Atendimento

03 out18:56

Taxista agradece atendimento da PM de Chapecó

O taxista Paulo Domingos da Silva, 46 anos, ligou para o clicRBS Chapecó para registrar ume elogio à Polícia Militar de Chapecó. Paulo teve um incidente no bairro São Pedro e ligou para a Polícia que lhe ajudou prontamente.

– Eles foram muito atenciosos no atendimento – explicou.

Paulo ficou grato pelo profissionalismo da corporação durante o atendimento na terça-feira, dia 2 de outubro.


1 comentário
25 mai17:17

Hospital da Criança um ano em Chapecó

No mês de maio, o Hospital da Criança (HC), o qual é administrado pela Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira, mesma entidade filantrópica que administra o Hospital Regional do Oeste (HRO), completa um ano de atividades. Neste primeiro ano, foram realizados mais de 47 mil atendimentos no Pronto Socorro, 1.067 internações e 742 cirurgias. Em percentuais isso representa que dos mais de 47 mil atendimentos no PS do HC, apenas 2,27% foram casos que necessitaram de internação.

Com base no banco de dados do HC, nestes primeiros 12 meses de ininterrupto funcionamento daquele nosocômio, em média já foram atendidos 3.917 pacientes por mês, perfazendo 130 atendimentos por dia, o que representa uma média de 5,44 pacientes por hora. Quando a ala pediátrica funcionava junto ao HRO, a média de atendimento na especialidade pediátrica era de apenas 50 por dia. Mesmo com a demanda que aumentou em 100%, os casos de urgência e emergência representam apenas cerca de 1,3%. Por outro lado, nestes 12 meses, onde mais de 47 mil atendimentos foram prestados, o índice de óbitos em 2011 fora de apenas 0,01%. Já em 2012, a taxa de mortalidade registrada no Hospital da Criança, é 0% (zero), o que representa alto índice de resolutividade no atendimento aos pequeninos.

Hoje atendem no espaço 112 funcionários, os quais desempenham atividades nos serviços de enfermagem e administrativo, juntamente com 19 médicos pediatras. Os 19 pediatras estão assim distribuídos em suas funções: oito atuam na escala de plantão 24 horas no pronto socorro; oito clínicos em sobreaviso; e, três são cirurgiões que atuam na demanda de procedimentos no Centro Cirúrgico.

O HC mantém 24 horas plantão médico com toda equipe de apoio, em diversas especialidades em sobreaviso. Devido ao fato de agora existir uma ala especial para as crianças, com um atendimento direcionado para esse público, houve reflexo positivo na redução de internações.

Quando a Pediatria estava instalada no Hospital Regional do Oeste (HRO), eram registradas cerca de 30 internações/mês, sendo que agora no Hospital da Criança (HC) são 12 por mês. Isso é reflexo de um conjunto de ações desde a humanização até a alta dos pequenos pacientes, reflexo extremamente positivo em termos de resolutividade. No HC os atendimentos são especificamente para atender casos de Urgência e Emergência a crianças de zero a 13 anos, 11 meses e 29 dias.

De acordo com Rajá Elias, Diretor Médico do Hospital da Criança, esses números mostram o avanço na saúde e no atendimento as crianças.

- Estamos preocupados com o atendimento de qualidade e não com a quantidade de atendimentos. Queremos atender bem e a todos – destacou.


Comente aqui
14 mai12:13

Agências da Caixa fizeram plantões no sábado dia 12

No sábado dia 12 de maio, as agências da Caixa Econômica Federal da região Oeste realizaram plantão das 9h às 16 horas. De acordo com a Assessoria da Caixa Regional Oeste foram realizados 269 atendimentos relacionados ao crédito em cinco cidades.


Número de atendimentos:

Chapecó = 83

Concórdia = 21

Caçador = 72

Joaçaba = 42

São Miguel do Oeste = 51


No estado

Apenas cinco agências da região de Florianópolis não abriram devido a uma liminar obtida pelo Sindicato da categoria. A unidade do centro de Criciúma também não abriu, pois sindicalistas fizeram manifestação em frente a agência.

Nas demais regiões doVale do Itajaí, Norte e Sul o atendimento também aconteceu das 9h às 16 horas.


Comente aqui
10 fev09:40

Samu tem nova sede em São Miguel do Oeste

O Samu de São Miguel do Oeste iniciou o atendimento na nova sede nesta semana. Na quinta-feira o secretário de Estado de Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste, Wilson Trevisan, visitou as novas instalações, localizada no Hospital Regional Terezinha Gaio Basso, no Bairro São Gotardo de São Miguel do Oeste.

A obra tem o investimento de mais de R$ 205 mil e foi custeada pelo Hospital Regional, com recursos recebidos mensalmente do Governo do Estado. Com uma área de 265 metros quadrados, a sede conta com cinco dormitórios, sala de estar, de reuniões, administrativa e de equipamentos, cozinha e garagem.

- A estrutura atende a demanda que o Samu exige, além de estar localizado junto ao Hospital Regional, o que facilita a logística do atendimento – enfatizou o secretário Wilson Trevisan.

O Samu funcionava anteriormente numa das alas do Hospital. Agora a instituição vai ocupar o local para disponibilizar mais 14 leitos. A previsão é que até março os novos leitos estejam disponíveis.


Comente aqui
09 fev10:41

Filas para fazer identidade em Chapecó

Uma equipe do Sindicato dos Bancários de Chapecó foi até o local e encaminhou um email para o clicRBS Chapecó:

Quem deseja fazer identidade em Chapecó precisa ter muito tempo e paciência. As pessoas chegam a esperar quatro horas na fila, sob o sol ou a chuva, para só então entrar no estabelecimento e obter o atendimento. Ainda, quem não chegar cedo corre o risco de ficar sem uma senha.

Na segunda-feira, dia 6, a equipe do Sindicato chegou ao prédio, onde também funciona o IGP (Instituto Geral de Perícias), por volta das 12h50, e já havia uma fila de aproximadamente 60 pessoas, que estava na praça em frente ao prédio, numa tentativa de amenizar o calor e fugir do sol.

O atendimento é das 13h às 17h, mas a nutricionista Gabriela Baggio Luz chegou às 9h15. Conseguiu o primeiro lugar na fila. Ela trabalha no período da tarde e, mesmo chegando tão cedo, teve que contratar outra pessoa para fazer seu trabalho enquanto ela fazia a identidade.

Uma senhora de muletas e com a filha, Noemi Terezinha Negrão, chegou na fila por volta das 9h20 e teve que esperar até depois das 13h em pé. Ela contou que estava cansada e exausta de tanto calor, e lembrou que teria que voltar outra vez para retirar a carteira de identidade e enfrentar tudo de novo.

Eli da Silva, de 50 anos, é acupunturista e tem folga na segunda-feira – dia que aproveitou para fazer seu RG. Eli também reclamou do calor intenso e da falta de um lugar apropriado para esperar o atendimento, e que o atendimento deveria ser nos dois períodos do dia.

Já Alécio Pedro Tonkelski de 59 anos, sofre de hipertensão. Ele reclamou do péssimo atendimento e das condições de espera sob o forte calor. Loir Alves do Santos de 63 anos, aposentado também reclamou da falta de organização do local e do atendimento ser em turno único.

São distribuídas 90 senhas diárias para se fazer o RG. Quem chegar ao local depois dessas senhas terem terminados, tem com única solução voltar outro dia.

Pela demanda e necessidade das pessoas, o Sindicato dos Bancários entende que o atendimento deveria ser nos dois turnos, com o número de funcionários adequado à demanda, garantindo respeito ao aposentado, deficiente físico, gestantes e mães com crianças de colo.


1 comentário
02 fev12:01

Prefeitura de Abelardo Luz volta a atender em dois turnos

A prefeitura de Abelardo Luz informa que está prestando atendimento ao público em dois turnos. O horário de expediente voltou ao horário normal, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30, nesta quarta-feira.

Os servidores municipais que estavam em recesso coletivo retornaram as atividades normais.

A adoção de turno único na prefeitura, das 7h às 13h, iniciou em 19 de outubro de 2011, como medida de conter despesas na administração pública no final de ano.

Comente aqui
02 dez20:10

Inaugurado Pronto Atendimento 24 horas em Xanxerê

O governador João Raimundo Colombo participou da inauguração do Pronto Atendimento Saúde 24 horas – Adiles Angela Gavazzoni, na manhã desta sexta-feira, em Xanxerê. As obras iniciaram em setembro de 2009 e tiveram um investimento total de R$ 2.484.587,00, recursos do Governo do Estado e da Administração Municipal.

- Estamos investindo muito em saúde, que é um dos grandes desafios de nosso governo – disse o governador.

Já o prefeito de Xanxerê disse que esta é a maior obra da história do município e que vai trazer mais segurança aos xanxerenses. – Com certeza inauguramos a maior obra da história já realizada na cidade. E isso não termina aqui, pois temos o compromisso de atender com excelência a população – destacou.

Para a secretária municipal de Saúde, Iára Helena Callfass, a inauguração do Saúde 24 horas foi o primeiro desafio. O segundo será o dar continuidade aos bons serviços prestados.

O nome do Saúde 24 horas é uma homenagem à mãe do presidente da Celesc, Antonio Marcos Gavazzoni.

Os atendimentos tem início a partir da segunda-feira, 05. O Saúde 24 horas está localizado no antigo Hospital Bom Jesus, na Rua Coronel Santo Marinho.


Comente aqui