Amistoso

12 jun10:31

Chapecoense folga pela manhã e treina às 17h30

Antes do início da Série C, que ainda está indefinida, a Diretoria da Chapecoense programou para esta quarta-feira, dia 13 de junho, um amistoso. A partida contra o Concórdia será às 19 horas na Arena Condá. Os ingressos no valor único de R$ 15 estão à venda. Sócios não pagam.

Para pegar o ritmo da partida, que será à noite, os jogadores tem folga nesta terça-feira pela manhã e realizam treinamento a partir das 17h30. O trabalho será na Arena Condá.

Comente aqui
11 jun18:58

Chapecoense confirma amistoso contra o Concórdia

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A torcida da Chapecoense finalmente poderá conferir os novos reforços para a Série C, nesta quarta-feira, em amistoso programado contra o Concórdia, às 19 horas, na Arena Condá. O confronto já era para ter sido realizado no domingo, mas não houve tempo hábil para o policiamento e laudo de liberação do estádio.

O diretor de futebol Cadu Gaúcho disse que agora o confronto está certo, com o aval da Federação Catarinense de Futebol. Ele afirmou que mesmo o setor de sociais, onde está sendo feita a reforma da cobertura, poderá receber torcedores. Aliás o acesso ao público será pelo portão das sociais. O ingresso único é de R$ 15. Sócios não pagam.

A Chapecoense está em preparação para a Série C do Campeonato Brasileiro, que ainda não tem início definido em virtude de ações judiciais impetradas pelo Brasil/RS e Treze/PB, que reivindicam as vagas de Santo André e Rio Branco.

O Concórdia vai disputar a Segundona Catarinense. As duas equipes já se enfrentaram na semana retrasada, em Itá, com vitória por 4 a 1 da Chapecoense. O time de Itamar Schulle ainda fez dois jogos treino contra as equipes Sub 23 do Atlético/PR e Inter/RS, com empates por 4 a 4 e 1 a 1, respectivamente.


Comente aqui
09 jun08:09

Arena Condá sem jogos e sem cobertura

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A melancolia toma conta do estádio Índio Condá, que desde o dia 29 de abril não sedia um jogo, em virtude do impasse jurídico na Série “C” do Campeonato Brasileiro. Para completar o clima “estranho”, a cobertura da ala Oeste foi retirada para reforma.

A Chapecoense até tinha planejado fazer um amistoso no local neste domingo, contra o Concórdia. Mas, como o confronto foi confirmado apenas na quarta-feira e, devido ao feriadão, não foi possível obter os laudos e o policiamento necessário, houve o cancelamento.

O diretor de futebol do clube, Cadu Gaúcho, disse que a intenção é realizar um amistoso em casa na terça ou quarta-feira, para apresentar o novo time à torcida.

– Ainda não jogamos aqui- argumentou.

Para a Série C a Chapecoense contratou nove reforços. E um décimo reforço, o meia Dudu, do Coritiba, depende da confirmação do início da Série C. Os clubes vão processar a Confederação Brasileira de Futebol caso o campeonato não inicie na próxima semana. O presidente da Chapecoense, Sandro Pallaoro, também confirmou essa intenção (veja entrevista abaixo).

Cadu Gaúcho participou de uma reunião entre os 20 clubes da Série C, incluindo o Rio Branco e o Santo André. Os clubes encaminharam um pedido à CBF para que inicie a competição e depois resolva judicialmente as pendências como Brasil-RS e o Treze-PB, que buscam as vagas de Santo André e Rio Branco.

Os clubes ameaçam até entrar com liminares paralisando as Séries A e B, por entenderem que a competição é interligada, devido aos acessos e rebaixamentos.

Enquanto isso a prefeitura licitou a obra de reforma da cobertura das sociais, conforme recomendação do Ministério Público. No Campeonato Catarinense o setor chegou a ser interditado por dois jogos, por falta de segurança. Ela só foi liberada depois da colocação de 16 hastes metálicas como reforço. Agora o telhado foi retirado e está sendo consertado pela metalúrgica Modelo, de Modelo-RS. Os trabalhos iniciaram no dia 3 de maio e a conclusão deve ser em 20 de agosto. De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura a recolocação da estrutura não vai prejudicar os jogos em casa da Chapecoense pois será feita no intervalo em que o time jogar fora.

A Prefeitura também autorizou a licitação para a troca do gramado do Índio Condá, após a Série C do Campeonato Brasileiro, que termina no dia 4 de novembro. A obra deve demorar 120 dias. O investimento será de R$ 500 mil. Além da grama o projeto prevê sistema de drenagem e irrigação automática.


Pallaoro ameaça: “Se não começar na próxima semana entraremos na justiça”


Diário Catarinense: Como fica a situação da Chapecoense com mais um final de semana sem jogos

Sandro Pallaoro: Estamos só no prejuízo. Nossa perda já está entre R$ 300 mil e R$ 400 mil. Temos as despesas com salários e alimentação, entre outros, e não está entrando nada. Já poderíamos ter sediado dois jogos. Além disso havia a possibilidade de um patrocínio de uma multinacional para a Série C, que pode não se concretizar.


DC: Qual é a posição da Chapecoense em relação a este impasse?

Pallaoro: Vamos esperar até segunda ou terça-feira e se a CBF não tiver uma definição de que o campeonato iniciará no próximo final de semana vamos entrar com uma ação na justiça pedindo indenização por danos morais. Todos os clubes da Série C devem fazer isso e também os da Série D.


DC:Vocês perderam sócios ou patrocinadores?

Pallaoro: Já temos cerca de 800 dos 5,2 mil sócios inadimplentes e esse número deve aumentar, pois não há jogos. Temos 12 placas para serem comercializadas e as empresas pedem para esperar. Outros que já patrocinam estão pressionando. Eu também iria pressionar se estivesse no lugar deles. Além disso temos mais espaço na camisa e não conseguimos fechar.


DC: A troca do gramado prevista para o final do ano pode ser prejudicada?

Pallaoro: Penso que não, pois as rodadas atrasadas seriam feitas no final de semana.

Comente aqui
08 jun18:17

Cancelado amistoso do domingo entre Chapecoense e Concórdia

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Partida entre Chapecoense e Concórdia Atlético Clube, que seria realizada neste domingo, dia 10, a partir das 16 horas na Arena Condá foi cancelada. Um dos motivos é que o estádio, que está passando por reformas, não tem laudos do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar para a realização de jogos e por isso a Federação Catarinense de Futebol não liberou o local. Outra seria a falta de policiamento.

Agora a diretoria da Chapecoense busca um novo time para fazer um jogo treino no domingo. Segundo o diretor de futebol Mauro Stumpf, a partida pode acontecer no domingo mesmo no estádio de Coronel Freitas.

A Chapecoense treinou nesta sexta-feira durante a tarde. Depois da folga pela manhã os atletas realizaram treinamento físico, posse de bola e finalizações a gol, sob orientação do técnico Itamar Schulle.

Na manhã deste sábado, a partir das 9 horas o time fará mais um trabalho. O local não havia sido definido até o final da tarde de sexta.

Série C

A diretoria ainda aguarda a decisão da CBF para o início da competição.


Comente aqui
07 jun21:16

Chapecoense fará amistoso com o Concórdia Atlético Clube

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Ainda sem definição para o início da Série C a Diretoria da Chapecoense fará neste domingo, dia 10, um amistoso com o Concórdia Atlético Clube (CAC). A partida está marcada para às 16 horas na Arena Condá.

Nesta sexta-feira a Diretoria se reúne para definir o valor dos ingressos. Segundo o diretor de futebol, Mauro Stumpf, a ideia é mostra o time para a torcida.

– Queremos motivar o torcedor e apresentar as caras novas da equipe – disse.

No jogo treino realizado com o CAC no dia 30 de maio, no estádio municipal de Itá, a Chapecoense venceu por 4 a 1.

Comente aqui
02 jun08:27

Amistosos para manter motivação

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Sem data e adversários definidos para iniciar a Série C, em virtude de brigas judiciais, a Chapecoense busca manter a preparação e motivação marcando amistosos. Na quarta-feira o time venceu o Concórdia, por 4 a 1. Neste sábado enfrenta a equipe Sub 23 do Internacional, às 10 horas, no Centro de Treinamento de Alvorada, na Grande Porto Alegre.

O time viajou às 8 horas desta sexta-feira para a capital gaúcha, onde à tarde treinou no campo do São José-RS. O preparador físico Anderson Paixão explica que os testes são importantes para manter a motivação do grupo, em virtude da indefinição na tabela da Série “C”.

-Temos que criar pequenos objetivos – explicou.

Paixão disse que na primeira semana o adiamento até foi bom, para recuperar alguns jogadores, como o meia Neném. Mas a partir de agora a situação começa a complicar. Isso porque ele não sabe se exige mais ou alivia no treinamento.

– Só na quarta ficamos sabendo que não iria ter jogo novamente – explicou.

Paixão disse que está tentando conscientizar os jogadores que eles precisam estar prontos quanto iniciar a competição.

Este é o terceiro teste do clube, que há duas semanas empatou por 4 a 4 com o sub 23 do Atlético Paranaense. O goleiro Vaná e o lateral-direito Galiardo abandonaram o treino da quinta-feira, no estádio Índio Condá, pois sentiram lesões musculares. Eles não viajaram. Quem também continua no departamento médico são o zagueiro Dema e os volantes Janderson e Marcos Alexandre.

Enquanto isso o técnico Itamar Schulle tenta definir um time base para dar entrosamento. O time base que deve iniciar o jogo é Rodolpho, Chicão, Fabiano, Souza e Esquerdinha; Wanderson, Paulinho Dias, Neném e Athos; Eliomar e Lê.


Troca do gramado

No início da tarde desta quinta-feira a Prefeitura autorizou a licitação para a troca do gramado do Índio Condá, após a Série C do Campeonato Brasileiro, que termina no dia 4 de novembro. A obra deve demorar 120 dias. O investimento será de R$ 500 mil. Além da grama o projeto prevê sistema de drenagem e irrigação automática.

Comente aqui
31 mai16:28

Chapecoense vai enfrentar o sub 23 do Inter

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Chapecoense definiu hoje um amistoso contra a equipe sub-23 do Internacional-RS. O jogo acontece no sábado, a partir das 10 horas, no Centro de Treinamento de Alvorada, na região Metropolitana de Porto Alegre.

A equipe viaja amanhã, às 8 horas, para a capital gaúcha. À tarde faz um treinamento no campo do São José-RS. Este será o terceiro teste da equipe, que empatou por 4 a 4 com o sub-23 do Atlético PR e, ontem, venceu o Concórdia por 4 a 1. Hoje o time está treinando no Índio Condá.

No início da tarde a Prefeitura autorizou a licitação para a troca do gramado do Índio Condá, após a Série C do Campeonato Brasileiro, que termina no dia 4 de novembro. A obra deve demorar 120 dias. O investimento será de R$ 500 mil. Além da grama o projeto prevê sistema de drenagem e irrigação automática.

Comente aqui
16 mai11:46

Chapecoense treina às 15h30 no campo do Trevo

Juliano Zanotelli| juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

O time comandado por Itamar Schulle se prepara para a estreia na Série C do Campeonato Brasileiro. Na manhã desta quarta-feira os jogadores tiveram folga. Durante a tarde a equipe treina a partir das 15h30 no Campo do Trevo. De acordo com a Assessoria de Imprensa do clube a coletiva de imprensa será às 15h15 na Arena Condá.

Nesta quinta-feira, 17, os atletas treinam a partir das 9 horas na Arena Condá e após o almoço viajam para Curitiba. O time faz um amistoso, às 10h, da sexta-feira contra o Atlético Paranaense.

Após a partida os atletas retornam para Chapecó e tem o final de semana de folga.

Comente aqui
15 mai18:55

Chapecoense fará amistoso antes da estreia na Série C

A Diretoria da Chapecoense acertou um amistoso antes da estreia na Série C do Campeonato Brasileiro.

A partida será contra o Atlético Paranaense na sexta-feira, dia 18 de maio, às 10 horas, em Curitiba.


Comente aqui
15 mai08:30

Chapecoense deve participar de um amistoso antes da estreia na Série C

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A intenção é realizar um amistoso antes da estreia na Série C do Campeonato Brasileiro. Houve contato com o Atlético Paranaense e Juventude, mas nada foi confirmado ainda. O diretor de futebol Mauro Stumpf viajou ao Rio de Janeiro onde participa hoje de uma reunião sobre a Série C.

A logística de deslocamento da Chapecoense para Santo André ainda não foi acertada. Como o aeroporto municipal está interditado para obras as opções de voo são Passo Fundo, Caxias do Sul, Porto Alegre e Curitiba.

Faltando apenas 11 dias para estrear na Série C do Campeonato Brasileiro a Chapecoense segue se reforçando. Nesta segunda-feira foi apresentado o meia Renan Meduna.

Comente aqui