Baleado

01 jun12:41

Homem morreu baleado em Chapecó

Um homem de 27 anos foi assassinado na noite desta quinta-feira na Rua Lauro Sander, no loteamento Girassol, em Chapecó. Jocemir Teles Godinho foi baleado dentro de casa, por volta das 20 horas.

Segundo informações ele teria sido surpreendido por dois homens encapuzados logo após sair do banho. Jocemir foi atingido nas costas e no rosto. O Corpo de Bombeiros de Chapecó foi chamado, mas ele não resistiu e morreu no local.

A Agência de Inteligência da Polícia Militar de Chapecó trabalha para identificar os autores do crime.


* com informações da RBS TV Chapecó.


Comente aqui
13 mai16:22

Homem morre baleado no interior de Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Um homem morreu após levar um tiro no pescoço na madrugada deste domingo, na linha Água Amarela, interior de Chapecó. Augusto Alves Pereira, 20 anos, foi socorrido pelo Samu e encaminhado para o Hospital Regional do Oeste em Chapecó (HRO). Ele não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada no HRO.

O velório acontece na capela B da Funerária Sturmer. O enterro está marcado para às 10h da segunda-feira, dia 14, no cemitério da Linha Tomazelli, em Chapecó.

A Polícia Militar foi chamada para atender a ocorrência e durante buscas, as guarnições abordaram um veículo Gol, placas de Chapecó. Nele estavam dois adultos e três adolescentes. Com um adolescente de 15 anos os policiais encontraram um revólver calibre 38, municiado com seis cartuchos deflagrados. A arma e os envolvidos foram encaminhados para a 2ª Delegacia de Polícia de Chapecó.

Dois homens, um de 22 e outro de 18 anos, foram presos e encaminhados para o Presídio Regional de Chapecó. Um adolescente de 15 anos foi apreendido e conduzido para o Centro de Internamento Provisório. Os outros dois foram liberados.


Comente aqui
19 abr10:04

Concordiense é encontrado morto no litoral catarinense

Um homem foi encontrado morto na Rodovia Interpraias, em Balneário Camboriú, no final da tarde desta quarta-feira. Rudimar de David, 47 anos, estava dentro de um carro e tinha a marca de um tiro no peito. Embora aparentemente nada tenha sido levado do local, a primeira hipótese levantada pela polícia é de latrocínio.

O carro, um Crossfox com placas de Bombinhas, estava próximo à entrada da Praia do Pinho. O veículo chegou a bater num barranco ao lado da estrada, mas ainda não se sabe se isto teria ocorrido antes ou após David ter sido atingido.

Testemunhas ouvidas pela Polícia Militar disseram ter visto três homens encapuzados entrarem na mata, próximo ao local onde o corpo foi encontrado. Policiais fizeram buscas pela região, mas ninguém foi encontrado.

As investigações estão a cargo do delegado Procópio Batista Silveira Neto, da Divisão de Investigações Criminais de Balneário Camboriú (DIC). O delegado não informou se há suspeitos do crime.

O corpo será transladado para Concórdia onde serão feitos os atos fúnebres. Rudimar de David, 47 anos, tinha duas filhas. Rudimar era ex-marido da secretária de saúde, Genair Bogoni.


BLOG DO LITORAL


Comente aqui
17 abr12:08

Momentos de terror para família de delegado baleado

José Luís Costa | joseluis.costa@zerohora.com.br

Familiares do delegado da Polícia Civil gaúcha Paulo Florentino Machado, 46 anos, viveram momentos de terror durante assalto a casa de parentes em Chapecó, no Oeste catarinense, no último final de semana.

Machado foi ferido ao intervir em um roubo domingo à noite na casa da sogra. Atingido por um disparo do abdômen que perfurou o pulmão e se alojou nas costas, o delegado está em coma induzido na Unidade de Tratamento Intensivo do Hospital Regional da cidade. O quadro é considerado grave, mas estável.

— O estado dele é crítico, mas o médicos estão otimistas. Ele vem reagindo bem. Tem um bom porte físico, corre todos os dias, não bebe, não fuma. Isso ajuda muito — conta, apreensiva, a professora universitária Daniela Zawadzki, 42 anos, mulher do delegado.

>> Delegado do RS baleado ao reagir a assalto segue na UTI em hospital de Chapecó

Plantonista da Delegacia de Pronto Atendimento de Canoas, Machado aproveitava o final de semana de folga para rever a mulher e o casal de filhos de dois e quatro anos que moram em Chapecó. Por volta das 23h de domingo, três homens invadiram o pátio do condomínio familiar de três casas — em uma delas mora Daniela e os filhos, na segunda a mãe dela e, na terceira, uma irmã.

A mãe de Daniela voltava de uma sessão de teatro com três parentes em uma caminhonete, quando os bandidos aproveitaram a abertura do portão eletrônico para entrar no local. Armados, os criminosos fizeram as vítimas de refém dentro da casa e começaram a pegar objetos e revirar gavetas em busca de dinheiro.

— Eles arrancavam quadros das paredes. Perguntavam por cofre, mas minha mãe não tem isso em casa — lembrou Daniela.

O barulho chamou a atenção. O delegado, que assistia a TV ao lado da mulher, foi alertado por uma cunhada, que também avisou a Polícia Militar. Com uma pistola na mão, Machado saiu para o pátio, e Daniela se trancou em casa para se proteger com os filhos.

O delegado trocou tiros com os invasores, acertando as pernas de um deles, mas acabou atingido no abdômen. Na confusão, um dos bandidos alvejou o pé direito de uma tia de Daniela.

— Parecia uma guerra. As casas ficaram cravejadas de tiros, os vidros das janelas quebrados. Foi pavoroso. Quando vi ele (Machado) caído, perdendo muito sangue, entrei em desespero, pensei que não resistiria — recordou a mulher.

Os três bandidos fugiram na caminhonete das vítimas, levando dinheiro, celulares e computador. Um comparsa acompanhava o trio em um Monza. Perseguidos por PMs, foram presos em seguida, após uma nova troca de tiros. A caminhonete e os pertences da família do delegado foram recuperados.

Foram presos em flagrante Antonio Ferreira de Matos, 22 anos, que levou dois tiros nas pernas, e Elton Faccin, 21 anos, que trabalha como segurança de rua e estaria dando cobertura aos assaltantes. Os dois estão no Presídio Regional de Chapecó e vão responder por tentativa de latrocínio.

Os demais integrantes do bando são dois adolescentes, de 16 e 17 anos, recolhidos em uma unidade para jovens infratores. O mais jovem é filho de um PM aposentado e usava o revólver do pai durante o assalto.


ZERO HORA



Comente aqui
17 abr09:44

Delegado do RS baleado ao reagir a assalto segue na UTI em hospital de Chapecó

Baleado ao intervir em um assalto no último domingo em Chapecó, no Oeste catarinense, o delegado de Canoas (RS) Paulo Florentino Machado, de 46 anos, segue internado em estado grave no Hospital Regional do Oeste. A Polícia Civil do Rio Grande do Sul enviou um representante para Santa Catarina para acompanhar o caso.

Segundo a Polícia Militar (PM) de Chapecó, uma família foi feita refém por volta das 23h de domingo no bairro Universitário. Três homens renderam os moradores que chegavam de carro em uma casa na Rua Amazonas. Um dos assaltantes ficou aguardando os comparsas do lado de fora em um veículo.

Vizinhos perceberam a ação dos criminosos e avisaram a PM. Enquanto isso, o delegado Paulo Florentino teria atraído os assaltantes para fora da casa. Houve troca de tiros e o policial acabou atingido.

Machado foi levado para o Hospital Regional do Oeste, em Chapecó, onde passou por cirurgia. Ele estava em Chapecó para visitar parentes. Segundo a Polícia CIvil gaúcha, o delegado é catarinense, mas atua no Rio Grande do Sul desde 1999.

Após o crime, buscas foram realizadas na região. Dois homens foram presos e dois adolescentes apreendidos.

Antônio Ferreira de Matos, 22 anos, foi ferido com tiros nas pernas. O outro preso foi identificado como Elton Faccin, que estava dando cobertura aos assaltantes. Os dois foram levados para o Presídio Regional de Chapecó.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
11 mar16:40

Homem é morto com pelo menos quatro tiros em Chapecó

Daisy Trombetta | daisy.trombetta@diario.com.br

Um homem de 21 anos foi morto a tiros na madrugada deste sábado no Bairro Parque das Palmeiras em Chapecó, no Oeste do Estado.

O corpo de Luiz Henrique Batista foi encontrado em frente ao portão do Parque das Palmeiras por volta da 1h. A vítima, que morava próximo ao local, foi atingida por pelo menos quatro disparos.

A polícia ainda não tem suspeitas da autoria do crime. A vítima tinha várias passagens, a maioria por furto.

Comente aqui
27 fev13:38

Três homens são presos acusados de tentativa de homicídio em Chapecó

A tentativa de homicídio foi por volta das 3h da madrugada do domingo, dia 26, na esquina da Rua São João com a Avenida Fernando Machado. Uma das câmeras de vigilância da Polícia Militar flagrou parte da ação dos acusados. Cassiano Fernando Morais, de 26 anos, levou três tiros enquanto caminhava pela calçada.

A câmera, que estava em sistema automático, mudou de lado, e não flagrou o momento dos disparos. Instantes antes foi possível observar, nas imagens, que Cassiano estava acompanhado de uma mulher. A gravação mostrou também os acusados deixando a casa de shows que há no local e fugindo em um veículo.

Após ser baleado, Cassiano caiu na calçada. Ele levou três tiros, um na perna direita, um no braço esquerdo e outro no abdômen. Depois de receber os primeiros socorros ele foi encaminhado para o Hospital Regional de Chapecó. Ele segue internado na UTI.

A Polícia Militar prendeu três acusados pela tentativa de homicídio, Clovis Vieira Nogueira, 30 anos por formação de quadrilha, Itamar dos Santos,18 anos, e Fabiano Nogueira de 24, por tentativa de homicídio. Os três foram encaminhados para a Delegacia de Polícia.


Comente aqui
16 set12:39

Adolescente é baleado em Chapecó

Um adolescente de 18 anos foi baleado no final da manhã em Chapecó. Ele estava na Rua Paulo Pasquali, próximo a Escola Básica Municipal Jardim do Lago. O disparo foi efetuado por um menino de 14 anos. Ele foi apreendido e está na Central de Polícia.

O jovem foi atendido pelo Corpo de Bombeiros. Durante o caminho para o Hospital Regional de Chapecó um médico e uma enfermeira do Samu auxiliaram no atendimento.  Ele estava consciente. A bala perfurou o pescoço do adolescente.



Comente aqui