Bilhetes

16 jul14:24

Aeroporto de Chapecó volta a rotina de voos

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

A primeira aeronave a pousar na pista do Aeroporto Municipal Serafim Enoss Bertaso em Chapecó, após a reforma total da pista, foi um Airbus A-319 da companhia Avianca. O pouso foi às 00h34 da madrugada desta segunda-feira, dia 16. Cerca de 80 passageiros estavam no avião com capacidade para 132 pessoas.

A empresa voltou a oferecer dois voos diários com destino a São Paulo e escala no Aeroporto Hercílio Luz em Florianópolis. A empresa vai utilizar também um Airbus A-318 com capacidade para 120 passageiros. As passagens estão à venda no site, com tarifas a partir de R$ 285, para a capital paulista e R$ 125 para a capital do estado.

>> Confira os Horários de voos no Aeroporto de Chapecó

>> Empresas aéreas iniciam a venda de passagens em Chapecó

Outra empresa que também teve voos nesta segunda-feira foi a NHT Linhas Aéreas. A aeronave Let 410, com capacidade para 19 lugares, pousou no início da tarde em Chapecó. Nove pessoas desceram e oito embarcaram com destino para Curitiba/PR. A empresa vai oferecer um voo diário com destino à capital paranaense. A tarifa média das passagens é de R$ 452.

A partir do dia 30 de julho, a empresa Gol Linhas Aéreas vai retomar as operações no Aeroporto. Serão mantidos voos semanais com destino para Florianópolis e São Paulo. Os trechos serão operados pelo Boeing 737-700 com capacidade para 144 passageiros. Os bilhetes tem tarifas a partir de R$126,90 com destino à Florianópolis e a partir de R$ 263,90, com destino para São Paulo/SP.

Para garantir esses valores é preciso que a compra dos bilhetes seja realizada com, no mínimo, 28 dias de antecedência.

As empresas Trip Linhas Aéreas e Azul Linhas Aéreas ainda não tem uma data definida para o início da venda de passagens e início de voos.

O Aeroporto esteve fechado por 75 dias e foi liberado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), na sexta-feira, dia 6 de julho.


Confira os horários de voos:


NHT Linhas Aéreas

Voos de segunda a sexta-feira


Partida de Chapecó/Curitiba/PR

13h40 – destino Curitiba/PR


Chegada em Chapecó/SC

13h20 – vem de Curitiba/PR e faz escala em Francisco Beltrão/PR



Avianca

Voos diários


Partida de Chapecó/SC

6h15 – destino Congonhas/SP, com escala em Florianópolis/SC

14h15 – destino Guarulhos/SP, com escala em Florianópolis/SC


Chegada em Chapecó/SC

00h15 vem de Congonhas/SP e faz escala em Florianópolis/SC

13h45 vem de Guarulhos/SP e faz escala em Florianópolis/SC



Gol Linhas Aéreas

Voos diários


Partida de Chapecó/SC

05h35 – destino Congonhas/SP, com escala em Florianópolis/SC [exceto domingo]

15h10 – destino Congonhas/SP, com escala em Florianópolis/SC


Chegada em Chapecó/SC

14h40 – vem de Congonhas/SP e faz escala em Florianópolis/SC

00h55 – vem de Congonhas/SP e faz escala em Florianópolis/SC [exceto sábado]



Comente aqui
15 mar09:59

Bilhetes entre Chapecó e Florianópolis por R$ 1,2 mil

A Gol fretou aeronaves da Passaredo mas os passageiros estão reclamando do valor das passagens. Na segunda-feira, uma passagem para o voo das 7 horas de sábado para Florianópolis estava mais de R$ 1 mil.

>> Confira os horários de voos

Eduardo Damo,gerente de uma agência de viagens de Chapecó, informou que nesta semana foi vendido um bilhete só de ida para Florianópolis por R$ 1,2 mil. Para se ter uma ideia na baixa temporada é possível ir para a Europa e voltar para Chapecó por R$ 2,2 mil. O número de assentos de tarifas econômicas também diminuiu, pois antes as aeronaves tinham 144 lugares e, agora, tem 50. Por isso as vagas promocionais esgotam antes. Além disso ele observou um acréscimo de 30% nas tarifas econômicas. –Antes as passagens mais baratas saíam por R$ 140, R$ 150 e agora estão em torno de R$ 230- explicou. Damo disse que há passageiros desistindo do avião e optando por ônibus ou carro.


O empresário Cidnei Luiz Barozzi vai gastar quase o triplo do que iria gastar para ir a São Paulo.


O empresário Cidnei Luiz Barozzi vai gastar quase o triplo do que iria gastar para ir a São Paulo. Ele tinha comprado uma passagem antecipadamente, no final de fevereiro, com a Avianca, saindo de Chapecó amanhã de manhã, pois tem uma reunião do Conselho Fiscal da Associação Brasileira da Indústria Gráfica na capital paulista. O valor de ida e volta era de R$ 600. Como a empresa não está operando com voos de Chapecó desde a interdição, ele teve que comprar uma passagem com a Gol. Mesmo comprando com sete dias de antecedência, pagou R$ 1.713 mil, quase o triplo do valor inicial. Barozzi até pensou em viajar de ônibus. Mas, como tinha posse como diretor financeiro da Associação Comercial e Industrial de Chapecó, noite de hoje, foi obrigado a pagar o valor que considera “abusivo”.

>> Aeroporto de Chapecó ficará fechado entre 15 e 60 dias

O gerente executivo da Associação Comercial e Industrial de Chapecó, Fábio Magro, disse que tem recebido várias reclamações dos preços das passagens aéreas. Ele lembrou que antes da interdição era possível comprar passagens por pouco mais de R$ 100 para Florianópolis. Agora elas custam R$ 300, R$ 400, R$ 500, segundo o diretor.

A assessoria de imprensa da Gol afirmou que o preço médio das passagens até reduziu, e que é possível encontrar tafiras promocionais por R$ 223. Mas reconhece que o número de tarifas promocionais é proporcional ao número de assentos de cada aeronave.


Comente aqui