Atenção

27 jan16:29

Inaugurado em Chapecó Serviço de Atenção à Saúde do Trabalhador

Foi inaugurado no Bairro Seminário em Chapecó o novo espaço físico do Programa ‘Saúde no Trabalho – Serviço de Atenção à Saúde do Trabalhador’ – SAST. O objetivo é dispor espaço adequado para os serviços de atenção integral a trabalhadores submetidos a riscos e agravos decorrentes das condições de trabalho, com atendimento individual e coletivo. O SAST é resultado de parceria entre o Ministério Público do Trabalho e a Secretaria Municipal de Saúde.

Para cumprir seus objetivos, o Programa funcionará articulado com a Rede Básica de Saúde, Vigilância em Saúde do Trabalhador, Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest), além de instituições de ensino. Envolve a área assistencial (promoção e reabilitação em saúde do trabalhador), vigilância em saúde do trabalhador e educação permanente em saúde. Além das ações educativas, o SAST vai avaliar a incapacidade para o trabalho e desenvolver ações de readaptação profissional.

Na área de educação permanente em saúde, o SAST vai estimular a atenção básica na perspectiva da saúde do trabalhador. Com a vigilância em saúde, para estabelecer a relação entre o agravo ou doença com o trabalho, fará o registro no sistema de informação, possibilitando coletivizar o fenômeno e estabelecer procedimentos de vigilância que modifiquem as condições e ambientes de trabalho geradores de doenças.


Ações

A Secretaria Municipal de Saúde já vem desenvolvendo diversas ações de acordo com a política municipal das práticas integrativas e complementares definidas na Portaria 971/2006 do Ministério da Saúde, e que ocuparão o mesmo espaço.

Uma delas é o projeto Fitochapecó, em parceria com a Unochapecó, através do qual disponibiliza medicamentos vegetais aos usuários do SUS. Em breve ofertará manipulados fitoterápicos. Para complementar, durante a semana, médicos homeopatas vão prescrever a medicação.

Em novembro de 2011 foram capacitados 80 profissionais para a utilização da técnica da massagem ‘shantala’ para auxiliar no desenvolvimento psicomotor, aliviando cólicas e regularizando o sono dos bebês. Em setembro de 2011, 60 profissionais da rede municipal de saúde concluíram a capacitação em Terapia Comunitária Integrativa. Esses profissionais atuarão como multiplicadores na atenção básica.

Na área de vigilância em saúde, o trabalhador conta com o Cerest, unidade regional especializada, responsável pela coleta e liberação de informações técnicas para o SUS, com apoio às ações de promoção, prevenção e vigilância em saúde.

O Centro é referência para 76 municípios da região Oeste e Extremo Oeste de Santa Catarina, dando suporte técnico adequado às ações de saúde do trabalhador, operacionalizando estratégias com os demais serviços de saúde.


Comente aqui
25 jan16:07

“Saúde no Trabalho – Serviço de Atenção à Saúde do Trabalhador”

A Secretaria de Saúde de Chapecó, realiza nesta quarta-feira, a inauguração do programa “Saúde no Trabalho – Serviço de Atenção à Saúde do Trabalhador”. O objetivo é oferecer atenção integral aos trabalhadores submetidos aos riscos e agravos advindos das condições de trabalho.

Devem ser realizados atendimentos individuais e coletivos, avaliando a incapacidade para o trabalho e desenvolvendo ações de readaptação profissional. Serão realizadas ações articuladas com a Rede Básica Municipal de Saúde, Vigilância Em saúde do Trabalhador, Cerest – Centro de Referencia em Saúde do Trabalhador e instituições de ensino.

Este serviço é composto por uma tríade: área assistencial (promoção e reabilitação em saúde do trabalhador), vigilância em saúde do trabalhador e educação permanente em saúde.

O ato está programado para às 17h.


Comente aqui
10 nov11:40

Maravilha conquista primeiro lugar na Avaliação da Atenção Básica

Durante a realização do V Encontro Estadual de Saúde da Família, que aconteceu nos dias 07, 08 e 09 de novembro de 2011 em Florianópolis, Maravilha recebeu o prêmio de R$ 50 mil reais por ter alcançado os números estabelecidos no atendimento da Atenção Básica.

Participaram do encontro 600 pessoas de todo o Estado. Ao todo 18 municípios foram premiados com o melhor desempenho na Avaliação da Atenção Básica. Maravilha recebeu R$ 50 mil pelas boas experiências desenvolvidas pela estratégia saúde da família.

A declaração é do prefeito Orli, se referindo à 2008, quando a saúde de Maravilha aparecia em último lugar e nesta quarta-feira recebeu das mãos do Secretário Dalmo Claro de Oliveira, a placa e o prêmio de R$ 50.000,00, por ter se classificado em primeiro lugar em Santa Catarina.

Segundo o Prefeito Orli Berger o resultado disso é o esforço de toda a equipe da Administração Municipal que abriu mão dos investimentos em suas pastas para que mais dinheiro fosse investido na saúde. – Ampliamos o número de postos de saúde, acabamos com as filas e estamos fazendo o melhor para atender as necessidades de nossa população – disse.

A comemoração do prêmio acontece às 17h desta quinta-feira, 10, na

Câmara de Vereadores. No ato, acontece o lançamento do programa de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica. Também nesta oportunidade acontece o lançamento do Programa “Pequeno Maravilhense” que se destina ao atendimento humanizado dos recém-nascidos em nosso município.


Comente aqui