Bondio

18 set09:55

Aurora assume controle da Bondio

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A partir de outubro, a Aurora Alimentos assume a unidade frigorífica da Bondio Alimentos localizada em Guatambu. O contrato de arrendamento, com opção de compra após o período de aluguel, foi confirmado nesta segunda à tarde pela direção da Aurora, em Chapecó.

Com a incorporação, a Aurora vai aumentar seu abate de aves em 20% até o final do ano e em 25% até 2014. A Aurora é uma das maiores abatedoras de suínos do país mas a participação no abate de aves ainda é modesta em comparação com gigantes como a BR Foods.

O presidente da Aurora, Mário Lanznaster, explica que a cooperativa está apostando que o Brasil vai crescer ainda mais na exportação de aves, uma carne que não tem restrições culturais e religiosas.

— É mais fácil vender frango do que suíno — compara.

Ele destaca que a negociação ocorreu devido à crise do setor de carnes, motivada pela falta de milho e soja, que tiveram aumento de custos. O farelo de soja, por exemplo, aumentou de R$ 0,70 o quilo para R$ 1,40.

Para o diretor de agropecuária da Aurora, Marcos Zordan, a negociação com a Bondio foi a oportunidade de aumentar a produção imediatamente e sem desembolsar grandes volumes de recurso na construção de uma nova unidade. Esta é a quarta unidade que a cooperativa arrenda com opção de compra.

— Assim não mexemos no nosso capital de giro — explica Zordan.


Funcionários serão recontratados

O vice-presidente Neivor Canton afirma que os mil empregados da Bondio serão demitidos e recontratados, com ampliação de vagas. A meta é chegar a 1,4 mil funcionários em um mês.

O valor da transação não foi divulgado a pedido da Bondio. O diretor da empresa, Mario Sperandio, não foi localizado para comentar a negociação. Lanznaster diz que não está definido o prazo para fechar a compra mas garante que a Aurora está entrando na unidade para não sair mais.


Reflexos no preço da carne

O presidente da Cidasc, Enori Barbieri, considera que a incorporação da Bondio pela Aurora é boa para os produtores, que poderiam ficar desamparados em caso de agravamento da crise. Mas ele considera que os consumidores vão pagar mais caro:

— Com esse custos de produção, inevitavelmente as carnes vão subir.

A fusão e incorporação de empresas é uma tendência de mercado, lembra o economista da Universidade do Oeste do Estado (Unoesc), Odair Balen. Ele afirma que as empresas precisam ganhar em escala para comprar insumos com menor custo. No entanto, avalia que a concentração é ruim para o consumidor, que tem suas opções reduzidas.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
11 set00:00

Aurora arrenda Bondio e aumenta abate em 20%

Darci Debona/darci.debona@diario.com.br

A partir de outubro a Aurora Alimentos assume a unidade frigorífica da Bondio Alimentos localizada em Guatambu. O arrendamento, com opção de compra, foi confirmado em coletiva no início da tarde da segunda-feira, pela direção da Aurora, em Chapecó.

Com a incorporação a Aurora vai aumentar seu abate de aves em 20%, até o final do ano, e em 25% até 2014. A Aurora é uma das maiores abatedoras de suínos do país mas a participação no abate de aves é modesta, em comparação com a BR Foods, que somente na unidade de Capinzal abate 400 mil aves.

O presidente da Aurora, disse que a cooperativa está apostando que o Brasil vai crescer ainda mais na exportação de aves, pois é uma carne que não tem restrições culturais e religiosas.

– É mais fácil vender frango do que suíno – afirmou Lanznaster.

Ele destacou que a negociação ocorreu devido à crise do setor de carnes, motivada pela falta de milho e soja, que tiveram aumento de custos. O farelo de soja, por exemplo, aumentou de R$ 0,70 ao quilo para R$ 1,40.

– É uma notícia boa para a Aurora que veio de algo ruim para o setor- explicou.

Ele recebeu sondagem de pelo menos 10 frigoríficos, de todo o país, interessados em negociar com a Aurora.

Para o diretor de agropecuária da Aurora, Marcos Zordan, a negociação com a Bondio foi a oportunidade de aumentar a produção imediatamente e sem desembolsar grandes volumes de recurso na construção de uma nova unidade. Esta é a quarta unidade que a cooperativa arrenda com opção de compra.

– Assim não mexemos no nosso capital de giro – afirmou Zordan.

O vice-presidente Neivor Canton afirmou que os funcionários da Bondio serão demitidos e recontratados, com ampliação de vagas. A meta é chegar a 1,4 mil funcionários em um mês.

O valor da transação não foi divulgado a pedido dos proprietários da Bondio. O diretor da empresa, Mario Sperandio, não foi localizado para comentar a negociação. Lanznaster disse que não está definido o prazo para a aquisição mas garante que a Aurora está entrando na unidade para não sair mais.

Ele afirmou que a cooperativa está com um bom resultado e o faturamento deve passar de R$ 3,8 bilhões no ano passado para R$ 4,1 bilhões em 2012.


UNIDADES ARRENDADAS PELA AURORA COM OPÇÃO DE COMPRA

 

Chapecó Alimentos

Cidade: Chapecó

Ano: 2004

Como está: Abate 2,3 mil suínos por dia e  tem 1,7 mil funcionários

Como estava: Parada



Cotrel

Cidade: Erechim-RS

Ano: 2005

Como está: Abate 120 mil aves por dia e 1,9 mil suínos por dia e tem 2,2 mil funcionários

Como estava: O abate foi mantido


Avepar

Cidade: Abelardo Luz

Ano: 2010

Como está: Abate 140 mil aves/dia e tem 1,4 mil funcionários

Como estava: Abatia 70 mil aves/dia


Bondio

Cidade: Chapecó

Ano: 2012

Como está: Abate 110 mil aves/dia mas estava reduzindo para 65 mil aves/dia e tinha dispensado 300 funcionários.

Como vai ficar: A Aurora vai retomar a produção de 110 mil aves e quer aumentar para 140 mil aves/dia até 2014. Os funcionários devem passar de mil para 1,4 mil



OUTRAS UNIDADES PRÓPRIAS DA AURORA

Chapecó: Abate 4,6 mil suínos por dia

São Gabriel do Oeste-MS: Abate 2 mil suínos dia

Sarandi-RS: Abate 1,8 mil suínos dia

Quilombo: Abate 135 mil aves/dia

Maravilha: Abate 135 mil aves/dia

Pinhalzinho: Laticínio que processa 1,4 milhão de litros por dia

OBS: Mais 30 mil aves por dia são abatidos por terceiros e industrializados 600 mil litros de leite dia também com parcerias.


O que muda:

Funcionários: Passa de 16,1 mil para 17,5 mil

Abate total de aves: Passa de 560 mil para 700 mil

Integrados de aves: Passa de 1,5 mil para 1,8 mil


Outros dados da Aurora

Abate de suínos: 14 mil/dia

Faturamento em 2011: R$ 3,8 bilhões

Faturamento previsto para 2012: R$ 4,1 bilhões


Comente aqui
10 set14:55

Aurora de Chapecó assume operação da Bondio a partir de 1° de outubro

A Coopercentral Aurora Alimentos – um dos maiores conglomerados agroindustriais do País – assumirá a partir de 1º de outubro as operações da indústria de aves da Bondio Alimentos, localizada na rodovia SC-283, no quilômetro 3, no município de Guatambu.

O anúncio foi feito nesta segunda-feira, dia 10, pelos diretores da cooperativa Mário Lanznaster (presidente), Neivor Canton (vice-presidente) e Marcos Antonio Zordan (diretor de agropecuária).



Diretores da Coopercentral Aurora Alimentos Neivor Canton (vice-presidente), Mário Lanznaster (presidente) e Marcos Antonio Zordan (diretor de agropecuária).



A efetivação do negócio (arrendamento com opção de compra) surgiu após reunião, na última semana, com os dirigentes da Coopercentral Aurora Alimentos e da Bondio Alimentos, representada pelos empresários Mário Antônio Sperandio, Valdir Luís Sperandio e Maria Auxiliadora Sperandio.

De acordo com a negociação, a partir de 1º de outubro a Coopercentral Aurora Alimentos inicia as operações da unidade fabril da Bondio Alimentos em Guatambu, em sua capacidade plena. Os diretores da cooperativa asseguram que desta maneira será mantido o mesmo nível de emprego. Atualmente a unidade possui aproximadamente mil colaboradores e a previsão inicial é de ampliar para 1,4 mil empregos diretos. A unidade abate 110 mil aves por dia e produz cortes congelados.

Os valores da negociação e os planos de expansão da Coopercentral Aurora Alimentos não foram divulgados. As atividades da Bondio Alimentos abrangem toda a cadeia produtiva, desde a produção de ovos férteis, integração e processamento de carne de frango para consumo.

Aurora

A Coopercentral Aurora Alimentos é um conglomerado agroindustrial sediado em Chapecó (SC) que pertence a 13 cooperativas agropecuárias. Faturou R$ 3,8 bilhões de reais em 2011. Com a incorporação da estrutura produtiva da Bondio Alimentos, passa a sustentar cerca de 17.500 empregos diretos. Sua capacidade de processamento é de 14 mil suínos/dia, 700 mil aves/dia e 2,0 milhões de litros de leite/dia.

Mantém, no campo, plantéis permanentes de 850 mil suínos e 19 milhões de frangos. A sua base produtiva é formada por 9 mil produtores de leite, 3,6 mil criadores de suínos e 1,8 mil criadores de aves.

Possui sete unidades industriais para processamento de suínos, seis plantas para processamento de aves, quatro fábricas de rações, uma indústria de lácteos, dez unidades de ativos biológicos (granjas de reprodutores suínos e matrizes de aves, incubatórios e silos), uma unidade de disseminação de genes (UDG), nove unidades comerciais e 100 mil pontos de vendas no país.


Comente aqui
10 set09:35

Estela Benetti: Aurora e Bondio negociam

A Aurora Alimentos, central de cooperativas do Oeste do Estado que no ano passado obteve receita bruta de R$ 3,8 bilhões, e a Bondio Alimentos, do município de Guatambu, também do Oeste, estão negociando acordo para produção e venda de frangos, segmento em que a Bondio atua.

A expectativa é de que os detalhes da operação – se vai ser um arrendamento ou incorporação por parte da Aurora – sejam anunciados nesta segunda-feira. No domingo, as duas companhias foram procuradas pelo Diário Catarinense, mas disseram que só falarão nesta segunda.

A rádio Tropical FM, do Oeste, informou no sábado, dia 8 de setembro, que a Aurora arrendou a Bondio por sete anos, com opção de compra. O acordo envolve desde a produção junto a integrados até a comercialização. A negociação foi realizada em função da série de obstáculos causados pelo alto preço da ração devido à seca nos EUA. Em operação desde 2004, a Bondio emprega cerca de 1 mil pessoas, abate 110 mil frangos por dia e vende seus produtos no Brasil e no exterior.

>> Confira mais informações no Blog da Estela Benetti

Comente aqui