Bombeiros

13 jan17:46

Enterradas em Xaxim as três vítimas de acidente

Foram enterradas no final da tarde deste domingo, no Cemitério Municipal de Xaxim, as três vítimas de um acidente ocorrido no sábado, às 18 horas, na BR 480, em Chapecó. Jaqueline Scarlett Cachoeira Ambrosi, 16 anos, Nicolas Cachoeira, 5 anos e. Daniela Zamboni, 25 anos, estavam no Fiat Palio placas de Erechim que colidiu contra um Vectra placas de Chapecó.
Daniela chegou a ser socorrida pelos Bombeiros e encaminhada ao Hospital Regional do Oeste, onde morreu ao dar entrada.
O Fiat Palio ia de Erechim para Xaxim. O Vectra vinha em sentido contrário. A colisão foi no quilômetro 125 da BR 480, próximo aos silos da Aurora Alimentos, num trecho conhecido como Acesso Plínio Arlindo De Nês. Os 7,6 quilômetros que ligam a cidade de Chapecó ao trevo da BR 282 estão sendo duplicados. Em virtude das obras há trechos com cones e desvios. Mas o acidente ocorreu numa reta.
O policial rodoviário federal Felisberto Chagas de Souza disse que o boletim de ocorrência deve ser concluído em cinco dias. Ele disse que a pista no local não está em boas condições mas acredita que o principal fator para a colisão foi o excesso de velocidade. Em virtude das obras a velocidade recomendada é de 40 quilômetros por hora.
Chagas confirmou que o Fiat Palio invadiu a pista contrária, onde ocorreu o choque. O condutor do Palio, Jorge Luís Cachoeira, 29 anos, chegou a ser internado no Hospital Regional do Oeste, de onde teve alta no domingo pela manhã. Ele chegou a acompanhar o velório realizado na capela mortuária do Bairro Alvorada, em Xaxim. Em virtude dos ferimentos ficou a maior parte do temo em repouso, numa sala anexa. Disse não lembrar do momento que antecedeu o acidente.
As vítimas fatais era sua mulher, Daniela, o filho, Nicolas, e a sobrinha, Jaqueline. Outra sobrinha que estava no carro, Débora Cristina Cachoeira, 15 anos, teve fratura da bacia e permanece internada no Hospital Regional do Oeste.
O condutor do carro, a mulher e o filho moravam em Erechim. De acordo com familiares o casal estava levando as sobrinhas, que foram passar alguns dias de férias no Rio Grande do Sul, para Xaxim. O acidente foi a menos de 30 quilômetros de casa.
Familiares, amigos e colegas de escola foram ao velório e ao enterro.
No outro veículo envolvido no acidente havia três pessoas: o  condutor Jonas Sartori, 32 anos, e os passageiros Alessandro Legramanti, 33 anos, e Fernanda Rafaelly Paludo, 27 anos. Eles saíram feridos, foram atendidos pelos Bombeiros e Samu e não precisaram ser internados.

Além dos três óbitos no acidente do final a tarde de sábado, na BR 480, em Chapecó, outras duas mortes de trânsito ocorreram no mesmo dia, na Região Oeste.
O primeiro acidente foi à 1h15, na BR 282, no trevo de acesso a Ponte Serrada. Houve uma colisão frontal entre um Gol de Xanxerê e uma F 350, de Navegantes. Morreu o condutor do Gol, Gilberto da Costa, 27 anos, que morava em Ponte Serrada.  O condutor do outro veículo, Sanildo da Silva Góis, de 37 anos, saiu ileso.
O segundo acidente com morte foi às 22h39, no bairro Jardim Itália, em Chapecó, envolvendo dois veículos.Houve três feridos e um óbito, Francisco Augusto de Lima, que morreu no local. A Polícia Militar e o Samu, que atenderam a ocorrência, informaram que só poderiam fornecer mais detalhes na segunda-feira.

1 comentário
13 jan12:32

Três pessoas morrem em acidente em Chapecó


Três pessoas morreram em um acidente ocorrido por volta das 18 horas de sábado, na BR 480, no trecho que liga a cidade de Chapecó à BR 282, conhecido também como Acesso Plínio Arlindo De Nês. A colisão foi próxima aos silos da Aurora Alimentos. Um Fiat Palio placas de Erechim, que transitava em direção a Chapecó, colidiu frontalmente contra um Vectra, que transitava em direção à BR 282.

As três vítimas fatais estavam no Fiat Palio. Jaqueline Scarlett Cachoeira Ambrosi, 16 anos, e Nicolas Cachoeira, 5 anos, morreram no local. Daniela Zamboni, 25 anos, chegou a ser conduzida pelos Bombeiros até o Hospital Regional do Oeste, onde morreu ao dar entrada.

O condutor do Fiat, Jorge Luís Cachoeira, 29 anos, teve alta na manhã deste domingo. No veículo também estava Débora Cristina Cachoeira, 15 anos, que permanece internada no Hospital Regional do Oeste.

No Vectra havia três pessoas: o  condutor Jonas Sartori, 32 anos, e os passageiros Alessandro Legramanti, 33 anos, e Fernanda Rafaelly Paludo, 27 anos. Eles saíram feridos mas sem gravidade, foram atendidos pelos Bombeiros e Samu e não precisaram ser internados.

A Polícia Rodoviária Federal de Xanxerê deve emitir um laudo sobre as causas do acidente em cinco dias. Um dos prováveis motivos seria o excesso de velocidade, em virtude de que esse trecho da rodovia está sendo duplicado e a velocidade máxima permitida é de 40 quilômetros por hora. Extraoficialmente um policial avaliou que o Uno teria invadido a pista contrária.

Comente aqui
10 dez11:00

Bombeiros de Chapecó encontram corpo de jovem que se afogou no Rio Irani

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Por volta das 8h desta segunda-feira, três mergulhadores do Corpo de Bombeiros de Chapecó encontraram o corpo do jovem de 17 anos que se afogou no Rio Irani, em Chapecó. Ele aproveitava o domingo de sol e calor para tomar banho de rio com amigos na linha Sede Trentin, interior da cidade.

De acordo com os Bombeiros de Chapecó, o jovem teria sumido nas águas do rio no final da tarde. Durante o domingo foram realizadas buscas, mas o jovem não havia sido encontrado.

O Instituto Geral de Perícias (IGP) da Polícia Civil foi chamado para buscar o corpo o local.



Comente aqui
07 dez12:29

Novos Bombeiros Militares em Chapecó

A formatura de 39 novos Soldados do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, foi nesta quinta-feira, dia 6 de dezembro. O curso de formação com carga horária de 1500 horas/aulas, teve inicio em abril e foi realizado em Chapecó.

A turma do Soldado BM Marcelo Metzler Gomes, teve como Patrono o Empresário Izair Gambatto e como Paraninfo o 2º Tenente BM Felipe Gelain.

O primeiro colocado, o novo Soldado Tiago Luiz Fiorini, obteve média geral final de 9,45 e recebeu pelo seu desempenho uma lembrança das mãos do Comandante Geral do CBMSC, Coronel BM Marcos de Oliveira, do Paraninfo e do Patrono.

Durante a solenidade, o Presidente da Fecabom, Marcelo Schrubbe realizou a entrega simbólica de fardamentos adquiridos pela associação com recursos recebidos de uma empresa catarinense e que beneficiarão mais de quatro mil Bombeiros Comunitários em todo o estado.


Comente aqui
23 out11:52

Concórdia teve 53 ocorrências devido ao temporal

Os Bombeiros Voluntários de Concórdia finalizaram na manhã desta terça-feira os atendimentos em virtude do temporal que caiu na cidade no final da tarde de segunda-feira.

Foram 53 chamados de ocorrência em virtude de destelhamentos, árvores caídas e alagamentos. Os bairros atingidos foram Nações, Estados, Imigrantes e Santa Cruz. De acordo com o Líder do Dia dos Bombeiros, Armindo da Silva, ontem foram entregues 15 lonas. Hoje pela manhã foi realizado o corte de uma árvore que ameaçava cair sobre uma casa na rua 29 de Julho.

Nenhuma família teve que deixar sua casa. -Agora a chuva parou e a situação está tranquila- aifrmou Silva.

A Prefeitura também trabalhou na desobstrução de bueiros que entupiram durante o temporal.

Comente aqui
22 out20:07

Cerca de 60 casas destelhadas no Oeste

Darci Debona|darci.debona@diario.com.br

Cerca de 60 casas foram destelhadas por um vendaval, ocorrido no final da tarde de ontem, no Distrito Marechal Bormann, em Chapecó. De acordo com informações dos bombeiros foram duas rajadas de vento forte, que ocorreram entre 17h30 e 18 horas. –A segunda rajada veio acompanhada de chuva, o que dificultou o trabalho de auxílio às famílias- disse o soldado Ewerton Luiz Oliveira.

Foram distribuídos dois mil metros quadrados de lona. De acordo com o secretário de Defesa do Cidadão do Município, Sérgio Wallner, não há registro de feridos, desabrigados ou desalojados. Hoje os trabalhos de retirada de árvores prosseguem. Cerca de 20 árvores caíram. A Defesa Civil deve fazer hoje um levantamento dos prejuízos. A intenção é buscar auxílio para reposição das telhas das famílias carentes atingidas.

Comente aqui
04 set15:22

Aeroporto de Chapecó vai receber novos Bombeiros

Será anunciado nesta quarta-feira, dia 5 de setembro, a abertura do Concurso Público de Formação de Soldado Bombeiro Militar para o Aeroporto Municipal Serafim Enoss Bertaso de Chapecó e do Aeroporto de Correia Pinto. O anúncio será feito pelo comandante geral do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina, Coronel Marcos de Oliveira. Participa do ato o Secretário de governo de Chapecó, Ricardo Lunardi e o Secretário de Defesa do Cidadão, Sérgio Walner.

Ao todo serão 40 vagas. Destes, 24 vão compor o quadro de bombeiros que atuam no Aeroporto de Chapecó.

A inclusão dos novos soldados atende a expectativa de que o aeródromo de Chapecó mude de categoria, ingressando na classe 6, o que exige um número de seis bombeiros por dia, além de um novo caminhão.

>> Confira os horários de voos do Aeroporto de Chapecó

Comente aqui
20 jul09:31

Bombeiros Comunitários são formados em Campo Erê

Vinte e nove pessoas da região Oeste concluíram o Curso de Formação da primeira turma de Bombeiros Comunitários. A formatura do curso, que iniciou no em novembro de 2011, foi na cidade de Campo Erê.

O Curso de Bombeiro Comunitário foi dividido em três fases, sendo a primeira de conhecimento básico no atendimento de emergências, a segunda de conhecimento específico e atendimento avançado e por último estágio supervisionado. No total foram 244 horas entre o conhecimento teórico e o estágio.

O programa Bombeiro Comunitário é realizado em todo o Estado de Santa Catarina e tem por objetivo capacitar pessoas da sociedade para atuar num primeiro atendimento a vítimas de trauma ou emergência médica, seja no local de trabalho, na sua comunidade ou onde mais estiver. Os Bombeiros Comunitários são pessoas capacitadas pelo Corpo de Bombeiros Militar que doam seu tempo a serviço da comunidade.

Após o curso de formação, os Bombeiros Comunitários recebem fardamento e passam a integrar as guarnições de serviço, auxiliando voluntariamente nos mais diversos tipos de ocorrência.

A solenidade contou com a presença do Major Luiz Carlos Balsan, comandante do 6º Batalhão de Bombeiros Militar, com o Presidente da Associação de Bombeiros Comunitários de Campo Erê, Willian Pais Viganó.


1 comentário
04 jul21:52

Fogo atingiu silo de cooperativa no centro de Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Um incêndio por volta das 20 horas atingiu um silo de armazenamento de grãos de uma cooperativa no centro de Chapecó. Segundo informações preliminares o fogo pode ter iniciado em uma esteira que leva o grão para o armazenamento. No local não havia funcionários e ninguém ficou ferido.

O Corpo de Bombeiros de Chapecó foi chamado e fez o controle e rescaldo das chamas. Foram utilizados três caminhões e cerca de 20 mil litros de água na ocorrência.

As causas serão investigadas.


Comente aqui
20 jun12:28

Bebê abandonado em Chapecó está bem nutrido e fora de risco

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Segue internado no Hospital da Criança em Chapecó, o bebê de aproximadamente cinco dias, encontrado no final da tarde desta terça-feira no bairro São Cristovão. Ele estava enrolado com uma manta e dentro de uma sacola jogada num terreno baldio, na rua Licínio Córdova.

Quem encontrou o menino foi um garoto de 14 anos. Junior Everton Menegildo faltou a aula para ir ao centro comprar roupas com alguns amigos. No caminho ele e os amigos ouviram uma espécie de miado. Ele chegou perto da sacola e viu que era um bebê.

– Ele estava chorando e quando peguei no colo ele parou de chorar – contou o menino emocionado.

O jovem ‘anjo da guarda’ disse que a família duvidou da história. Rosana Sales, mãe de Junior, só se convenceu quando viu a criança no colo do filho.

– Tinha passado pelo local minutos antes e não vi nada de estranho – contou Rosana que chamou o Corpo de Bombeiros.

Antes da chegada dos bombeiros, o menino foi levado para um pronto-socorro particular que fica próximo ao local, onde foi aquecido. A guarnição dos bombeiros levou o bebê, que ainda tinha sangue e líquido amniótico pelo corpo, para o Hospital da Criança de Chapecó.

- O cordão umbilical estava com início de cicatrização – disse a soldado do Corpo de Bombeiros de Chapecó, Daliane Daleaste.

O bebê deu entrada no Hospital no final da tarde desta terça-feira, passa bem e segue internado em observação.

O médico Ani Werlang, que atendeu o bebê disse na manhã desta quarta-feira, que o quadro de saúde do menino é bom.

– Ele está bem nutrido e fora de risco – disse o médico. Porém, deve ficar internado em observação até a esta quinta-feira.

Segundo a conselheira tutelar, Terezinha Lunelli, que acompanhou o caso, assim que o bebê receber alta ele será encaminhado para o Abrigo de Chapecó. A conselheira disse ainda que foi registrado Boletim de Ocorrência na Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAM). A Polícia Civil vai investigar o caso.

De acordo com a coordenadora do Serviço de Acolhimento, Lilian Guntzel, o bebê está sob tutela do Abrigo.

– Recebemos na noite da terça uma comunicação sobre o caso. E ele ficará conosco até a decisão da justiça – disse Lilian.

No Abrigo de Chapecó estão acolhidas 21 crianças, de 0 a 11 anos. outras 90 crianças e adolescentes, de 12 a 18 anos, estão em quatro casas lares e 17 famílias acolhedoras da cidade.


Sobrevivência

Para o médico Jorge Hazin, no geral, o tempo de sobrevivência de um recém-nascido é variável.

– Depende de diversos fatores como a gestação, condições do parto, idade gestacional e grau de nutrição. Além das condições de exposição a fatores ambientais, como temperatura e umidade – disse o médico.


Comente aqui