Bombeiros

17 mai14:05

Corpo de Bombeiros de Xaxim tem novo comando

Na manhã desta quarta-feira, dia 16, o Tenente Ismael Mateus Piva assumiu o comando do Corpo de Bombeiros de Xaxim. Participaram da solenidade o Secretário de Desenvolvimento Regional de Xanxerê, Carlos Colatto, o comandante do 6º BBM, Major Luiz Carlos Balsan, o comandante da 3ª Companhia de Bombeiros Militar, Capitão Walter Parizotto e outras autoridades militares.

Piva é formado em Filosofia pela Unochapecó e Zootecnia pela UDESC. Em 2009 iniciou o curso de oficial em Florianópolis e agora inicia a carreira militar no comando do Corpo de Bombeiros de Xaxim.

- Ao assumir o comando, a expectativa é muito boa. Xaxim é uma cidade que está sempre crescendo, tem grande demanda de serviço, principalmente análise de projetos e vistorias. Espero fazer um bom comando, atendendo as necessidades da corporação e da população – explica.

O Secretário de Infraestrutura, Marcelo Basi esteve presente na solenidade, representando o Prefeito Gilson Vicenzi que está em viagem a Brasília.


Comente aqui
16 mar10:05

Comandante do 6º BBM de Chapecó é homenageado

O Major Luiz Carlos Balsan, Comandante do 6º Batalhão de Bombeiros Militar de Chapecó recebeu, na tarde desta quinta-feira, dia 15, homenagem pelo apoio prestado na operação veraneio 2011/2012. A entrega foi realizada pelo Capitão-de-Fragata da Marinha do Brasil, Fernando Anselmo Sampaio Mattos.

Balsan destacou a importância da parceria e entrosamento entre os órgãos de segurança e agradeceu o reconhecimento da Marinha do Brasil.

A operação veraneio da Marinha iniciou em dezembro de 2011 e encerrou nesta quinta-feira. Foram vistoriados 1800 embarcações e habilitados cerca de 600 pessoas nesse período. Segundo o Capitão-de-fragata Anselmo, a colaboração dos militares de Chapecó foi fundamental para o trabalho realizado pela Marinha na região.


Comente aqui
01 mar07:58

Azul deve operar em Chapecó somente em maio

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

A Azul Linhas Aéreas Brasileiras, que iniciaria as operações no dia 27 de fevereiro em Chapecó, só deve realizar voos na cidade a partir do mês de maio. O motivo segundo o diretor de relações institucionais da empresa, Adalberto Febeliano, é que faltam no Aeroporto Serafim Enoss Bertaso um caminhão específico para o combate de incêndio e mais bombeiros.

- Um caminhão como esse custa cerca de R$ 1 milhão de dólares e o prazo para entrega é longo – disse.

Febeliano alertou que, caso o caminhão não chegue até o final de março e a operação não seja liberada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a empresa só iniciará as operações no Oeste no final de 2012. – Sem o caminhão a gente não voa – disse.

Durante a tarde de ontem o diretor esteve reunido com o Prefeito de Chapecó, José Caramori. O prefeito informou que está buscando resolver as questões junto aos governos do Estado e Federal.

A companhia aérea, que seria a quinta a operar no aeroporto, iria utilizar os jatos Embraer 190, com capacidade para cem passageiros, e Embraer 195, com capacidade para 122 passageiros. A Azul já atua em 40 cidades, com 300 voos diários. Em Chapecó seriam seis voos diários com destino a Campinas/SP e Porto Alegre/RS. Com a inclusão de Chapecó na malha da aérea, serão ao todo quatro cidades servidas pela Azul no Estado, ao lado de Florianópolis, Joinville e Navegantes.

Hoje, a movimentação no aeroporto de Chapecó chega a 22 mil embarques e desembarques por mês.


Voos de Chapecó

Avianca (todos os dias) Sai diariamente para Florianópolis e São Paulo às 6h15 e às 14h10. Retornam às 13h40 e 0h30.

Gol (todos os dias) Sai diariamente para Florianópolis e São Paulo às 5h35 e às 15h10, retornando às 14h40 e às 0h45

NHT (segunda à sexta-feira) Pousa às 13h48 vindo de Curitiba-PR e Francisco Beltrão e sai às 14h08 para Curitiba-PR

TRIP (segunda à sábado) Pousa às 8h10 vindo de Porto Alegre, sai às 8h30 para Londrina-Maringá e Campo Grande, retorna às 21h30 e decola às 21h50 para Porto Alegre.



Comente aqui
29 jan14:02

Corpo de Bombeiros de Xaxim atendeu seis graves acidentes em 30 dias na BR 282

Os últimos 30 dias foram de muito trabalho para o Corpo de Bombeiros Militar de Xaxim. Neste período foram registrados pelo menos seis graves acidentes de trânsito na BR 282, no trecho de pouco mais de 12 km entre Xaxim e o trevo de Chapecó.

Segundo os Bombeiros, a combinação de alta velocidade e veículos pesados é um dos fatores que contribuem para estes dados preocupantes.

– Em um mês foram contabilizados cinco vítimas fatais neste trecho – destaca o Soldado Ewerton Luiz Oliveira.

>> Duas pessoas morrem em acidente na BR 282 em Xaxim

>> Homem morre em acidente na BR 282 em Xaxim

>> Advogado morre em colisão na BR 282

Na manhã da sexta-feira, dia 27, outra grave ocorrência foi atendida pelos oficiais.Foi uma colisão frontal entre um automóvel e um ônibus de transporte coletivo interestadual. Apesar da gravidade e dos danos ocasionados nos veículos, apenas o condutor do automóvel teve ferimentos leves e foi encaminhado ao Hospital pela guarnição do Corpo de Bombeiros Militar de Xaxim.


Comente aqui
27 jan17:21

Bombeiros Voluntários de Concórdia tem reivindicações atendidas

RBS TV CONCÓRDIA

Governo do Estado se antecipa a entrega de abaixo-assinado e se compromete a elaborar Emenda a Constituição para que os Bombeiros Voluntários de Concórdia possam retomar o trabalho de vistorias técnicas. Pelo menos sete mil pessoas já assinaram um manifesto em apoio aos voluntários.

De acordo com o secretário da SDR de Concórdia, Paulo Pastore, a proposta de alteração da constituição deve ser entregue a Assembléia Legislativa na próxima semana.

- O governo trabalha para que o projeto seja colocado em pauta ainda na primeira quinzena de fevereiro – disse o secretário.

Em dezembro, uma liminar considerou inconstitucional a lei municipal que delegava aos voluntários o serviço de fiscalização e análise de projetos. De acordo com a decisão judicial, este trabalho é de responsabilidade do estado e só pode ser feito por instituições com poder de polícia. Sem o valor das taxas de vistorias, o orçamento dos voluntários caiu pela metade.

No final da tarde de ontem, diversas entidades do município se uniram e fizeram uma manifestação pelas ruas da cidade em apoio aos voluntários. Durante o movimento também houve a coleta de assinaturas para um abaixo-assinado que vai ser entregue ao governador, solicitando apoio da base governista para que a lei seja alterada.


1 comentário
26 jan19:44

Bombeiros voluntários recebem apoio em Concórdia

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Cerca de mil pessoas participaram de um ato em defesa dos Bombeiros Voluntários de Concórdia, na tarde desta quinta-feira. Representantes de associações de moradores e entidades como Associação Comercial e Industrial, Câmara de Dirigentes Lojistas e Ordem dos Advogados do Brasil estiveram no local.

O que motivou a mobilização foi uma decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina suspendendo uma lei municipal que permitia a corporação de cobrar serviços técnicos, como vistorias. Esse serviço seria prestado a partir de agora por bombeiros militares. Com isso a receita dos voluntários cairá pela metade, o que inviabiliza o atendimento.

De acordo com o comandante dos Bombeiros de Concórdia, Rudimarr Vitto, o objetivo é pressionar o Governo do Estado a encaminhar uma emenda constitucional que permita aos voluntários a realização das vistorias. Os voluntários alegam que estão há 32 anos prestando serviço na cidade e contam com um quadro de 80 pessoas, com um orçamento anual de R$ 750 mil.


3 comentários
26 jan13:38

Ato em defesa dos bombeiros voluntários em Concórdia

Uma ato em defesa dos Bombeiros Voluntários de Concórdia está marcardo para às 18 horas de hoje, em frente ao quartel da corporação, na rua Independência. Entidades como Associação Comercial e Industrial, Câmara de Dirigentes Lojistas e Ordem dos Advogados do Brasil estão apoiando os Bombeiros Voluntários.

O motivo é que uma decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, ocorrida recentemente, suspendeu uma lei municipal que permitia a corporação de cobrar serviços técnicos, como vistorias. Esse serviço seria prestado a partir de agora por bombeiros militares. Com isso a receita dos voluntários cairá pela metade, o que inviabiliza o atendimento. As entidades vão encaminhar um abaixo assinado para o Governo do Estado pedindo a manutenção do serviço prestado pelos voluntários.


1 comentário
19 jan15:41

Situação dos Bombeiros Voluntários de Concórdia

Concórdia está unida para apoiar os Bombeiros Voluntários. Há 32 anos, a corporação criada e mantida pelos concordienses atua de forma efetiva na cidade e região. A sede dos Bombeiros Voluntários, as viaturas e os equipamentos foram adquiridos através de doações e convênios com a comunidade.

A suspensão da Lei Municipal que reduz em 50% a fonte de custeio da entidade, o que impede que os Bombeiros Voluntários de Concórdia tenham recursos suficientes para manter-se, resultando no corte dos atendimentos as pessoas, preocupa a população de mais de 11 municípios da região.

Representantes das principais entidades de Concórdia estiveram reunidos no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas – CDL para traçar estratégias, e pedir o apoio da comunidade. A intenção é convencer o estado, quanto à importância da continuidade dos serviços prestados pelos voluntários e a não necessidade da presença dos Bombeiros Militares.

- A população precisa estar unida neste momento, com o apoio de todas as entidades vamos fazer a diferença. Precisamos também mobilizar a classe política para resolver de vez essa questão – disse o presidente da CDL, Leocergio Sarturi.

A cidade construiu uma base sólida, que oferece segurança e qualidade em todos os serviços emergenciais e obrigatórios. A favor da vida, estão eles, os voluntários. Seja na prevenção de sinistros e catástrofes, no combate a incêndios, no salvamento de pessoas, bens, ou no atendimento hospitalar, os Bombeiros Voluntários de Concórdia trabalham incansavelmente pela população.

- Isso já não é mais apenas uma questão legal, mas uma questão social. Nossos governantes precisam olhar a situação com os olhos da vida humana, pensando principalmente no próximo. Só assim vamos poder reverter este quadro – comenta o presidente da Ordem dos Advogados/Subseção de Concórdia, Paulo Milléo.

As entidades decidiram organizar uma mobilização na quinta-feira, dia 26, em frente à corporação, a partir das 18h. – Chegou à hora de defendermos a nossa corporação. Convidamos toda a população para que participe deste ato – reitera o presidente da União Municipal das Associações de Moradores de Concórdia, Jaime Bernardi.

Além disso, as entidades devem encaminhar uma Carta Aberta para o governador Raimundo Colombo com várias assinaturas. – As lideranças políticas precisam estar comprometidas com a causa. Vamos lutar também pela transparência – comenta o presidente da Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Concórdia – Asaprev, Agostinho Schiochetti.

Para o presidente da Associação Comercial e Industrial de Concórdia – ACIC, Juliano Zandonai, é preciso mostrar aos políticos os benefícios proporcionados pelo Corpo de Bombeiros Voluntários, como a redução de custos a cidade.

Na internet, um Abaixo Assinado circula a favor da sobrevivência da corporação que Concórdia admira e agradece. O cidadão concordiense pode assinar o documento eletrônico acessando peticaopublica.com.br, no link “Apoio aos Bombeiros Voluntários de Concórdia”.


Comente aqui
04 jan20:17

Mulher morre em acidente entre lancha e Jet-Ski no Rio Uruguai em Chapecó

Um acidente náutico ocorrido no final da tarde de quarta-feira, no Porto Goio-Ên, em Chapecó, causou a morte de Graziela Dal’Acqua, 23 anos. Ela era caroneira de um Jet-Ski que acabou colidindo contra uma lancha, no Rio Uruguai.

Graziela chegou a ser socorrida e levada pelos Bombeiros até o Hospital Regional do Oeste, mas não resistiu aos ferimentos. O condutor do Jet-Ski e os ocupantes da lancha não saíram feridos.

-Eu ouvi a gritaria e como estava com um barco na água fui ajudar a socorrer- disse Rogério Faé, dono do centro náutico que fica em frente ao local do acidente. Faé disse que a vítima estava desacordada, com um ferimento grave no braço. Ele chegou a colocar a mulher no barco e a resgatou até a chegada dos bombeiros. –Ela chegou a ficar consciente num momento, mas depois desmaiou novamente- lembrou Faé.

A Polícia Ambiental registrou a ocorrência. A causa do acidente vai ser investigado pela Polícia Civil.


Comente aqui
11 dez21:29

Incêndio atinge parte da delegacia de Coronel Freitas na madrugada deste domingo

Daisy Trombetta | daisy.trombetta@diario.com.br

Um incêndio atingiu parte da delegacia de Coronel Freitas, no Oeste, por volta das 4h deste domingo. A polícia ainda investiga como o fogo teria começado, mas não houve feridos.

O fogo consumiu apenas materiais que estavam armazenados em uma sala nos fundos do prédio. Os atendimentos à população não serão prejudicados.

Um homem que havia sido detido na noite deste sábado estava preso na delegacia. Ainda não se sabe se ele pode ter relação com o início das chamas.

Policiais militares foram os primeiros a chegar ao local e conseguiram combater o incêndio utilizando extintores. Em seguida, os bombeiros de Chapecó, também no Oeste, fizeram o rescaldo nas partes atingidas.



Comente aqui