Animal

16 jun16:03

Voluntários Amigos dos Bichos promove primeiro Bingo Animal

A Ong Voluntários Amigos dos Bichos promove no próximo domingo, dia 17, na Afusoeste, a partir das 15 horas, o Primeiro Bingo Animal. O evento tem como objetivo arrecadar fundos para a manutenção do Centro de Esterilização de Pequenos Animais (CEPA), inaugurado em abril de 2011, através de uma parceria com a Prefeitura de Chapecó, e apoio do Ministério Público Federal, Justiça Federal, Ministério Público Estadual e Justiça do Estadual.

Mais de 20 voluntários estão empenhados na organização do evento, e mais de 300 na divulgação e arrecadação de brindes. As cartelas vão ser vendidas na hora do evento, nos valores de R$ 1 R$ 2, R$ 5 e R$ 10.

Para o bingo, os voluntários conseguiram diversos prêmios, como: celulares, cursos, telas, cadeira giratória, vale compras de lojas, livros, almoços, jantares, roupas, estética corporal e facial, hidratações, academia, perfumaria, entre outros. Para os pets são roupas, caminhas, assessórios, banhos e tosas para cães e gatos.

Além de jogar bingo, os participantes vão poder se deliciar com as comidas e bebidas que estarão à venda, como cachorro quente, pipoca, bolos, docinhos e quentão. Já as crianças, se o tempo estiver sem chuva, poderão se divertir nos brinquedos que serão montados no local.

Quem quiser conhecer melhor o trabalho da Voluntários Amigos dos Bichos, será montado no local o “Cantinho da Ong”, um lugar onde as pessoas poderão ter informações sobre as ações desenvolvidas pelos voluntários, e ainda adquirir produtos da entidade e acessórios para animais.

Uma tarde especial está sendo organizada, e os voluntários contam com a presença de todos que gostam de animais e se preocupam com o bem estar deles, pois só com o apoio da população é possível manter as esterilizações gratuitas que são realizadas no CEPA, reduzindo o número de animais abandonados nas ruas da nossa Chapecó.


Comente aqui
30 mar10:03

Veado é baleado em Chapecó

Um veado foi encontrado baleado na noite da quarta-feira, dia 28, próximo a Floresta Nacional de Chapecó (Flona). O agricultor André Schleiscer, ouviu latidos do cão da família, foi até o galpão da propriedade e encontrou o animal silvestre assustado. A fêmea passou a noite no local e pela manhã André a levou até funcionários da Flona.

Após os primeiros atendimentos a fêmea foi encaminhada para uma clínica veterinária.

Segundo o médico veterinário, Ari Scapini, que atendeu o animal, a fêmea que pesa 25 Kg apresenta características de que estava amamentado de dois a três filhotes. O veterinário acredita que os filhotes com dois meses conseguem sobreviver comendo verduras sem a presença da mãe cerca de 10 dias. Os filhotes não foram encontrados.

A polícia militar ambiental, que já tem suspeitos do crime, acompanham a recuperação do animal.


1 comentário
23 fev11:38

Bem-estar animal em debate no Interleite Sul

A garantia de bem-estar animal de todas as espécies criadas pelo homem para a produção industrial de proteínas tornou-se uma exigência da comunidade internacional e uma prioridade para a indústria da carne. O tema estará em debate no maior evento sulbrasileiro da área de lácteos, o Interleite Sul 2012 (3o Simpósio sobre a Produção Competitiva de Leite) que reunirá 1.000 profissionais do setor no período de 3 a 5 de abril, no Centro de Cultura e Eventos Plínio de Nes, em Chapecó.

O simpósio reunirá produtores de leite, técnicos e consultores ligados à cadeia leiteira, estudantes, dirigentes, laticinistas, governo e pesquisadores envolvidos com políticas públicas para o leite. A realização é do MilkPoint e AgriPoint, em parceria com o Núcleo Oeste de Médicos Veterinários.

Mais de duas dezenas de palestras de alto nível compõem a programação, entremeada com intervalos (“milk break”) e espaços empresariais para anúncio de produtos e de inovações tecnológicas voltados ao setor lácteo.Conforto térmico e bem-estar animal como fatores limitantes para a produtividade de rebanhos leiteiros é o tema que o zootecnista Mateus Paranhos da Costa abordará dia 4 de abril, às 9h30.

O coordenador geral do Interleite Sul 2012, Marcelo Pereira de Carvalho, mostra que a terceira edição do mais tradicional evento da pecuária leiteira do Brasil foi adaptado à realidade e às necessidades da região Sul. – O programa dessa edição foi cuidadosamente elaborado a partir da consulta a diversos técnicos dos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além da experiência e visão de nossa equipe – disse.

O resultado foi um programa abrangente, tratando de importantes temas estruturais que interessam a toda a cadeia, além de temas aplicados sobre as principais áreas técnicas: qualidade do leite e mastite, sanidade, reprodução, pastagens, conforto e nutrição.

Além do programa altamente qualificado, o Interleite é um espaço em que os participantes podem trocar informações e fazer negócios. Para levar delegações de técnicos ou produtores, as empresas e cooperativas têm condições especiais.

Informações sobre o evento e as inscrições estão disponíveis no site www.interleite.com.br/sul.


Comente aqui
09 fev16:42

Ocesc apoia uso do trigo na ração animal

A proposta de uso do trigo na nutrição animal para amenizar a escassez de milho foi bem recebida pelas classes produtoras. O presidente da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (Ocesc), Marcos Antônio Zordan, considera a medida positiva, mas alerta para a necessidade de um programa de incentivo que estabeleça condições de preço, armazenagem e distribuição.

A previsão de quebra na safra de milho originou a pressão para o uso do trigo na ração animal. Por isso, o Ministério da Agricultura promoverá leilões para a venda do cereal. As expectativas das entidades representativas do agronegócio – especialmente aquelas ligadas à produção de aves e suínos – é de que, numa primeira etapa, pelo menos 500 mil toneladas de trigo sejam incluídas no mecanismo de leilões da Companhia Nacional de Abastecimento.

Zordan observa que a utilização do trigo na alimentação animal é uma alternativa viável em face da escassez de milho e da oferta de trigo no mercado. O Brasil consome mais de 10 milhões de toneladas de trigo, produz a metade e importa 5 milhões de toneladas da Argentina, Canadá e Rússia.

Santa Catarina, por outro lado, importa anualmente cerca de 2 milhões de toneladas de milho. Neste ano de 2012, em face da estiagem que assola as áreas produtoras, a importação pode chegar a 3 milhões de toneladas.

- Está faltando milho e há possibilidade de uso do trigo disponível no Brasil e no mercado internacional, mas é necessário estabelecer políticas para uso do trigo no arraçoamento dos plantéis – expõe o dirigente. Lembra que o cenário de alta dos preços do milho e baixa oferta deve persistir, exigindo alternativas de suprimento do grão.


Possível

O presidente da Ocesc calcula que Santa Catarina necessitará de 600 mil toneladas de trigo se adotar a indicação de substituição parcial do milho. O Estado abate cerca de 700 milhões de aves por ano.

Marcos Zordan informou que as cooperativas fizeram testes para substituição parcial (em 20%) do milho por trigo utilizado na formulação das rações para aves. Habitualmente, o milho representa 65% da composição das rações para aves. Os resultados indicaram uma conversão (transformação da ração em carne) menor, o que significa aumento dos custos totais de produção.

A conclusão, de acordo com os testes, é esta: o uso parcial do trigo na formulação da ração para aves se torna viável se a diferença de preço entre os dois insumos for maior que 10% – ou seja, o milho custar 10% mais caro que o trigo.


Comente aqui
19 jan14:29

Voluntários Amigos dos Bichos de Chapecó participa de manifestação

O controle de populações de animais domésticos é uma importante ação de saúde pública preventiva. Segundo a Organização Mundial de Saúde, controle populacional de cães e gatos é sinônimo de controle de zoonoses. Manter as populações sob controle também é uma ação de bem-estar

animal. O excesso de nascimentos, sem que existam lares responsáveis para todos os filhotes, resulta em abandono e em dificuldade dos guardiões em manter a qualidade de vida e a saúde dos animais.

Neste sentido, a Associação Voluntários Amigos dos Bichos, junto com a Prefeitura de Chapecó, com apoio do Ministério Público Federal, Justiça Federal de Chapecó e Servioeste, inauguraram no dia 4 de outubro – dia mundial dos animais – o CEPA: Centro de Esterilização de Pequenos Animais.

O CEPA é fruto de uma parceria entre o município e a entidade que compreendem a castração como a forma mais eficiente e viável de atacar o problema das superpopulações animais.

No Centro são esterilizados animais de rua, identificados pelos voluntários, e animais de famílias em situação de risco social, identificados pelas agentes municipais de saúde. Importante ressaltar que não se trata de um programa de assistência veterinária ou de um abrigo.


Manifestação contra a Crueldade Animal

A manifestação está marcada para às 15h, deste domingo, dia 22, na Praça Coronel Bertaso em Chapecó.

Jovane Bottin, Diretora-Presidente da ONG Voluntários Amigos dos Bichos de Chapecó convida os donos de animais para participar da manifestação. – É importante que seja levado água e saquinhos de lixo para recolher as necessidades dos animais – disse Jovane. Ela recomenda também que as pessoas usem uma tarja preta no braço em sinal de luto.

Para saber mais acesse o site www.crueldadenuncamais.com.br.


Comente aqui
19 jan13:58

Grupo Amigo Bicho participa de manifestação

No dia 22 de janeiro ONGs de proteção animal e protetores de todo o Brasil vão lutar juntos pelo respeito aos animais. A manifestação acontece simultaneamente em várias cidades do País. Em São Miguel do Oeste as voluntárias do Grupo Amigo Bicho convidam todas as pessoas que gostam e respeitam os animais para comparecer na praça Walmir Botaro Daniel às 17 horas.

A presidente da ONG Carina Vizotto diz que a lei atual é branda e não pune devidamente. – Estamos reivindicando uma penalização correta e efetiva para quem comete crueldades e maus tratos aos animais – destaca.

Carina explica que na tarde de domingo serão colhidas assinaturas para um abaixo assinado, os organizadores do evento querem recolher um milhão e meio de assinaturas em todo o Brasil, nós vamos fazer nossa parte e contamos com a presença da população.

Quem quiser participar deve ir de camiseta branca e se possível, levar apitos. Para saber mais acesse o site www.crueldadenuncamais.com.br. A presidente diz que a participação da comunidade é fundamental e que os animais não deverão ser levados a manifestação.


Comente aqui
28 out11:41

Zelador para lá de animal

Boa gente e amigão, Griffin (Kevin James) trabalha há 15 anos como zelador do Zoológico Franklin Park, em Nova York. Ele está apaixonado por Stephanie (Leslie Bibb), uma perua que exige que ele largue o emprego se quiser casar. E ele quer. Porém, quando os animais do zoológico percebem que estão prestes a perder seu zelador, eles recorrem a uma tentativa desesperada: revelam que sabem falar e tentam convencer o amigão a não deixar o cargo.

Na versão dublada, o humorista Marcelo Adnet estreia como dublador fazendo a voz de cinco animais. A comédia dublada estreia em Chapecó no Arcoplex MercoCentro.

Sem questionar o absurdo, o protagonista passa a ouvir os bichos e a agir como um deles. A direção é de Frank Coraci (Click) e a produção ficou por conta de Adam Sandler, com quem Coraci trabalhou em Afinado no Amor.

Confira a programação completa do cinema para o final de semana em Chapecó.

Comente aqui