32 anos e passageira Ivanete Borin, 40 anos, saíram ilesos.

O motorista do caminhão, placas de Caçador, Jeferson Rodrigo Leuchtenberger, 23 anos, também não se feriu.


Comente aqui
07 dez19:15

Chapecoense anuncia “pacote” de reforços



Darci Debona|darci.debona@diario.com.br

Cinco reforços foram anunciados ontem pela diretoria da Chapecoense, para a temporada 2013. Dois deles já tiveram passagem pelo clube, o volante Diego Felipe, 23 anos, que estava no Criciúma, e o atacante Ronaldo Capixaba, 29 anos, do Avaí.

Diretores Cadu Gaúcho, Mauro Stumpf e João Carlos "Maringá" anunciaram reforços

Outros dois vieram de clubes da Série C e enfrentaram a Chapecoense em 2012, caso do zagueiro Dão, 28 anos, que veio do Luverdense-MT, e do atacante Fabinho, 26 anos, do Tupi-MG.

O quinto reforço é o atacante Bruno Rangel, 30 anos, que estava no Metropolitano. Ele já atuou no Joinville e vinha sendo sondado pela Chapecoense há várias temporadas.

O diretor de futebol do clube, Cadu Gaúcho, disse que o clube busca ainda dois laterais e um volante. Também está próxima a renovação com o atacante Rodrigo Gral. Se confirmar serão nove dos 11 titulares da Série C que permanecem no time.

No entanto os atacantes Jô e Henrique não voltam para o Campeonato Catarinense, pois se tratam de empréstimo. –Os clubes não liberaram- disse Cadu.

A reapresentação do time está prevista para o dia 26 de dezembro. A meta da Chapecoense é ficar entre os quatro melhores do catarinense.

Comente aqui